WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom saude></a>
<a href=embasa secom ponte ilheus prefeitura de ilheus secom bahia


janeiro 2021
D S T Q Q S S
« dez    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


:: ‘vacina’

ILHÉUS: SEM VACINAÇÃO, CRIANÇAS CORREM RISCO

Da Secom/Ilhéus

Vacinação.

A Secretaria de Saúde (Sesau) de Ilhéus aderiu ao chamamento do Ministério da Saúde e reforçará a vacinação contra a poliomielite e o sarampo neste sábado (1º), das 8 às 17 horas. A campanha se encerra na sexta-feira (31), mas unidades de saúde estarão abertas no sábado, para vacinar crianças entre 1 a 4 anos e 11 meses de idade, na sede e zona rural do município.

Durante esta semana, agentes de imunização reforçaram as doses da vacina em escolas e creches do município. A coordenadora de Imunização da Sesau, Walkíria Cardeal, informa que estarão abertas, neste “Dia D II”, os postos de saúde dos bairros Olivença, Hernani Sá e Teotônio Vilela (posto de saúde Euler Azaro), o PSF do bairro Nossa Senhora da Vitória, condomínio residencial Morada do Porto (bairro Banco da Vitória) e o Centro de Atendimento Especializado (Cae III), prédio onde funcionou a Fundação Sesp, na Avenida Canavieiras.

Números da campanha em Ilhéus – Em Ilhéus,  a cobertura contra a poliomielite atingiu o índice de 43,22%, o que corresponde a 4.709 crianças vacinadas. Contra o sarampo, a Sesau vacinou 43,34% de crianças, que corresponde a 4.722 imunizações aplicadas.

Walkíria Cardeal explicou ainda que, para atingir o público alvo de 10.895 crianças vacinadas, faltam ainda 6 mil crianças receber as vacinas. “Até agora, o município imunizou pouco mais da metade do esperado. Isso nos preocupa, pois as doenças podem levar à morte crianças com menos de cinco anos de idade. Então, não podemos vacilar. É de suma importância levar seus filhos às unidades de saúde mais próxima de suas casas”, alerta.

VACINA CONTRA RAIVA ESTÁ DISPONÍVEL NA REDE DE SAÚDE DE ILHÉUS

Da Secom/Ilhéus

Vacinação.

A vacina contra raiva para cães e gatos está disponível nas unidades da rede municipal de saúde. Embora a Campanha Nacional siga até o dia 17 de agosto, a secretaria de Saúde trabalha para intensificar a vacinação e vai realizar no próximo sábado, 28, das 8 às 17hs, uma mobilização com o objetivo de alcançar a meta estabelecida pela Secretaria Estadual de Saúde.

O Centro Municipal de Controle de Zoonoses (CCZ) alerta que os animais, a partir dos três meses de vida, devem ser vacinados. Durante esta semana, três postos de vacinação estarão disponíveis: o CAE III (antigo SESP), na segunda, quarta e sexta-feira, pela manhã; Unidade de Saúde da Urbis, as terças e quintas-feiras, pela manhã; e no próprio CCZ, localizado na entrada do Teotônio Vilela, das 9 às 15 horas, de segunda a sexta-feira.

De acordo com a coordenadora de imunização, Walkiria Cardeal, até o momento foram vacinados 671 gatos e 3.212 cães. A expectativa é que cerca de 32 mil animais sejam vacinados em todo o município. A vacina antirrábica é a única forma de prevenção da doença. “A antirrábica é de extrema importância, todos precisam levar seu animal até um local de vacinação, pois ele é o transmissor do vírus. Vacinar é uma questão de segurança para todos” informa.

Mobilização – A vacina é gratuita e no dia da mobilização estará disponível nos seguintes locais: CAE III, (antigo SESP), Bar da Piqueira (Conquista), Centro Social Urbano (CSU), CS Iguape, na Igreja Assembleia de Deus (próximo ao Posto de Saúde do Sarah), PSF do Salobrinho, na Praça do Banco da Vitória, Praça da Mangueira (Nelson Costa), Posto de Saúde Herval Soledade (Pontal), PSF Nossa Senhora da Vitória, na Unidade Básica de Saúde do Hernani Sá, PSF Teotônio Vilela, Associação de Moradores do Teotônio Vilela, loja Serafértil (Malhado), na loja Dedal Cat Dog (Jardim Savóia) e na sede do Corpo de Bombeiros, localizado na Barra.

ILHÉUS ANTECIPA VACINAÇÃO CONTRA POLIO E SARAMPO

Da Secom/Ilhéus

Vacinação.

Embora a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Sarampo comece no dia 6 de agosto, Ilhéus vai antecipar o trabalho de imunização das crianças e adultos que integram o público alvo, com o objetivo de ampliar o índice de cobertura no município.  Durante reunião com a equipe técnica da Sesau, na tarde desta quarta-feira, 11, a secretária de Saúde, Elizângela Oliveira, discutiu medidas visando maior conscientização dos pais no sentido de levar as crianças aos postos de vacinação.

Serão disponibilizadas, na zona urbana, 13 salas de vacinas durante todo o período de campanha. Além das ações previstas em nível nacional, a secretaria municipal de Saúde realizará mais três dias de intensa mobilização para a vacinação no município. O primeiro dia “D” será 21 de julho, sábado, quando a imunização poderá ser feita das 8 às 12 horas, nas unidades de saúde do Nossa Senhora da Vitória, Hernani-Sá, Ilhéus II, Olivença e no CAE III (antigo SESP).

De acordo com a secretária municipal de saúde, Elizângela Oliveira, além da ampliação do número de salas de vacinas, a Sesau vai promover um curso teórico e prático de capacitação, com carga horária de 20 horas, para todos os vacinadores. “Através do curso, vamos capacitar mais profissionais para atuar na campanha”, salienta.

Segundo a secretária, as salas de vacinação que foram incluídas no trabalho serão todas reestruturadas. “Os profissionais de saúde das unidades estão em alerta ofertando as doses das vacinas para os adultos acompanhantes, ou responsáveis das crianças que comparecerem ao serviço”, acrescenta Elizângela.

Por sua vez, Walkiria Cardeal, coordenadora de Imunização da secretaria, afirma que as vacinas contra a poliomielite e o sarampo estão disponíveis nas unidades básicas de saúde. Ela informa que, durante a última campanha de vacinação contra gripe, realizada nos distritos da zona rural de Ilhéus, foram aplicadas a vacina contra poliomielite e atualizadas as cadernetas de vacinação. “Realizamos a campanha no interior do município, aproveitamos e fizemos a atualização das doses da vacina contra a pólio. É importante que os pais atualizem o cartão de vacina dos filhos e não deixem de procurar o posto de saúde mais próximo de sua residência”, enfatiza.

ILHÉUS VACINA CONTRA A GRIPE ATÉ ESSA SEXTA

Da Secom/Ilhéus

Termina nesta sexta-feira, dia 15, a Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe. A decisão da secretaria municipal de Saúde (Sesau) em prorrogar a data, que antes era 1º de junho, segue orientação do Ministério da Saúde, em função das dificuldades de mobilidade enfrentadas pela população devido à paralisação dos caminhoneiros e ao consequente desabastecimento de combustíveis. Então, quem não conseguiu se vacinar, deve procurar o posto de sua comunida

Vacinação.

de munidos da carteira de vacinação.

Na semana passada, o município atingiu 84,22% da meta da campanha. Ao todo, foram aplicadas 35.813 doses em pessoas do grupo prioritário – os que mais se vacinaram foram os professores, com 96,71% os idosos com 95,31% e os que menos se vacinaram foram as gestantes, com 53% até a última atualização. É necessário que os grupos prioritários atinjam 90% de cobertura, e, neste momento, gestantes e crianças (de segunda dose) são os grupos que mais precisam receber a vacina contra a gripe.

O principal objetivo da campanha é reduzir as complicações, internações e a mortalidade decorrente das infecções causadas pelo vírus da influenza no público alvo da vacinação, como explica a chefe do setor de Imunização, Walkiria Cardeal. “Vamos continuar trabalhando para atingir a meta de imunização aqui em Ilhéus. Muitas pessoas incluídas na lista do grupo prioritário ainda não se vacinaram”.

Para a secretária de Saúde de Ilhéus, Elizângela Oliveira, a população do grupo prioritário, considerado mais vulnerável à doença, não deve perder a oportunidade de se imunizar. “Decidimos seguir a orientação do Ministério da Saúde e prorrogar a campanha nesta semana para oportunizar que mais pessoas possam ficar protegidas contra a gripe. Caso ainda sobrem doses, na próxima semana vamos disponibilizar para toda população”, informa.

Podem se vacinar gratuitamente na rede pública idosos com 60 anos ou mais, crianças maiores de seis meses e menores de cinco anos, gestantes, mulheres que tiveram bebê até 45 dias após o parto, trabalhadores de saúde de órgãos públicos e privados, professores de escolas públicas e privadas e pessoas com doenças crônicas não transmissíveis (respiratórias, cardíacas, renais, hepáticas, neurológicas e diabéticas).

CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE SEGUE EM ILHÉUS

Da Secom/Ilhéus

Vacinação.

Já nas primeiras horas da manhã desta terça-feira (24), Maria de Fátima, de 63 anos foi uma das primeiras a receber a vacina contra a gripe. Idosa e hipertensa, a aposentada preferiu ir logo à sala de vacinação e garantir sua dose. “Depois a coisa fica feia né, muita gente nos postos. Todo ano eu tomo a vacina certinha”, justificou. Segunda-feira, dia 23, marcou o início da 20ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza – o vírus da gripe. “Eu vim até aqui para agendar e saber que dia eu poderia vir tomar a vacina. Mas, quando cheguei, me informaram que eu já poderia ficar na fila e ser vacinada hoje mesmo. Todo ano eu tomo a vacina certinho porque é muito importante se prevenir dessas viroses”, argumenta a autônoma Maria José dos Santos, de 50 anos.

A Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) do Ministério da Saúde (MS) informou que a campanha vai até 1º de junho e devem ser imunizados, idosos a partir de 60 anos, crianças de seis meses a menores de cinco anos, trabalhadores da saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional. O dia 12 de maio (Dia D) será a data da mobilização nacional. A estudante Viviane Santos, de 22 anos, conta que veio trazer seu bebê de um aninho para um acompanhamento de rotina. “Fiquei sabendo dessa vacinação hoje e já aproveitei a vinda para imunizá-lo. É bom. Assim, ele fica mais protegido”, disse.

Walkiria Cardeal é a chefe da seção de Imunização da secretaria municipal de Saúde (Sesau). Ela ressalta que para o grupo de pessoas com doenças crônicas (como o diabetes) e outras condições clínicas especiais também deve receber a vacina. “Neste caso, é preciso apresentar uma prescrição médica no posto de saúde. Já os pacientes cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) devem procurar os postos de saúde em que estão registrados para ganhar a dose, sem a necessidade de receita”, orienta.

Nos postos – A chefe da seção acrescenta ainda que a vacina está disponível no Centro de Atendimento Especializado-CAE III (prédio da antiga Fundação Sesp), nos PSF dos bairros da Conquista, Ilhéus II e Nossa Senhora da Vitória e também nas unidades do CSU, Olivença e Morada do Porto – no Banco da Vitória. Já na zona rural, a primeira semana de imunização acontece nas localidades, Aritaguá, São José, Sambaituba, Vila Olímpio, Campinhos, Urucutuca e Ribeira das Pedras. “A Campanha será realizada no período ideal, antes do pico de transmissão do vírus influenza no Brasil, que ocorre no mês de julho”, destaca.

De acordo com o Ministério da Saúde, a vacina gratuita é trivalente. Ou seja, protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul, conforme determinação da Organização Mundial da Saúde (OMS), incluindo o H1N1 e o H3N2. A vacina contra o vírus influenza será distribuída gratuitamente aos grupos de risco. Cabe destacar que o resto da população também se beneficiaria da vacina. Mas aí é necessário pagar pela dose na rede privada – o valor fica entre R$ 100 e 200 reais.

ILHÉUS INICIA VACINAÇÃO CONTRA GRIPE NO DIA 23

Da Secom/Ilhéus

Confirmada para começar dia 23 de abril, a vacina contra a influenza segue até dia 1º de junho e estará disponível em todos os postos da rede de Saúde no município. As informações são da Coordenação Geral do Programa Nacional de Imunização, do Departamento de Vigilância das Doenças Transmissíveis. Fazem parte desses grupos 49.230 ilheenses, sendo que a meta a ser atingida é de 90%. As vacinas serão disponibilizadas de segunda a sexta-feira, em todas as unidades de saúde do município e o Dia D de Vacinação acontece no dia 12 de maio, um sábado.

A Campanha é uma mobilização nacional e já tem o público-alvo preconizado pelo Ministério da Saúde. Os grupos prioritários são os mesmos da última campanha, pessoas com 60 anos ou mais; crianças de seis meses a menores de cinco anos; gestantes, mulheres até 45 dias após o parto; trabalhadores da saúde; professores; povos indígenas; portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas. Também adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas; população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.

Objetivo – De acordo com a secretária municipal de Saúde, Elisângela Oliveira, a campanha objetiva reduzir as complicações, internações e a mortalidade decorrentes das infecções pelo vírus da influenza na população alvo a vacinação. “As estratégias de vacinação no município de Ilhéus, seguem conforme recomendação do Ministério da Saúde e são decisões respaldas em bases técnicas, científicas e logísticas, evidência epidemiológica, eficácia e segurança do produto”, explica.

De acordo com o setor de vacinação da secretaria municipal de Saúde (Sesau), o município vai receber o mesmo número de doses de 2017. “Na primeira semana cerca de 37% das doses serão disponibilizadas e o foco nos primeiros dias de imunização são as crianças, idosos e gestantes”, comenta a chefe da seção de Imunização, Walkiria Cardeal.

A influenza é uma doença respiratória infecciosa, de origem viral, que pode levar ao agravamento e ao óbito, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco para as complicações da infecção. Além de causar sintomas como febre alta, nariz entupido, cansaço e dor no corpo, a gripe pode trazer complicações como pneumonia e infarto.

VEJA ONDE SE VACINAR CONTRA A FEBRE AMARELA EM ILHÉUS

Do Blog do Gusmão

Vacinação

A Secretaria Municipal de Saúde reforçou hoje (17) a divulgação dos postos de saúde onde os moradores de Ilhéus podem se vacinar contra a febre amarela. Confira abaixo.

No turno da manhã, o serviço funciona nas unidades de saúde Almiro Vinhaes, localizada na Avenida Princesa Isabel; no posto do Centro Social Urbano (CSU), no bairro da Barra; e no povoado de Vila Cachoeira, localizado à margem da Rodovia Ilhéus-Itabuna.

À tarde, é possível receber a vacina no Centro de Atendimento Especializado (CAE III), localizado na antiga sede da Fundação Sesp, na Avenida Canavieiras; e na unidade do Programa Saúde da Família (PSF) situada no bairro da Conquista. No período da noite, as vacinas estão disponíveis nas unidades do PSF dos bairros Ilhéus II e Hernani Sá (Urbis).

“Não há registro de filas nem de movimento anormal nos postos de saúde. Uma só dose é necessária para imunização”, explicou a coordenadora de Imunização da secretaria, Walkíria Cardeal. “Quem nunca recebeu a vacina, a exemplo de pessoas acima de 60 anos de idade e que desejam viajar para áreas de recomendação também devem procurar seu médico para avaliação”, concluiu.

ILHÉUS INICIA VACINAÇÃO CONTRA A FEBRE AMARELA

Da Secom/Ilhéus

O Ministério da Saúde (MS) recomendou a diversos municípios a ampliação de ações da vigilância sanitária com a vacinação contra a febre amarela. Embora Ilhéus esteja fora da área de risco, a secretaria municipal de Saúde (Sesau) informa que já realiza a vacinação no perímetro urbano do município, com a finalidade de ampliar a ação preventiva.

De acordo com a orientação do MS, devem consultar o médico sobre a necessidade da vacina contra febre amarela, os portadores de HIV positivo, pacientes com tratamento quimioterápico concluído, transplantados, hemofílicos ou pessoas com doenças do sangue, a exemplo dos que sofrem de anemia falciforme. A vacina aplicada (dose padrão) até o momento tem validade para toda a vida, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Para a coordenadora de imunização da Sesau, Walkiria Cardeal, as pessoas interessadas, que nunca tomaram a vacina, podem tranquilamente procurar o posto de saúde mais próximo do seu bairro. Ela salienta que pessoas acima de 60 anos, que desejam viajar para áreas de recomendação e que nunca tomaram a vacina, também devem procurar seu médico para avaliação e, caso necessário, devem apresentar autorização.

“Vamos reforçar nossas estratégias para proteger a população contra a febre amarela. Temos um trabalho de constante monitoramento da prevenção e, por isso, chamamos a atenção para quem for viajar para áreas de risco. A orientação é tomar a dose 15 dias antes da viagem e procurar se informar se a cidade de destino é de recomendação da vacina ou não”, explica Walkiria.

Ainda de acordo com nota do Ministério da Saúde, não há indicação de imunização para grávidas que morem em locais de recomendação para a vacina, mulheres amamentando crianças com até seis meses e imunodeprimidos, como pacientes em tratamento quimioterápico, radioterápico ou com corticoides em doses elevadas (por exemplo, lúpus e artrite reumatoide). Entretanto, em caso de dúvida é fundamental consultar o médico.

A febre – A transmissão da febre amarela pode ocorrer em áreas urbanas, silvestres e rurais (intermediária, em fronteiras de desenvolvimento agrícola). As manifestações da febre amarela não dependem do local onde ocorre a transmissão. O vírus e a evolução clínica são idênticos. A diferença está apenas nos transmissores e no local geográfico de aquisição da infecção.

ILHÉUS INICIA VACINAÇÃO CONTRA GRIPE PARA IDOSOS

Começou hoje (24) o período de vacinação de idosos contra a gripe influenza. O prazo vai até a próxima sexta-feira (28). O atendimento funciona nos postos da rede municipal de saúde de Ilhéus.
A campanha continuará entre os dias 2 e 5 do próximo mês, com as vacinas para crianças de zero a cinco anos de idade, além das gestantes e mulheres que pariram nos últimos quarenta e cinco dias.

De 8 a 12 de maio será a vez das pessoas com uma ou mais doenças. Já os professores das redes pública e privada serão vacinados entre os dias 15 e 19 de maio.

Todos grupos prioritários também poderão receber a vacina no dia 13 de maio, o “Dia D” da campanha. O trabalho será retomado entre os dias 22 e 26 de maio.

VACINAÇÃO CONTRA GRIPE COMEÇA HOJE PARA GRUPOS PRIORITÁRIOS 

O cronograma com o calendário de vacinação contra a gripe Influenza foi divulgado pelo Departamento de Vigilância em Saúde da Secretaria de Saúde (Sesau) da Prefeitura de Ilhéus. Este ano, as vacinas contra a gripe serão ministradas atendendo a um cronograma por classificação de grupos prioritários, entre os dias 17 de abril a 26 de maio. O Dia D da vacinação acontece em 13 de maio.
A mudança de estratégia atende a determinação do Ministério da Saúde. De acordo com a Coordenadora de Imunização do Departamento de Vigilância em Saúde da Sesau, Walkiria Cardeal, a população deve observar atentamente em qual grupo se enquadra e qual o prazo estipulado pelos órgãos competentes para o atendimento ao público.

Walkíria Cardeal informou ainda que todos os postos de saúde de Ilhéus estarão sendo abastecidos a partir de segunda-feira, 17, quando começa a vacinação dos trabalhadores de saúde. “Tem vacinas para atender a demanda. Não precisa correria e nem medo de que vai faltar vacina. Basta ter tranquilidade e seguir o calendário”, assegura.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia