WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
alba embasa nota premiada


março 2019
D S T Q Q S S
« fev    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


:: ‘crise’

SEM COMBUSTÍVEL, ILHÉUS PERDE 30% DA FROTA DE ÔNIBUS

Da Secom/Ilhéus

Ônibus

A greve dos caminhoneiros, que protestam contra os sucessivos aumentos no preço dos combustíveis e paralisam estradas em várias regiões do País, já produziu reflexos em diversos estados. Com o desabastecimento dos postos de combustíveis, o município de Ilhéus, através Superintendência de Trânsito (Sutran), reuniu-se com representantes das empresas de transportes públicos e foi definido o contingenciamento em 30 por cento da frota, válido para a sede urbana e para a zona rural, a partir de hoje, 24.

De acordo com o diretor de Trânsito, Gilson Nascimento, o contingenciamento faz-se necessário para que o serviço de transporte seja garantido nesse momento em que já há racionamento de combustíveis no País. Nesse sentido, há a manutenção de 70 por cento da frota do sistema de transporte coletivo, até que seja normalizada a situação. Segundo Nascimento, a medida é cautelar e legal, uma vez que a falta de combustível prejudica diretamente a prestação dos serviços de transporte público no município.

MARÃO: “PESSIMISTAS ENXERGARÃO DIFICULDADES”

Da Secom/Ilhéus

Marão na abertura dos trabalhos da Câmara.

Ao participar hoje (20) à tarde, da reabertura dos trabalhos legislativos, na Câmara de Vereadores de Ilhéus, o prefeito Mário Alexandre dedicou grande parte do seu discurso para explicar as medidas que vem adotando para a melhoria da qualidade dos serviços públicos, especialmente nas áreas de saúde e educação. Mário Alexandre disse que neste primeiro ano de gestão teve que realizar um processo de reconstrução da cidade onde, no lugar de postos de saúde e unidades escolares, encontrou ruínas e abandono.

Mas garantiu que, sob o ponto de vista administrativo, a cidade melhorou. “Os pessimistas enxergarão dificuldades em cada oportunidade que surgir. Os otimistas, farão do momento uma nova história e um novo acreditar sobre elas. Por isso, posso garantir a todos vocês: não foi um ano fácil. Mas não foi um ano perdido”, afirmou, citando, ainda, alguns números da realidade financeira no município.

Débitos – “Durante o exercício de 2017, promovemos junto à Secretaria da Receita Federal, a regularização de débitos tributários deixados pela administração anterior, que ultrapassavam o valor de 30 milhões de reais. Fizemos a regularização através de parcelamentos junto à Caixa Econômica Federal dos débitos constantes de FGTS, sofremos incontáveis sequestros de verba. Nosso governo pagou em dívidas o valor de 49 milhões de reais”, lembrou. De acordo com o prefeito Mário Alexandre, com muita dificuldade financeira, foram cumpridos os índices de educação e saúde, de 25 e 15% respectivamente.

Na educação, os principais avanços apontados estão na ampliação de oito mil vagas, do número de linhas do transporte escolar e melhoria na qualidade da merenda. Durante o ano passado foram construídas as bases para que, agora em 2018, pudessem, desde o início do ano, ser anunciada a reforma de 10 escolas e a construção da Escola de Piaçaveira, que por mais de 25 anos funcionou em um barraco de madeira, sem as mínimas condições de abrigar estudantes na região do Japu.

Parceria – Na saúde, disse o prefeito, a parceria estabelecida com o governo do estado, tem sido fundamental para resgatar um dos setores mais afetados da cidade, após experiências desastrosas com gestões anteriores à atual. “Todos sabem do meu compromisso em melhorar a saúde pública de ilhéus. Mais que tema permanente de campanha, sou conhecedor da causa e sei quais são os desafios. Mesmo diante de uma estrutura da rede básica destruída que herdamos, temos avançado. Claro de ainda distante do que queremos e do que deseja o povo de ilhéus. Mas avançamos”, disse.

O prefeito destacou as alternativas que estão sendo criadas para atender a demanda da população, a exemplo dos Pontos de Atendimento 24 horas do centro (Hospital São José), zona sul (antiga Climedi) e Malhado (Coci). Disse, também, que em breve a Policlínica da Conquista passará a oferecer o serviço 24 horas. Para tanto, passará por adequações físicas.

Ajustes – Um aporte financeiro de 15 milhões de investimentos na saúde será dado pelo governo do estado para a recuperação da rede básica, reforma do Hospital Regional, que será transformado em um Hospital Materno-Infantil de alta complexidade e recuperação das unidades básicas de saúde. “O Hospital Costa do Cacau, inaugurado pelo governo da Bahia, é, sem dúvida, um dos equipamentos mais modernos do estado. Há ainda limitações de funcionamento? Há. Mas elas serão superadas. O xadrez está sendo ajustado para que, muito em breve, tenhamos uma saúde de qualidade e de excelência, como é a minha determinação”, assegurou.

“Senhores vereadores. Seguirei convicto de que neste primeiro ano de gestão, cumpri com lealdade os princípios da legalidade, moralidade, impessoalidade, publicidade, eficiência e razoabilidade. Ilhéus agora tem um norte. Vamos seguir em frente. Para frente. Fortalecidos pelo apoio desta casa, com o carinho e o respeito da população e com fé em Deus, ao final da nossa gestão, que encaro como a mais importante jornada da minha vida, entregaremos uma cidade mais justa, menos desigual e mais cidadã”, finalizou o prefeito.

ILHÉUS: FUNCIONÁRIOS DO SAMU USAM FOGO À LENHA NA FALTA DE GÁS

Fogo à lenha

Há pouco mais de três meses, a imprensa estadual noticiou, depois de várias denúncias locais, o fechamento do Samu de Ilhéus. O serviço ficou dias sem sequer uma ambulância para atendimento aos quase 200 mil ilheenses (lembre aqui).

Passados esses meses, o caos que toma conta do Samu  não diminuiu. Recebemos, pelo whatsapp, imagens que mostram o que seria um funcionário fazendo seu almoço num fogo a lenha, no chão do prédio onde funciona o serviço, na Avenida Litorânea Norte.

Além do gás de cozinha na copa, a unidade também não estaria com fornecimento regular de água mineral para os funcionários, que trabalham em regime de plantão, por vezes mais de 12 horas por dia.

A falta de insumos estaria afetando também o abastecimento de medicamentos nas ambulâncias e, mesmo após sucessivas denúncias (veja aqui), um dos veículos de socorro segue rodando com a porta traseira fechada com um pedaço de pano.

O ILHÉUS EM RESUMO procurou a secretária de Saúde do Município, Elizângela Oliveira, que afirmou estar em reunião e que a pessoa responsável pelo setor de Média e Alta Complexidade da pasta daria um posicionamento sobre o caso. No entanto, até o fechamento desta nota, não houve retorno.

 

CASA BRASIL FECHA AS PORTAS 

Em funcionamento desde 1936, a Casa Brasil, loja de materiais de construção, fechou as portas no último sábado, dia 1. O fechamento pode ser um indício de que o sempre pouco competitivo comércio de Ilhéus está ainda mais fragilizado.

COLO COLO COM NOVO TÉCNICO 

Do Pimenta 

Beto Oliveira deverá ser oficializado, nas próximas horas, como novo treinador do Colo Colo. Beto já foi campeão da Segundona, em 2002, comandando o Itabuna.

O Tigre Ilheense disputa a Série B do Baiano de Futebol. Após o time ser goleado pelo Jequié, por 5 a 0, no último final de semana, dirigentes demitiram o treinador Sebastião Rocha.

A equipe é gerida por uma empresa de marketing esportivo e enfrenta dificuldades financeiras. Atletas estão sendo alimentados com salsicha e ovo, segundo profissionais de imprensa que cobrem o dia a dia do Tigrão.

GOVERNO MARÃO BUSCA SAÍDA PRA ANULAR ACORDO DOS PRECATÓRIOS

Do Bahia Econômica 

O setor jurídico da prefeitura de Ilhéus está procurando uma alternativa para tentar anular o acordo realizado no mês de março durante uma audiência global do Tribunal Regional do Trabalho 5ª Região, para tratar dos precatórios trabalhistas não conciliados.

Para firmar o acordo de pagamento dos precatórios, o município autorizou o desconto mensal de 15% do valor bruto do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e mais 10% do fundo de repasse do ICMS, calculados sobre os valores dos repasses do mês anterior dos respectivos fundos, que importa num valor anual da ordem de R$ 22.800.000,00. O acordo começará a entrar em vigor no mês de junho. 

Logo depois de ter assinado o acordo o “QG” do governo chegou a conclusão que o acordo inviabilizada a administração municipal. Por isso está buscando uma alternativa jurídica para anular. Uma fonte informou que uma alternativa é um vereador entrar com a impugnação do acordo, alegando que o governo teria de ter autorização da câmara para assinar esse acordo.

Segundo um jurista que pediu anonimato, a prefeitura deverá entrar com uma ação no TRT, caso não seja deferido, recorra ao TST: “O mais certo é eles entrarem com uma ação rescisória, não tem multa, mas autoriza o TRT a sequestrar o FPM”, declarou.

PROCURADOR-GERAL TAMBÉM DE SAÍDA DO GOVERNO MARÃO 

Resende ao lado de Marão

O Procurador-Geral do Município de Ilhéus, Fabiano Resende, deve ser o terceiro ocupante do primeiro escalão do governo Mario Alexandre a deixar o cargo.

Advogado dos mais respeitados da região, Resende é considerado reserva moral do governo. No entanto, é apontado como o responsável por fazer o prefeito Mário Alexandre assinar, na última segunda-feira, acordo que elevou pra 15% o sequestro dos recurso do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) para pagar precatório (decisão judicial já finalizada).

O acordo é tido como uma barbeiragem das grandes, pois retira recursos dos já combalidos cofres municipais.

A assinatura do acordo levou o secretário da fazenda, Elifaz Anunciação, a entregar o cargo ao prefeito Marão, como revelamos mais cedo (lembre aqui).



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia