WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia teatro itabuna secom bahia


setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  


:: ‘sol e mar’

MORADORES DOS CONDOMÍNIOS SOL E MAR NA BRONCA

Não está sendo fácil

A prefeitura de Ilhéus precisa tomar providências urgentes pra diminuir o sofrimento dos cerca de 10 mil moradores dos condomínios Sol e Mar 1 e 2, inaugurados no fim do ano passado, no fim da zona sul da cidade.

Para chegar ou sair de casa, o pessoal é obrigado a esperar por mais de hora pelo transporte coletivo. Quando chega, o ônibus mal dá conta de comportar estudantes e trabalhadores que saem cedo e voltam ao fim do dia. Na ida ou na volta, o sofrimento é o mesmo.

Localizados quase que na zona rural do município, os condomínios não contam também com escola ou atendimento de saúde fixo. Pra estudar ou ser atendido no SUS, é preciso ir ao bairro Nossa Senhora da Vitória, o que obriga pegar ônibus lotados.

Além disso, os acessos aos condomínios estão em condições ruins, apesar de terem sido inaugurados também no fim de 2016.

HOMICÍDIO NO CONDOMÍNIO SOL E MAR, EM ILHÉUS

Do Blog do Chico Andrade

Vítima ainda não identificada

Ocorreu, durante a noite desse domingo (28), um homicídio no residencial Sol e Mar, na zona sul de Ilhéus. 

O corpo da vítima, ainda não identificada, foi levado pelo DPT para realização de necropsia. 

O crime ocorreu na quadra 2 e as motivações são desconhecidas. A polícia investiga o caso.

FALTA DE ENERGIA DEIXA FAMÍLIAS SEM ÁGUA NO CONDOMÍNIO SOL E MAR

Do Blog do Gusmão 

A informação é de Luciano Alves, que preside a Associação dos Moradores do Condomínio Sol e Mar e procurou o Blog do Gusmão nessa segunda-feira (8). José Roberto, presidente do Conselho Fiscal da comunidade, também conversou com o blog. Segundo eles, a Gráfico Empreendimentos, empresa responsável pela construção do residencial, solicitou à Coelba o desligamento dos pontos de energia em seu nome. Parte da solicitação foi atendida na última quinta-feira (4), quando a concessionária do serviço de eletricidade cortou as ligações de seis blocos da Quadra A.

Luciano explica que os pontos de energia são coletivos, porque alimentam as bombas de água dos blocos. Cada bloco tem uma bomba e a sua respectiva conta. Na quinta-feira, quando chegou ao condomínio, conseguiu impedir o desligamento nos outros blocos. São sessenta no total, com vinte apartamentos em cada. Os técnicos lhe deram prazo que venceu ontem.

Conforme Luciano, a construtora solicitou o desligamento no último dia 26, mas, não informou isso à associação. Agora a entidade quer levar o caso à Justiça, pois entende que a atitude atribuída à empresa foi irresponsável e prejudicou as cento e vinte famílias dos seis blocos afetados. Elas ficaram sem água.

Para solucionar o problema, Luciano quer transferir a titularidade das contas coletivas para o seu nome, até que o CNPJ do síndico do condomínio seja liberado para assumi-las. A transferência depende da quitação das contas em atraso. Ele solicita que os moradores procurem a associação para que os pagamentos necessários sejam realizados.

O condomínio foi construído no âmbito do Minha Casa, Minha Vida, programa do governo federal administrado pela Caixa Econômica.

O Blog do Gusmão manteve contato com a Gráfico Empreendimentos. A empresa informou que a sua relação com o condomínio é mediada apenas pelaCaixa e recomendou que procurássemos a instituição financeira para tratar do assunto. 

Fizemos isso hoje. A Superintendência da Caixa Econômica Federal explicou que nos enviará esclarecimentos sobre o caso em outro momento. Este espaço está aberto.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia