WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia solidaria embasa policlinica itabuna secom bahia


junho 2020
D S T Q Q S S
« maio    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  


:: ‘educação’

RELATÓRIO INDICA A UESC COMO 9ª UNIVERSIDADE ESTADUAL BRASILEIRA COM MAIS ARTIGOS CIENTÍFICOS

Da Ascom/Uesc

Uesc

Neste 22 de abril, o campus Professor Soane Nazaré de Andrade, da Universidade Estadual de Santa Cruz, em Ilhéus/Bahia, completa 45 anos de sua criação e comemora a data com uma notícia que reflete a sua importância para o desenvolvimento científico brasileiro: a UESC está entre as nove universidades estaduais do Brasil  com mais artigos científicos publicados, situando-se também como a primeira entre a estaduais da região Nordeste do Brasil  e a 60ª no ranking das 100 universidades e instituto do Brasil com mais artigos científicos.

O número consta no relatório Research in Brazil, disponibilizado pela Clarivate Analytics à Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). O documento traz o desempenho da pesquisa brasileira em um contexto global entre os anos 2011 e 2016.

Os dados foram obtidos do InCites, plataforma baseada nos documentos (artigos, trabalhos de eventos, livros, patentes, sites e estruturas químicas, compostos e reações) indexados na base de dados multidisciplinar Web of Science – editada pela Clarivate Analytics (anteriormente produzida pela Thompson Reuters).

A reitora Adélia Pinheiro ressalta que “esse bom indicador da UESC é resultado de um conjunto de ações iniciadas com a qualificação e a competência dos professores/pesquisadores aliado ao programa de qualificação de docentes da Universidade que os apoia, do suporte à pesquisa e produção do conhecimento através dos investimentos em bolsas do programa de IC, de revisão e tradução de artigos, como também do pagamento pela instituição das taxas de publicação desses artigos.”

O relatório traz informações sobre as universidades líderes na área da pesquisa no país. Os critérios analisados foram: a quantidade de documentos produzidos, o impacto da citação, artigos no top 1% e 10% dos mais citados no mundo, colaboração com a indústria e organizações internacionais.

O número de citações que uma publicação de pesquisa recebe reflete o impacto que teve em pesquisas posteriores. As publicações científicas citam documentos anteriores para validar uma contribuição intelectual. Portanto, pode-se dizer que uma publicação (ou uma coleção de publicações) com uma contagem de citações mais elevada teve um impacto maior no campo de conhecimento ao qual se relacionou.

Só as públicas produzem no Brasil

O relatório demonstra que, praticamente, não há produção científica em instituições privadas no Brasil. Entre as 20 instituições que mais produziram papers e que mais tiveram impacto estão 15 universidades federais e 5 universidades estaduais.

A Universidade de São Paulo (USP), estadual, lidera a produção quantitativa, enquanto a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), também estadual, é a que a produção tem maior impacto.

O relatório mostra que as universidades públicas produzem artigos científicos altamente citados e que alcançaram boas taxas entre 1% dos papers mais citados do mundo.

IF BAIANO OFERECE VAGAS REMANESCENTES EM CINCO CURSOS NO CAMPUS DE URUÇUCA

Do Pimenta

Vagas

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano (If Baiano) publicou edital para preenchimento de vagas remanescentes do processo seletivo de estudantes 2019.1, no campus de Uruçuca. As vagas ofertadas são para os cursos técnicos na modalidade subsequente em Agropecuária, Agrimensura e Alimentos e cursos técnicos integrados em Guia de Turismo e Informática.

São 39 vagas para ingresso nos cursos subsequente de Agropecuária, Agrimensura e Alimentos e os candidatos devem fazer a inscrição (entrevista) no próximo dia 25, no auditório do campus de Uruçuca, às 9h. Outras 43 são para os cursos integrados de Guia de Turismo e Informática, com entrevista no dia 26, às 9h. Acesse o edital aqui.

ILHÉUS PASSA A INTEGRAR ROTA DE GRANDES EVENTOS NACIONAIS DA EDUCAÇÃO

Da Secom/Ilhéus

Jornada

Por indicação da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação (UNCME), Ilhéus passa, este ano, a integrar, pela primeira vez em sua história, a rota dos grandes eventos nacionais da educação. O anúncio foi feito ontem (5) ao prefeito Mário Alexandre, pela diretora da UNCME, Gilvânia Nascimento, que participou da abertura da Jornada Pedagógica do município, no Centro de Convenções.

Na presença de palestrantes, professores e trabalhadores da educação, a dirigente disse que esta conquista será oficialmente anunciada em Brasília, durante a primeira reunião anual da entidade, mas que a deliberação já foi tomada em decorrência das avaliações feitas na organização do 27º Encontro Nacional da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação, que o município sediou em novembro do ano passado. Neste período, com o apoio da Secretaria Municipal de Educação (Seduc), Ilhéus tornou-se a capital brasileira do debate sobre educação inclusiva.

“Para nós, da entidade nacional, decisões como esta contribuem para o fortalecimento da educação do município, mostrando que a potencialidade de Ilhéus ultrapassa as fronteiras do turismo de lazer. Ilhéus também apresenta-se com potencial nacional para debates importantes e decisivos sobre conhecimento e educação inclusiva e de qualidade”, justificou a dirigente, informando ainda que a secretária Eliane Oliveira será convidada a ir a Brasília, para acompanhar o referendo.

REDE ESTADUAL DE ENSINO INICIA MATRÍCULAS EM ILHÉUS

Da Ascom/Educação

Começou nesta terça-feira (16/1) as matrículas do ano letivo de 2018 das escolas da rede estadual. Neste primeiro dia são contemplados os estudantes que solicitam transferência de unidade, de acordo com os seguintes critérios: a escola não oferece a série subsequente; não renovou a sua matrícula; ou mudou de domicílio. Para acompanhar a abertura oficial, o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, esteve presente no Colégio Estadual Raphael Serravalle, na Pituba. O atendimento segue em todas às unidades, até às 20h, ou pela internet, no endereço www.educacao.ba.gov.br/matricula.

Na oportunidade, Pinheiro ressaltou as novidades para o ano letivo de 2018 para o ensino regular e suas modalidades. “Estamos também trabalhando a matrícula da Educação Inclusiva, assim como outras modalidades. E, este ano, estamos introduzindo uma série de reformulações muito importantes para a educação. A entrada da Educação Profissional em várias de nossas escolas; oferta de cursos de curta duração; alteração na duração dos cursos técnicos de nível médio de quatro para três anos, reduzindo o tempo na escola; e aumentando a qualidade do ensino”, destacou.

O secretário ainda enfatizou a ampliação do trabalho desenvolvido em 2017. “Vamos continuar a desenvolver novas práticas nas unidades, como artes, música e ciência, além da ampliação dos Centros Juvenis de Ciência e Cultura, (CJCC) em todo o Estado, e a implantação de mais Escolas Culturais, do projeto e-Nova Educação em parceria com o Google, promovendo aquilo que acreditamos ser uma educação integral, em que o estudante continua na escola com prazer e não por imposição”, ressaltou.

:: LEIA MAIS »

GOOGLE CERTIFICA ESTUDANTES E PROFESSORES DE ILHÉUS E ITABUNA

Da Secom/Bahia

A Google INC certificou 116 professores e nove estudantes da rede estadual de ensino, que participaram da formação do Google Apps For Education ou Google Sala de Aula. O aplicativo oferece um Ambiente Virtual de Aprendizagem de última geração, dinamizando os processos de ensino e aprendizagem e configurando uma rede social de conhecimentos que integra estudantes e professores. A iniciativa é resultado de parceria com a Secretaria da Educação do Estado, por meio do projeto e-Nova Educação, que inclui a formação dos gestores e professores, com o objetivo de fortalecer o eixo pedagógico nas escolas.

Realizada pelo Instituto Paramitas – única ONG parceira da Google para a formação de professores –, contratado pela Secretaria da Educação do Estado, a formação foi iniciada em 20 unidades de ensino de Salvador, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Camaçari, Lauro de Freitas, Mata de São João, Jequié, Senhor do Bonfim, Luís Eduardo Magalhães, Ilhéus e Itabuna. De acordo com o coordenador geral de Articulação de Projetos para a Educação da Secretaria, Rogério Quintella, a iniciativa proporciona a inovação na sala de aula e confere maior qualidade nos processos de ensino e aprendizagem dos estudantes, por meio do uso da tecnologia.

“A certificação dos professores e estudantes ocorre por meio de uma prova bastante difícil, internacional, feita à distância.  O resultado superou a nossa expectativa. Começamos em 20 escolas, tendo como infraestrutura apenas os celulares do formador e dos cursistas. Agora, teremos condições de ampliar a formação e fazer ainda melhor com a chegada da banda larga em 572 escolas da rede estadual, no início do ano letivo de 2018. Isto significa que, inicialmente, quase 50% das nossas escolas já terão acesso à Internet em Banda Larga, o que vai facilitar o acesso ao Google Sala de Aula”, ressalta Quintella.

A professora de Filosofia do Colégio Estadual Félix Mendonça, em Itabuna, Joadilma Priscila, fala sobre a experiência. “Este curso do Google foi muito bom. Algumas ferramentas eu já conhecia, mas não sabia como utilizá-las. A agenda já fazia parte do meu cotidiano e outras ferramentas foram sendo descobertas. A ferramenta de projeto foi muito interessante: poder fazer o projeto, compartilhar as informações. Estou aplicando as ferramentas com os alunos e para o próximo ano letivo pretendo ampliar a execução com eles porque acho que isso vai dar uma grande oportunidade, tanto para mim, como professora, como para os alunos de nos envolvermos mais com o conhecimento”.

A professora Jerusa Prado, do Centro Estadual de Educação Profissional em Saúde (CEEPS) Adélia Prado, em Vitória da Conquista, aplicou algumas ferramentas do Google com seus alunos e fala sobre o resultado. “Ao término da nossa terceira e última unidade do ano letivo, utilizei uma das ferramentas do Google Sala de Aula, que é o formulário, e, através dele, criei um questionário de autoavaliação, com questões objetivas e subjetivas. Convidei os alunos através do e-mail deles e fiz questão de que eles realizassem essa atividade em casa para que ficassem mais à vontade para responder. Foi uma atividade muito proveitosa e prazerosa, porque tive um retorno de como foi a disciplina para os meus alunos, como eles aprenderam e as deficiências que ficaram”.

RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA DA REDE ESTADUAL VAI ATÉ ESTA QUINTA

Da Secom/Bahia

Os estudantes da rede estadual, que quiserem garantir a vaga nas escolas onde estudam, têm até esta quinta-feira (30) para fazer a renovação de matrícula para o ano letivo de 2018.  O processo pode ser realizado pela internet, através do Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br), ou diretamente na unidade escolar onde o aluno está matriculado, tem frequência regular e está concluindo o ano letivo de 2017.

Para a renovação, o estudante deverá recolher a carta de renovação na secretaria da escola onde estuda, sinalizar a intenção ou não de permanecer na unidade escolar onde está matriculado e devolver o documento para a escola. No caso de menores de 16 anos, é necessário que os pais ou responsáveis sinalizem a permanência ou não do aluno na escola e assinem o documento para a devolução. A outra opção é o estudante ou responsáveis (no caso de menos de 16 anos) utilizarem o código disponível na carta para acessar o sistema e renovar a matrícula pela internet.

Vaga garantida – O coordenador da matrícula da Secretaria da Educação do Estado, Marcus Machado, fala sobre a importância do processo de renovação da matrícula. “A renovação é que vai garantir a vaga do aluno na mesma escola e no mesmo turno em que cursou em 2017. O estudante que não renovar a sua matrícula, não terá a vaga garantida na mesma unidade escolar e no mesmo turno para o ano seguinte, porém, de posse da carta que ele já recebeu da escola, utilizando o código contido no documento, ele poderá fazer a matrícula no dia 16 de janeiro, que é a data destinada à transferência dos alunos da rede estadual. Portanto, a renovação é importante porque se trata do momento em que a escola vai identificar o interesse do estudante em permanecer naquela unidade em que está matriculado”, destacou.

A matrícula para os alunos novos ou para os alunos da rede que irão mudar de escola acontecerá em janeiro de 2018.

COLÉGIO MODELO DE ILHÉUS CONVIDA POPULAÇÃO PARA O “TRANSFORMAÊ!”

Do Blog do Gusmão

Evento

Em Ilhéus, o Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães vai participar do Transformaê 2017, evento da rede estadual de ensino. A programação começará às 8 horas e seguirá até as 20 horas dessa quinta-feira (21).

Os visitantes vão poder participar de oficinas e assistir apresentações culturais e palestras, além de desfrutar da praça de alimentação do evento. Os estudantes também vão promover um bazar.

Todas as atividades vão ser abertas ao público. O colégio fica na avenida Governador Roberto Santos, antiga avenida Esperança.

GOVERNADOR CONFIRMA CONCURSO COM 3400 VAGAS PRA EDUCAÇÃO

Edital terá vagas pra Ilhéus e região.

Em reunião com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Bahia (APLB), nesta segunda-feira (14), na Governadoria, o governador Rui Costa anunciou detalhes sobre concurso público para contratação de 2.796 professores e 664 coordenadores pedagógicos. As vagas do certame serão municipalizadas e distribuídas por 365 cidades baianas. O Governo do Estado também aumentou para 70% o percentual de gratificação por Condições Especiais de Trabalho (CET) de todos os diretores escolares da rede de ensino. Ainda como resultado da reunião com a APLB, o governador autorizou a ampliação da jornada de trabalho para aqueles educadores que trabalham 20h semanais e desejam passar para o regime de 40 horas, recebendo o dobro do salário.

“A reunião foi muito positiva. Conversamos sobre os pleitos, as demandas dos professores, e saímos com boas notícias. O concurso, que terá um total de 3.460 vagas, será publicado em, no máximo, 60 dias. Além disso, anunciamos a incorporação para 1.078 professores da ampliação da jornada de trabalho, de 20h para 40h semanais. E, cumprindo um compromisso meu, também aumentaremos a remuneração de diretores de escola. Marquei uma nova reunião com a APLB para a segunda quinzena de setembro, quando conversaremos sobre o restante da pauta, com as promoções dos reajustes que vamos praticar ainda este ano, em função dos cálculos que estamos fazendo pra dar garantias que possamos fazer melhoria salarial associada à segurança, tanto dos aposentados, quanto dos professores da ativa”, afirmou Rui Costa. 

Os concursos para os educadores e o aumento de carga horária têm o objetivo de suprir a vacância deixada pelo grande volume de aposentadorias e garantir a prestação dos serviços da rede pública de ensino, composta por 1.297 unidades escolares.

A abertura dos certames e a concessão de aumento de carga horária remunerada foram possíveis em função de o Estado ter saído do limite prudencial com gastos de pessoal, como determina a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). A Secretaria da Administração do Estado (Saeb) está em fase de preparação dos editais. 

As 2.796 vagas abertas para professores do ensino médio e fundamental vão gerar um impacto de R$ 117,6 milhões, a partir de janeiro de 2018. As vagas serão para professores do magistério público com carga de 40 horas semanais. Já com as 664 vagas de coordenadores pedagógicos, o Governo terá uma despesa com custeio de R$ 29,4 milhões, no exercício 2018.

De acordo com o presidente da APLB, Rui Oliveira, a reunião foi proveitosa. “Decidimos pontos importantes com o governador, que figuram como uma grande vitória do movimento sindical. Vamos continuar discutindo sobre promoções e outras questões em outro encontro que já deixamos marcado”.  

Segundo o secretário estadual da Educação, Walter Pinheiro, o governador está apostando firmemente na mudança pedagógica e no apoio à escola. “Além das vagas oferecidas no concurso, estamos aumentando a carga horária de 262 coordenadores pedagógicos de 20 para 40 horas semanais com o objetivo de cobrir a totalidade de nossas escolas com coordenação pedagógica. Os novos professores também vão trabalhar num regime de 40 horas, o que possibilita uma maior interação e ambientação do professor com a escola, e consequentemente uma melhora do trabalho que é feito”, explicou. 

Carga horária

O Governo vai abrir processo para a ampliação de carga horária de 816 professores do ensino fundamental e médio. O acréscimo dos gastos com ampliação da carga horária será de 29,4 milhões no exercício de 2018. Os processos de aumento da carga horária devem ser solicitados individualmente pelos interessados e estarão condicionados à existência de vaga no quadro de magistério público estadual, além da observância dos critérios previstos no Estatuto do Magistério.

Também foram abertas 262 vagas para aumento de carga horária de coordenadores pedagógicos. Eles vão sair de uma carga de 20 horas para 40 horas semanais. A medida teve entendimento favorável da Procuradoria Geral do Estado (PGE), em função de suprir a vacância de aposentados, exonerados e falecimentos.

Bolsa Permanência

A Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe é outra medida do Governo do Estado para garantir a boa prestação dos serviços da rede pública de ensino, em função da grande quantidade de aposentadorias de educadores. 

Em dezembro de 2016, a administração estadual abriu três mil vagas da bolsa para professores que já possuem os requisitos para aposentaria, mas que desejam permanecer em atividade. Aqueles que optarem pela bolsa e decidirem continuar lecionando recebem valores entre R$ 800 e R$ 1,6 mil, dependendo se a carga horária é de 20 ou 40 horas.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia