Do BG.

Foto: Coolimpa.

Na manhã desta sexta-feira (30), a Coolimpa publicou em sua conta no Instagram uma explicação sobre a dificuldade de realizar a coleta seletiva em Ilhéus.

De acordo com a cooperativa, a prefeitura é responsável, por meio de contrato, a pagar as diárias do caminhão da coleta às segundas, quartas e sextas-feiras e a fazer o abastecimento de óleo diesel. O segundo compromisso não tem sido honrado há algum tempo.

Às terças e quintas-feiras as diárias do caminhão ficam por conta da Coolimpa e chegam a custar R$200,00.  Além disso, há o abastecimento do caminhão, que custa à Coolimpa cerca de R$ 100,00 por dia.

Os coletores estão na sede da cooperativa desde às 8h da manhã aguardando uma solução para o problema.

 

Coolimpa-Insta