WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
bahiagas prefeitura ilheus


junho 2022
D S T Q Q S S
« maio    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  


:: ‘Destaque2’

AUGUSTÃO É PRÉ-CANDIDATO A DEPUTADO FEDERAL PELO PT

Augustão

Nesta quinta-feira, (28), o vereador Carlos Augusto Cardoso da Silva, conhecido como Augustão, comunicou sua pré-candidatura a deputado federal.

A indicação de Augustão ao cargo ocorreu ontem, quarta-feira (27), em reunião com o presidente estadual do PT, em Salvador. Segundo o parlamentar ao site Fábio Roberto Notícias, seu nome foi escolhido pelo fato do PT não possuir pré-candidatura a federal em Ilhéus e região.

JAILSON NASCIMENTO LANÇA PRÉ-CANDIDATURA A DEPUTADO ESTADUAL

Jailson.

O feriado do Trabalhador, comemorado no próximo domingo, dia 1° de maio, marca a largada na pré-campanha a deputado estadual do ex-vereador Jailson Nascimento. Recém-filiado ao partido Solidariedade, Nascimento ocupou cadeira no legislativo de Ilhéus por quatro mandatos, tendo sido também presidente da câmara. O evento será a partir das 8h30min, no auditório do hotel Barravento, e deve contar com a presença de lideranças estaduais e locais.

Com mais de trinta anos de atuação política, sendo 16 somente como vereador, Jailson Nascimento já foi também secretário municipal, assessor parlamentar na Câmara dos Deputados e, atualmente, é presidente do Sindicato dos Taxistas de Ilhéus, um dos maiores e mais antigos da região. Recentemente, vinha coordenando campanhas vitoriosas a deputado e é pai do vereador ilheense Fabrício Nascimento.

De acordo com o pré-candidato, a região do cacau não pode continuar sem representante no parlamento estadual. “O Sul da Bahia, a região de Ilhéus e Itabuna, tem cerca de um milhão de habitantes e precisa eleger alguém com condições de representar suas demandas, para que possamos garantir uma contínua melhoria das condições de vida, de negócios, de serviços para essa população”, comentou Jailson. Do Ilhéus24h.

GOVERNO DO ESTADO SE RECUSA A NEGOCIAR SALÁRIO DE NÍVEL DOS POLICIAIS CIVIS DA BAHIA, DIZ SINDPOC

Policia Civil

Durante a terceira reunião determinada pela justiça, entre o Movimento Juntos Somos Mais Fortes (MJSMF) e representantes do Governo do Estado da Bahia, ocorrida nesta segunda – feira (25), na SAEB (CAB), a gestão do governador Rui Costa afirmou que o estado não tem condições de negociar com os Policiais Civis a regulamentação do artigo 46, parágrafo 1, da Lei 11.370/2009, pela adequação remuneratória do salário de Nível Superior.

No entanto, o governo solicitou uma proposta do MJSMF que busque contemplar os anseios da categoria. Proposta essa que precisa ser apresentada no próximo dia 25/05, data já definida pela justiça para que o governo se reúna novamente com os trabalhadores.

“Essa negativa por parte do governo frustra as expectativas dos Investigadores, Escrivães e Peritos Técnicos, pois tínhamos uma esperança que o governo se sensibilizaria com o pleito dos Policiais Civis. Mas, infelizmente não foi isso que percebemos aqui nessa reunião”, declarou Eustácio Lopes, presidente do SINDPOC.

Assembleia Geral

Diante do novo cenário, onde a gestão estadual se recusa a negociar salário de nível dos Policiais Civis da Bahia, será marcada ainda essa semana uma assembleia geral da categoria. Na ocasião, o Movimento Juntos Somos Mais Fortes vai informar aos policiais a posição do governo.

Para Eustácio Lopes neste momento é importante sentar com os colegas e deliberar as próximas ações. “Nós vamos ouvir os colegas, com calma e muita serenidade. Vamos conversar, daí em consenso fechar a questão sobre uma posição ao governo.

Agora assim, quem vai decidir são os policias, a categoria entendendo que não existe proposta decidiremos os próximos passos. Uma coisa é certa nós não ficaremos no prejuízo”, concluiu Lopes.

Participaram desta terceira rodada de negociações, Eustácio Lopes e Ana Carla Souza (SINDPOC), Chico e Luzivan (UNIPOL), Jefferson Barlito (AEPEB), Arisvaldo Alves (ASSIPOC) e Marcel Engracio (SINDPEP). Além destes, Dr. José Amando e Ana Georgina (DIEESE ).

Fonte: ASCOM – SINDPOC

ILHÉUS PROMOVE DIA D DE VACINAÇÃO CONTRA GRIPE E SARAMPO NESTE SÁBADO (30)

Vacinação.

A Secretaria de Saúde (Sesau) realiza no próximo sábado (30) o Dia D da campanha nacional de vacinação contra a gripe e o sarampo em Ilhéus. A ação acontece nas unidades de saúde Euler Ázaro, Hernani Sá, Sarah Kubitschek e CAE III (antigo Sesp), das 8h às 17h.

A estratégia contra a gripe contempla os seguintes grupos:

– Crianças de seis meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias);

– Gestantes;

– Puérperas (mulheres que deram à luz nos últimos 45 dias);

– Povos indígenas;

– Professores;

– Pessoas com comorbidades e deficiência permanente;

– Caminhoneiros;

– Trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso;

– Trabalhadores portuários;

– Forças de segurança e salvamento;

– Forças Armadas;

– Funcionários do sistema prisional;

– Adolescentes e jovens sob medidas socioeducativas;

– População privada de liberdade

Já a vacinação contra o sarampo estará disponível para a população geral, com exceção das pessoas que tomaram a dose nos últimos 30 dias. A Sesau explica que ambas as vacinas fazem parte da imunização de rotina dos postos de saúde e podem ser administradas conforme o cronograma e o público-alvo estabelecidos pelo Ministério da Saúde, em atendimento às etapas da campanha.

É indispensável a apresentação do documento de identificação com foto, cartão do SUS e carteira de vacinação.

Serviço

Dia D de vacinação contra gripe e sarampo

Data: 30 de abril de 2022

Horário: Das 8h às 17h

Pontos

– UBS Sarah Kubitschek (Parque Infantil – Malhado);

– UBS do Hernani Sá;

– CAE III (antigo Sesp);

– UBS Euler Ázaro

CÂMARA DE ILHÉUS TERÁ SESSÃO ESPECIAL DO ABRIL INDÍGENA PELO SEGUNDO ANO CONSECUTIVO

Câmara Municipal de Ilhéus.

Pelo segundo ano consecutivo, a Câmara de Vereadores de Ilhéus terá sessão especial para discutir o Abril Indígena. O debate acontecerá na próxima quinta-feira (28), às 16h, no plenário Gilberto Fialho e contará com a presença de diversas lideranças dos povos originários e de representantes de entidades representativas que apoiam a causa indígena e a demarcação de seus territórios.

De acordo com Cláudio Magalhães, primeiro indígena eleito vereador no município e autor do requerimento que viabilizou a sessão, o cenário atual para indígenas no Brasil é bastante desfavorável. “Assim como nos últimos anos, 2022 teve um início dramático para os brasileiros e se mostra especialmente desafiador aos povos indígenas, que permanecem mobilizados na defesa de seus direitos”, justificou.

O vereador ainda lembrou que no país tem mais de 800 terras indígenas não demarcadas e as ameaças em virtude da não demarcação são inúmeras, com invasões, desmatamentos e perseguições de lideranças. “Por esse motivo, este ano vamos colocar em pauta o tema: “Retomando o Brasil, Demarcar Territórios e Aldear a Política”. Aqui em Ilhéus, temos nosso povo Tupinambá, muito participativo e atuante nas políticas de nosso município, nesse sentido será muito importante termos esse debate na casa legislativa”, concluiu.

A sessão especial também será transmitida pelas redes sociais da casa legislativa ilheense.

CONTA DE LUZ VAI FICAR MAIS CARA, ANEEL ANUNCIA REAJUSTE

Conta de Energia.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (26) o orçamento de 2022 da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE). Pela decisão, a CDE terá R$ 32,096 bilhões, dos quais R$ 30,219 bilhões serão pagos pelos consumidores na conta de luz.O valor a ser pago pelos consumidores representa alta de 54,3% na comparação com 2021, quando os clientes pagaram R$ 19,581 bilhões. Pelas estimativas da agência, o aumento médio na conta de luz será de 3,39%.A Conta de Desenvolvimento Energético é um fundo usado para bancar ações e subsídios concedidos pelo governo no setor de energia. A CDE deve ser utilizada, por exemplo, para garantir a universalização do serviço de energia elétrica no país. O total previsto para a CDE aprovado nesta terça-feira representa aumento de 34,2% na comparação com 2021, quando o orçamento do fundo foi de R$ 23,917 bilhões. O orçamento de 2022 é também o maior valor desde 2003, quando a CDE foi implementada.Dos R$ 32,096 bilhões previstos para a CDE em 2022:
  • R$ 30,219 bilhões (94%) vão ser pagos pelo consumidor em encargo incluído na conta de luz;
  • R$ 1,877 bilhão (6%) vão ser pagos por outras receitas, entre as quais multas e recursos de programas de pesquisa, desenvolvimento e eficiência energética.

O aumento no preço dos combustíveis e o cadastro automático da tarifa social de energia influenciaram o aumento deste ano.O governo espera contar com aporte de R$ 5 bilhões da Eletrobras se a empresa for privatizada. O Tribunal de Contas da União (TCU) ainda analisa o processo.

Impacto tarifário

Segundo a Aneel, o chamado impacto tarifário médio, isto é, o aumento médio na conta de luz, estimado para os consumidores de energia elétrica será de 3,39% neste ano.Pelas estimativas, o aumento médio será de :

  • 4,65% para moradores das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste;
  • 2,41% para os moradores das regiões Norte e Nordeste.

“Estamos falando de valores expressivos, e esses valores naturalmente vão se refletir nas tarifas” afirmou o diretor Hélvio Guerra, relator do processo.Guerra lembrou que parte do orçamento do fundo é destinado para bancar ações meritórias, como a tarifa social de energia, que dá desconto na conta de luz de consumidores de baixa renda. Mas parte banca subsídios a combustíveis fósseis, o que precisa ser discutido pelo governo e Congresso, responsáveis pelas leis que criam essas políticas públicas.

Detalhamento do orçamento de 2022

Do total de R$ 32,1 bilhões para CDE em 2022, quase R$ 12 bilhões serão destinados à Conta de Consumo de Combustíveis (CCC), subsídio para a produção de energia termelétrica em regiões não interligadas ao sistema elétrico nacional, como o estado de Roraima.Essa despesa foi afetada diretamente pela alta do preço dos combustíveis, já que as usinas termelétricas usam normalmente gás natural ou diesel para gerar energia. O conflito entre a Rússia e a Ucrânia agravou o problema.A segunda maior despesa da CDE são os descontos tarifários na distribuição de energia, que vão chegar a R$ 9,3 bilhões em 2022.A terceira maior despesa é a tarifa social de energia. Essa despesa saltou de R$ 3,7 bilhões em 2021 para R$ 5,4 bilhões em 2022, com o cadastro automático das famílias.

O que é a CDE?

A Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) é um fundo setorial criado para custear diversas políticas públicas do setor elétrico brasileiro, como:

  • universalização do serviço de energia elétrica em todo o território nacional;
  • concessão de descontos tarifários a diversos usuários do serviço (baixa renda; rural; irrigante; serviço público de água, esgoto e saneamento; geração e consumo de energia de fonte incentivadas, etc.);
  • descontos na tarifa em sistemas elétricos isolados, como Roraima e demais áreas não conectadas ao sistema elétrico nacional;
  • subsídios para produção de energia termelétrica nos sistemas isolados Conta de Consumo de Combustíveis (CCC);
  • subsídios ao carvão mineral nacional. Do G1.

DIVULGADO O ESTADO DE SAÚDE DOS ENVOLVIDOS EM ACIDENTE NA BR-415

 

O acidente envolvendo um carro e um ônibus na manhã deste sábado (26) deixou duas pessoas feridas. Segundo informações, o jovem João Victor Nascimento Santos, 21 anos, conduzia o carro de passeio quando invadiu a contramão do trecho que liga Ilhéus-Itabuna.

João Victor ficou preso entre as ferragens e foi levado ao hospital em estado grave. Ele foi encaminhado ao Hospital de Base de Itabuna, onde tratou os ferimentos no rosto e passou por exames de imagem. O jovem, que está sendo transferido para a Santa Casa de Itabuna, tem uma placa de platina no maxilar e ao que indica, precisará se submeter a uma cirurgia nesta região do rosto, que foi atingida no momento do acidente. O outo passageiro, identificado como Geovane, foi levado ao Hospital Calixto Midlej Filho. Ele teve ferimentos leves, mas está bastante abalado com o ocorrido.

No ônibus estavam o motorista, o cobrador e mais dois passageiros. Nenhum deles ficou ferido.

ÍNDIGENA DA ETNIA PATAXÓ É MORTO A TIROS EM PORTO SEGURO

Indigena foi assassinado a tiros.

Um indígena da etnia Pataxó morreu, na madrugada deste domingo (24), após ser baleado, na Aldeia Novos Guerreiros, em Porto Seguro. O crime aconteceu na tarde de sábado (23).

De acordo com a Polícia Civil, o homem foi identificado como Iris Braz dos Santos, de 44 anos. Ele foi socorrido para um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos.

O corpo de Iris Braz foi velado na Aldeia de Coroa Vermelha, em Santa Cruz Cabrália, e o enterro está previsto para a tarde deste domingo, no cemitério de Coroa Vermelha.

O caso será investigado pela 1ª Delegacia Territorial (DT) de Porto Seguro. Do G1.

MPF OUVE LIDERANÇAS INDÍGENAS SOBRE AGRESSÃO A PATAXÓ E CONVOCA REUNIÃO COM A PM E OUTROS ÓRGÃOS SOBRE VIOLÊNCIA POLICIAL A COMUNIDADES TRADICIONAIS

MPF.

O Ministério Público Federal (MPF) na Bahia realizou reunião de urgência, nesta quinta-feira (21), com diversas lideranças indígenas para tratar da agressão praticada por policiais militares sobre a Pataxó Hãhãhãe Priscila Muniz, de 31 anos. O fato ocorreu na terça-feira (19), durante as festividades de comemoração ao aniversário de 60 anos da cidade de Pau Brasil, localizada no Sul da Bahia, e foi amplamente divulgado pela imprensa.

Na reunião, destacou-se que o episódio é mais um retratando a violência policial em relação aos povos indígenas na região. As comunidades tradicionais se mostraram abaladas, com o sentimento de que os direitos dos indígenas seguem sendo ignorados e seus integrantes desrespeitados. Também foi mencionada a insegurança sobre o que pode ocorrer nas próximas festas municipais e regionais caso prevaleça a impunidade aos responsáveis, isso diante do histórico de frequentes agressões.

As lideranças indígenas foram ouvidas pela representação da 6.ª Câmara de Coordenação e Revisão (CCR/MPF) e Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão (PRDC) na Bahia, onde inclusive tramita um procedimento administrativo que acompanha as políticas de segurança pública e relacionamento das Polícias Militar, Civil e Federal, em relação aos povos e comunidades tradicionais, no estado.

Reunião na próxima quinta-feira (28) abordará medidas e encaminhamentos necessários

O MPF convocou reunião, para a próxima quinta-feira (28), com a presença do Comando-Geral da Polícia Militar/BA, da Secretaria de Segurança Pública, da Secretaria Estadual de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social/BA e da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi). Em pauta, dentre outros assuntos, a PRDC abordará: a necessidade de identificação ágil e afastamento imediato dos policiais militares envolvidos em casos dessa natureza; a responsabilização exemplar dos agressores; a realização de capacitação específica das corporações militares para ações envolvendo comunidades e povos tradicionais; e medidas a serem adotadas para que fatos como esses não mais se repitam no Estado da Bahia.

O MPF também solicitou à Secretária de Saúde do Estado da Bahia que adote todas as providências necessárias para o cuidado com a saúde da vítima, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), sobretudo considerando que a agressão partiu de agentes públicos do próprio Estado, sendo imprescindível toda mobilização possível para o adequado e integral tratamento à indígena Pataxó Hãhãhãe.

A apuração do caso concreto foi encaminhada à Procuradoria da República no Município de Ilhéus-BA, unidade do MPF que abrange a cidade de Pau Brasil. O Grupo Especial de Atuação para o Controle Externo da Atividade Policial do Ministério Público do Estado da Bahia também foi comunicado para adoção das providências que entender cabíveis, no exercício do controle externo da atividade policial.

SÁBADO DE TERROR: HOMEM É ASSASSINADO NA FRENTE DE BANHISTAS EM PRAIA DA BARRA

.

A violência desenfreada continua trazendo medo e insegurança para os ilheenses. Na tarde do sábado, (23), um homem identificado como Robson Calazans, conhecido como “Painho”, foi baleado e morto na praia conhecida como Boca da Barra, na zona norte do município. O momento foi tenso para os banhistas que estavam na localidade, muita correria e desespero.

O corpo foi removido pelo Departamento de Polícia Técnica de Ilhéus (DPT). A polícia investiga a motivação e tenta localizar o autor(es) dos disparos contra a vítima. Do Ilhéus24h.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia