WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia embasa secom bahia secom bahia secom saude></a>
<a href=secom ponte ilheus prefeitura de ilheus secom bahia


maio 2021
D S T Q Q S S
« abr    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  


:: ‘Ilhéus’

HOMEM “ARRUMA” ESGOTO E DEIXA RECADO PARA O PREFEITO EM ILHÉUS

Do Ilhéus 24h.

Antônio José é quem assina o bilhete.

Um cidadão cansado do fedor e desconforto causado por um esgoto, resolveu nesta segunda-feira (26) chamar a atenção direta do Prefeito Mário Alexandre para o problema na rua Sete de Setembro, no centro de Ilhéus.

Antônio José é quem assina o bilhete.

Antônio José, é quem assina um “bilhete” escrito à mão deixado na rua, endereçado ao prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre. De forma voluntária ele desviou o escape do esgoto para a rede pluvial da rua, interditou o buraco com um cavalete e algumas tábuas e escreveu: “Prezado s.r. P. Drs Mário Alexandre, por favor solicito ao ilustre prefeito uma nova rede pluvial para a rua sete de setembro. As manilhas estão obstruídas há muitos anos. Prefeito chega de vergonha pois o centro de Ilhéus não merece isto.” Há ainda uma observação feita pelo senhor: “fazer estudo de vasão para água”.

Bilhete.

 

MUNICÍPIOS BAIANOS DEVEM FORNECER DADOS SOBRE VACINAÇÃO CONTRA COVID-19

Transparência covid-19

O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia, conselheiro Plínio Carneiro Filho, encaminhou aos prefeitos, secretários de saúde e controladores internos das prefeituras de todo o estado, pedido de informações sobre o planejamento e a campanha de vacinação das populações contra a Covid-19. Os dados devem ser enviados para divulgação em um “Hotsite Nacional” criado pelos tribunais de contas. O objetivo é dar maior transparência e permitir o compartilhamento das ações de fiscalização sobre o combate à pandemia.

Os gestores municipais têm até o dia 10 de maio para responder a dois questionários – um sobre o planejamento e outro sobre a execução da campanha de vacinação. O primeiro visa mapear e conhecer os planos dos municípios sobre o desenvolvimento da campanha, como também servir de roteiro e orientar os municípios que ainda não formalizaram seu planejamento.

O segundo questionário visa mapear e conhecer os procedimentos e ações de execução da campanha, independentemente da formalização e publicação do planejamento municipal. O primeiro questionário pode ser acessado pelo link: https:// bityli.com/LzKzy. E o segundo pelo link: https://bityli.com/u0ETa. Além de responder aos dois questionários, os gestores municipais responsáveis devem enviar o Plano Municipal de Vacinação no endereço eletrônico (covid.cnptcbr@tcm.ba.gov.br) até o dia 10 de maio.

FUNCIONÁRIOS DA CAIXA REALIZAM MANIFESTAÇÃO EM ILHÉUS E ITABUNA

Do Bahia Notícias.

Foto do ILHÉUS EM RESUMO.

 

Os funcionários da Caixa Econômica Federal (CEF) decidiram realizar um “Dia de Luta” nesta terça-feira (27). A paralisação, que é de nível nacional, conta com a adesão de 12 cidades baianas: Salvador, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Irecê, Jacobina, Juazeiro, Teixeira de Freitas, Jequié, Itabuna, Ilhéus, Camaçari e Alagoinhas.

Na capital baiana, o ato começou por volta das 6h30, na agência das Mercês, onde os funcionários espalharam faixas e dialogam com a população sobre as motivações do ato – não haverá caminhada ou paralisação das atividades, com abertura das agências prevista para o horário normal, às 8h.

Procurado pelo BN, o presidente do Sindicato dos Bancários, Augusto Vasconcelos, explicou que a manifestação possui cinco pautas de reivindicações. Uma delas é a vacinação de todos os funcionários. “Porque as agências são locais de alta contaminação e já temos mais de 30% da categoria que testou positivo pra Covid-19”, justifica o sindicalista.

Outra pauta é a defesa da PLR Social, a participação de lucros e resultados. De acordo com o sindicato, o banco distribuiu aos funcionários 3% de seu lucro, pagamento inferior ao que está previsto no Acordo Coletivo de Trabalho, que é 4% dos proveitos.

Os servidores também protestam contra a venda de ações da Caixa Seguridade, anunciada para a próxima quinta-feira (29), pois apontam que isso significa a privatização de um setor rentável ao banco.

Mais uma reivindicação é a definição de um acordo de trabalho específico para o regime de teletrabalho. “Atualmente, 40% dos funcionários estão trabalhando de casa e não tem qualquer tipo de normatização. Estão com jornada excessiva, fazendo horas extras sem receber”, denuncia Vasconcelos.

Além disso, o sindicato defende a contratação de mais funcionários para dar conta da demanda crescente nas agências, especialmente neste período de pagamento do auxílio emergencial.

Com essa pauta, o sindicalista afirma que os servidores da Caixa conseguiram marcar uma nova rodada de negociação para o dia 5 de maio e, por isso, suspenderam a paralisação prevista para hoje. O ato foi resumido a essa manifestação, que, de acordo com Vasconcelos, não vai impedir o funcionamento das agências.

 

GOVERNO DA BAHIA ABRE INSCRIÇÕES PARA 200 MIL VAGAS EM CURSOS GRATUITOS DE QUALIFICAÇÃO

Cursos.

A Secretaria de Educação do Estado abriu, nesta segunda-feira (26), as inscrições para 200 mil vagas de cursos de Qualificação Profissional ou de Formação Inicial e Continuada (FIC), na modalidade de ensino não presencial de Educação à Distância (EAD).

Voltada para estudantes e egressos da rede estadual de ensino, a inscrição no programa pode ser feita até dia 5 de maio, por meio do preenchimento de formulário eletrônico e questionário socioeconômico, disponíveis no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br).

Entre os requisitos para a inscrição, o candidato deve ser residente e domiciliado na Bahia; possuir registro de matrícula junto à Secretaria da Educação do Estado; possuir Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) válido; ser estudante regularmente matriculado no Ensino Médio da rede pública estadual de ensino no ano letivo de 2020/2021 e possuir frequência neste ano letivo; ser egresso de curso da Educação Profissional Técnica de Nível Médio da rede pública estadual, no período de 2017 a 2019; e possuir documentação pessoal atualizada junto à unidade escolar na qual está ou esteve matriculado.

As vagas estão distribuídas em 11 Eixos Tecnológicos e 44 cursos de Qualificação Profissional ou de Formação Inicial e Continuada (FIC), em um total de 3.567 turmas.

ILHÉUS: AGLOMERAÇÃO NA VACINAÇÃO PARA IDOSOS E DEFICIENTES NESTA TERÇA-FEIRA, 27

Fotos: Julio Gomes.

Na manhã desta terça-feira (27) uma fila enorme, formada por pessoas que vão tomar a segunda dose da CoronaVac, foi registrada no quarteirão da Cruzada do Bem pelo Bem, em Ilhéus.

Sob o sol, idosos, pessoas com deficiência, pacientes renais e amputados aguardam desde as primeiras horas da manhã para tomar a vacina. Alguns procuram sombras para se esconder do sol, outros levaram bancos e cadeiras para sentar, já que a espera vai ser longa.

Aglomerações

Com a quantidade de pessoas manter o distanciamento social fica praticamente impossível. Apenas um funcionário da prefeitura tenta, diante de suas possibilidades, organizar a fila e dar orientação às pessoas.

Aglomerações na vacinação de idosos.

É necessário aguardar para receber a segunda dose da vacina, mas a prefeitura deveria ao menos oferecer condições dignas para os idosos e pessoas com deficiência.

Informações do Blog do Gusmão.

DIRETORIA DA ANVISA REJEITA IMPORTAÇÃO E USO DA SPUTNIK V

Da Agência Brasil.

Fachada do edifício sede da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Os cinco diretores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) rejeitaram, por unanimidade, a importação e o uso da vacina russa Sputnik V pelo Brasil. A decisão foi tomada na noite de ontem (26). O imunizante é produzido pelo Instituto Gamaleya, da Rússia. Os diretores do órgão se reuniram, de forma extraordinária, para avaliar os pedidos de nove estados para a aquisição da vacina.

O diretor da Anvisa, Alex Machado Campos, que é o relator do pedido, considerou que o imunizante pode trazer riscos à saúde. Além disso, foram apontadas falhas e pendências na documentação apresentada pelo fabricante. Ele se baseou em pareceres técnicos de três gerências da Anvisa, que fizeram uma apresentação no início da reunião.

“Para os pleitos ora em deliberação, o relatório técnico da avaliação da autoridade sanitária ainda não foi apresentado, os aspectos lacunosos não foram supridos, conforme as apresentações técnicas. Portanto, diante de todo o exposto, verifica-se que os pleitos em análise não atendem, neste momento, às disposições da Lei 14.124 e da Resolução da Diretoria Colegiada 476, de 2021, razão pela qual eu voto pela não autorização dos pedidos de importação e distribuição da vacina Sputnik V solicitados pelos estados que já relacionamos”, afirmou o diretor-relator. O voto do relator foi seguido pelos outros relatores da agência.

A deliberação foi marcada dentro do prazo estipulado pela Lei n º 14.124/21, e de acordo com a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski, que determinou a análise da questão dentro do prazo de 30 dias. Caso não houvesse essa análise por parte da Anvisa, a vacina poderia ser importada.

Os estados que tiveram seus pedidos avaliados pela Anvisa foram: Bahia, Acre, Rio Grande do Norte, Maranhão, Mato Grosso, Piauí, Ceará, Sergipe e Pernambuco. Além desses, também estão com pedidos pendentes de avaliação, ainda dentro do prazo, os estados de Rondônia, Sergipe, Tocantins, Amapá e Pará, e os municípios de Niterói (RJ) e Maricá (RJ). Ao todo, esses pedidos somam 66 milhões de doses, que poderiam vacinar cerca de 33 milhões de pessoas, por meio de duas doses.

Antes da votação dos diretores, gerentes de três departamentos da Anvisa apresentaram seus pareceres técnicos contra a compra da Sputnik V. Os relatórios foram incorporados ao voto do diretor-relator, Alex Machado Campos.

Vírus replicante

Em sua apresentação, o gerente-geral de Medicamentos e Produtos Biológicos da Anvisa, Gustavo Mendes, argumentou que os lotes analisados mostram a presença de adenovírus com capacidade de reprodução no composto da vacina, o que traz riscos à saúde. A tecnologia utilizada na fabricação da Sputnik V é a do adenovírus vetor. Por meio dessa técnica, o código genético do Sars-Cov-2, que é o vírus da covid-19, é inserido no adenovírus e este, ao ser administrado em seres humanos por meio da vacina, estimula as células do organismo a produzir uma resposta imune.

O adenovírus é um vírus que possui uma capacidade natural de replicação no corpo humano, mas quando utilizado como imunizante, essa capacidade de reprodução deve estar neutralizada, o que não teria ocorrido no caso dos lotes da Sputnik avaliados pela Anvisa.

“Um dos pontos críticos, cruciais, foi a presença de adenovírus replicante na vacina. Isso significa que o vírus, que deve ser utilizado apenas para carregar o material genético do coronavírus para as células humanas e promover a resposta imune, ele mesmo se replica. Isso é uma não conformidade grave”, disse Mendes. “Esse adenovírus replicante foi detectado em todos os lotes apresentados da vacina Sputnik”,

Esse procedimento, explicou o gerente-geral, está em desacordo com o desenvolvimento de qualquer vacina de vetor viral, de acordo com os parâmetros de autoridades regulatórias dos Estados Unidos e da União Europeia. Ele alertou que, uma vez no organismo humano, o adenovírus replicante poderia causar viroses e se acumular em tecidos específicos do corpo, como nos rins.

Documentação

Em outra avaliação, dessa vez sobre as empresas que fabricam a vacina, a Gerência Geral de Inspeção e Fiscalização da Anvisa informou que não foi apresentado o relatório técnico de aprovação do imunizante russo para verificar o controle de qualidade na fabricação.

Por causa disso, a Anvisa analisou documentos próprios e de outras autoridades regulatórias internacionais e solicitou a realização de uma inspeção presencial em duas das empresas que fabricam a vacina na Rússia, a Generium e a UfaVITA. A inspeção no Instituto Gamaleya, que é o desenvolvedor da vacina, foi negada pelo governo russo. Essa inspeção foi realizada ao longo da semana passada por três técnicos enviados pela agência. Na visita, de acordo com a gerente de inspeção, Ana Carolina Merino, foram constadas não conformidades na fabricação da vacina, que impactam, entre outras, na garantia de esterilidade do produto.

“Neste momento, o risco inerente à fabricação não é possível de ser superado, tanto para o insumo fabricado pela Generium quanto pelos produtos acabados fabricados pela Generium e pela UfaVITA, então a nossa gerência não recomenda a importação da vacina”, afirmou.

Em outro parecer, a gerente-geral de Monitoramento de Produtos Sujeitos à Vigilância Sanitária da Anvisa, Suzie Marie Gomes, afirmou haver falta de informações conclusivas sobre eventos adversos de curto, médio e longo prazos decorrentes do uso da vacina, o que prejudica a avaliação do produto. “Eu chamo a atenção também para que a ausência de dados também é informação. A ausência de comprovação é considerada uma evidência, e uma evidência forte, sobretudo quando temos uma estimativa de população exposta ao risco que beira os 15 milhões de cidadãos”, afirmou.

95% DOS LEITOS DE UTI COVID DE ILHÉUS ESTÃO OCUPADOS

Leitos de UTI.

A Secretaria de Saúde de Ilhéus (Sesau) informa que 77 dos 81 leitos de UTI Covid mantidos pelo SUS no município estão ocupados, o que representa taxa de ocupação de 95,06%.

Até o momento, o município registrou 16.390 casos da doença, 417 óbitos e 15.723 recuperados.

De acordo com o boletim epidemiológico deste domingo (25), Ilhéus tem 250 casos ativos de Covid-19, enquanto 157 pessoas aguardam resultado do exame para confirmar ou descartar o contágio.

PRAZO PARA INCLUSÃO DE BENEFICIÁRIOS DO BPC NO CADÚNICO É PRORROGADO NOVAMENTE

Prazo para inclusão de beneficiários do BPC no CadÚnico é prorrogado novamente.

Foi prorrogado, mais uma vez, o prazo para a inclusão de beneficiários do Benefício de Prestação Continuada (BPC) para o público que ainda não realizou a inscrição no Cadastro Único (CadÚnico), por meio da Portaria n° 623, de 31 de março de 2021 do Ministério da Cidadania. Um novo calendário para inscrição foi adiado, assim como os procedimentos que envolvam bloqueio ou suspensão do BPC pelo motivo de falta de inscrição no CadÚnico.

Em Ilhéus, a Prefeitura está realizando atendimento remoto de segunda à sexta, das 8h às 13h, por meio do Whats App, pelos números: (73) 98899-8977, 98825-0801 e 98825-6248.

As novas datas passam a ser as seguintes:

Lote Mês de aniversário da/o beneficiária/o Data limite para o cadastramento
9º Setembro 30/10/2021
10º Outubro 30/11/2021
11º Novembro 30/12/2021
12º Dezembro 30/01/2022

A inscrição no Cadastro Único permanece como requisito obrigatório para os beneficiários do BPC. Além deste benefício, a inclusão cadastral permitirá que essas pessoas possam ter acesso a outros serviços, programas e benefícios sociais.

As visitas domiciliares podem continuar sendo realizadas, quando preciso – sobretudo levando em conta as características do público que recebe o BPC, com dificuldades adicionais pela idade avançada ou condição de deficiência, desde que tomados os devidos cuidados para preservação da saúde dos usuários e da equipe do município.

UESC SE CONSOLIDA ENTRE AS MELHORES UNIVERSIDADES ESTADUAIS NO RANKING DO MEC

Uesc

A Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), mais uma vez, faz parte do grupo de Instituições de Ensino Superior que recebeu nota 4 (em uma escala de 1 a 5) no IGC – Índice Geral de Cursos, avaliação realizada pelo Ministério da Educação.

Quanto mais próxima a nota for de 5, melhor deve ser a qualidade da instituição.  De acordo com o IGC de 2019, foram cerca de 24 mil cursos avaliados entre 2017 e 2019, em mais de duas mil instituições (públicas e privadas).

Segundo a pró-reitora de Graduação da Universidade, professora, Rosenaide Pereira Ramos, “o resultado alcançado pela UESC no IGC, traduz o investimento da instituição na qualificação do corpo docente, na articulação ensino, extensão e pesquisa (produção de conhecimento); na busca de melhoria dos recursos tecnológicos, na atualização dos currículos e atendimento aos discentes. Para a instituição fica o estímulo para continuar trabalhando de modo a, sempre, ocupar os melhores lugares nas avaliações das IES”.

Os dados do IGC levam em consideração 2.070 instituições de ensino superior, tanto públicas quanto privadas. Para que um curso tenha o IGC calculado, de acordo com o Inep, é preciso que a instituição tenha, no mínimo, um curso com CPC calculado no triênio de referência.

Leva-se em conta, no cálculo do IGC, o Conceito Preliminar de Cursos (CPC) do triênio 2017-2019, a média dos conceitos de avaliação dos programas de pós-graduação stricto sensu atribuídos pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), e a distribuição dos estudantes na graduação ou pós-graduação stricto sensu.

O levantamento faz parte dos Indicadores de Qualidade da Educação Superior. Além do IGC, também compõem a lista o Conceito Enade, o Indicador de Diferença entre os Desempenhos Esperado e Observado (IDD) e o Conceito Preliminar de Cursos (CPC).

O resultado alcançado  pela UESC no IGC,  traduz o investimento da instituição na qualificação do corpo docente, na articulação ensino, extensão e  pesquisa (produção de conhecimento); na busca de melhoria dos recursos  tecnológicos,  na atualização dos currículos e atendimento aos discentes. Para a instituição fica o estímulo para continuar trabalhando de modo a, sempre,  ocupar os melhores lugares nas avaliações das IES.

CÂMARA DE ILHÉUS TERÁ SESSÃO ESPECIAL INDÍGENA NA PRÓXIMA QUINTA, ÀS 16 HORAS

Cláudio Magalhães.

Aprovada no plenário, através de um requerimento apresentado pelo vereador Cláudio Magalhães (PCdoB), uma sessão especial indígena acontecerá na próxima quinta-feira (29), às 16h. O encontro será virtual, na plataforma Zoom e transmitido pelas redes sociais da casa legislativa ilheense, no Facebook e no YouTube.

A solenidade fará uma ampla abordagem sobre as questões indígenas no Brasil, como a demarcação de terras, direitos dos povos originários e a importância de sua representação e valorização cultural, com o tema central: “A importância do Abril Indígena para a Manutenção do Legado Cultural do Povo Tupinambá”.

Presenças confirmadas

Alguns caciques indígenas já confirmaram presença no evento, como Luciano Akauã, Maria Valdelice Jamopoty, Aruã Pataxó, Sival Susuarana, Gildo Amaral, Maria Jesuína Tupinambá, Valdenilson (APOIMNE), Agnaldo Pataxó (Coordenador Geral do Mupoiba) e Ramon Itagibá. A sessão ainda espera a participação de Joenia Wapichana (Rede-RR), primeira mulher indígena a ocupar um cargo de deputada na Câmara Federal.

Outros apoiadores e simpatizantes da causa indígena participarão do evento, como a deputada federal, Alice Portugal (PCdoB/BA); o deputado estadual Fabrício Falcão (PCdoB/BA); a secretária estadual Fábia Reis, Promoção da Igualdade Racial – BA; o presidente do Sindicato dos Bancários de Ilhéus, Rodrigo Cardoso; o presidente do Fórum de Igualdade Racial, Pai Val; o presidente do Conselho Municipal de Cultura, Daniel Mendes; o representante dos Povos de Terreiro, Carlos Alabojy; o artista plástico Gildásio Rodriguez; entre outros convidados.

A sessão especial indígena ainda contará com a presença de Haroldo Heleno, coordenador do Conselho Indigenista Missionário (CIMI) Leste, que fará uma explanação sobre o processo de demarcação do Povo Tupinambá.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia