WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia teatro itabuna secom bahia


agosto 2019
D S T Q Q S S
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


:: ‘jorge amado’

JÁ DANIFICARAM A ESTÁTUA DE JORGE AMADO

Do G1

Estátua tem nem um ano de instalada.

Uma estátua de do escritor baiano Jorge Amado, que um dos cartões postais de Ilhéus, terra onde ele passou a infância, precisou ser retirada de ponto turístico da cidade após a ação de vândalos.

A escultura foi instalada em frente ao famoso bar Vesúvio, no centro de Ilhéus, mas foi retirada para ser restaurada. No local onde ela ficava foi colocado um aviso informando que o equipamento foi alvo de vândalos, já que muitos turistas vão ao local na expectativa de fazer um registro com a estátua.

A expectativa é que a escultura seja novamente colocada no local até o sábado (10).

PESQUISADORES DESCOBREM NOVA ESPÉCIE DE PERERECA E HOMENAGEIAM JORGE AMADO


Phyllodytes amadoi é homenagem a Jorge Amado_Foto Divulgação

Os pesquisadores da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) professor doutor Mirco Solé e doutor Iuri Ribeiro Dias, em conjunto com a doutora Judith Vörös, curadora do Museu de História Natural da Hungria, encontraram uma nova espécie de perereca na região Sul da Bahia. Ao descrever o anfíbio, os cientistas o batizaram com uma homenagem ao escritor baiano Jorge Amado. “Os livros de Jorge Amado nos revelam o passado da região cacaueira e ainda que os anfíbios não desempenhem um papel central nas histórias dele, uma visita ao memorial do Rio Vermelho, em Salvador, casa de Jorge Amado e Zélia Gattai, nos revela o grande carinho que o escritor tinha por estes animais, os quais colecionava na forma de obras de argila e madeira”, explica o professor Mirco.  A Phyllodytes amadoi é um tipo de perereca que vive nas bromélias, planta ainda abundante na região e propícia para a reprodução desses animais por apresentar a capacidade de segurar água da chuva. Entre as principais características desta espécie estão seu diminuto tamanho, com apenas dois centímetros, focinho achatado e uma listra que vai dos olhos aos flancos.

O animal foi encontrado no município de Una, na reserva Ararauna, durante trabalho de campo em 2015. Mas somente no último dia 24 de outubro, a descoberta foi publicada na revista científica neozelandesa Zootaxa, a mais importante do mundo na descrição de novas espécies. Phyllodytes amadoi é a segunda nova espécie de perereca de bromélia encontrada pela equipe do professor Mirco Solé. O cientista já descreveu outras três espécies de anfíbios do Sul da Bahia.

REFORMADO, VESÚVIO GANHA NOVO “JORGE AMADO”

Do Tabuleiro

Em processo de finalização de obras de melhorias, o Bar Vesúvio, em Ilhéus, ganhou uma nova estátua do escritor Jorge Amado. A atração já é sucesso entre os visitantes e ganhou novas características.

ESCRITOR E EX-GUERRILHEIRO PALESTRA EM ILHÉUS

Da Secom/Ilhéus

Araken

Como parte da programação da semana que comemora o aniversário de nascimento de Jorge Amado, o escritor baiano Araken Vaz Galvão faz palestra em Ilhéus, na próxima quarta-feira (9), a partir das 16 horas, no Teatro Municipal. Na oportunidade, ele irá falar da sua convivência com Jorge Amado e do período em que esteve exilado em vários países da américa hispânica, durante a ditadura militar.

Araken Vaz Galvão foi vencedor do prêmio Jorge Amado, em 2016, organizado pela União Brasileira de Escritores, do Rio de Janeiro, pelo conjunto da obra. Foi premiado pelo concurso Talentos da Maturidade, em 2004 (Banco Real), com o conto “Os mortos”. Seu romance “Crônica de uma família sertaneja” recebeu de Millôr Fernandes a classificação de “Esplêndido”. Tem trabalhos publicados na revista eletrônica Bestiário, e mantém seu blog arakenvaz.blogsopt.com, e em várias outras revistas.

Esteve exilado em vários países da américa hispânica, trabalhando em várias profissões: tinha uma banca de revistas em Montevidéu, jornalista e produtor de TV. Estudou história, cinema, literatura, e é autor de 37 livros, entre romances, contos, ensaios, cinema e crônicas, sendo 12 publicados. Além disso, Araken Galvão é descendente de família sertaneja, cuja saga é narrada de forma jocosa em alguns dos seus livros. Baiano de Jequié, mas reside em Valença, onde é cidadão honorário.

CASA DE CULTURA JORGE AMADO ABRE DE DOMINGO A DOMINGO

A Casa de Cultura Jorge Amado, situada no Centro Histórico de Ilhéus, estará aberta à visitação pública aos domingos durante o mês de julho. A entrada será gratuita para a população do município, já que muitos cidadãos, estudantes e professores ainda não conhecem o palacete cultural que contém obra, exposição de artigos pessoais, fotos, histórico dos pais e da infância, além de vídeos sobre o escritor. Atualmente, o espaço é aberto ao público de segunda a sexta-feira, das 9 às 12h30min e 14 às 18 horas, e aos sábados, das 9 às 13 horas.

Na casa onde Jorge Amado passou parte da infância e adolescência as visitas guiadas conduzem ao quarto do escritor onde estão expostas as capas de edições de sua obra, fotos antigas e objetos pessoais. O imóvel foi doado por força da lei número 4.798, de 18 de agosto de 1988, com a finalidade de instituir e manter a Casa de Cultura Jorge Amado nos termos do protocolo firmado entre o governo da Bahia e a Prefeitura de Ilhéus.O escritor Pawlo Cidade declara que esta ação visa partilhar valores e costumes da vida de Jorge para criar uma comunidade de sentido. “É esta comunidade de sentido que vai gerar um sentido de pertencimento. Isto significa que precisamos nos sentir como pertencentes do lugar, do ambiente, das histórias ficcionais ou reais criadas pelo escritor. Só assim acreditamos que podemos interferir e, mais do que tudo, que vale a pena interferir na rotina dominical dos cidadãos de Ilhéus com a casa aberta”.

Histórico – A Casa de Cultura Jorge Amado foi construída pelo pai do escritor em 1928. O palacete, em estilo neoclássico, ocupa uma área de 600 metros quadrados com cinco metros de pé direito, piso de jacarandá e azulejos ingleses na varanda. O espaço cultural abriga em seus salões um rico acervo pessoal e a sede da secretaria municipal da Cultura (Secult).

SALVE JORGE 

Localizada em frente à Casa de Cultura Jorge Amado, a estátua em homenagem ao escritor grapiúna, inaugurada em 2014, está desse jeito aí. Instalada no centro histórico de Ilhéus, virou ponto de parada pra turistas e nativos, mas está descascando aos poucos. Nesses três anos, nunca passou por manutenção.

RILDO ATACA COM SEU GRAFITE DE NOVO

Jorge nos grafites de Rildo

O artista Rildo Moreira (Foge) iniciou mais um painel urbano em muros da cidade. Dessa vez, o presente está fixado na lateral do Hospital de Ilhéus, no bairro Cidade Nova.

Foge, usando a técnica de aerografia, reproduz imagens gigantes de baiana de acarajé, cacau e um retrato do escritor grapiuna Jorge Amado. O trabalho, segundo afirmou, está em andamento. 

O artista é o responsável também pelo mural pintado no paredão na rua Bento Berilo, que dá acesso ao Hospital São José.

Rildo usa a técnica de aerografia



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia