WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia


julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  


:: ‘aeroporto’

PASSAREDO VAI OPERAR VOO PARA ILHÉUS

Do Tabuleiro

Turbo-hélice da Passaredo.

Onze novos voos partindo de aeroportos baianos passarão a ser ofertados pelas companhias aéreas Azul, Gol e Passaredo. O anúncio foi feito pelo governador Rui Costa (PT), na sede da Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador, na sexta-feira (5).

Na oportunidade, o chefe do Executivo Estadual apresentou um pacote de incentivos à expansão das operações de transporte aéreo de passageiros e os primeiros resultados das medidas, que incluem a implantação por essas companhias de 161 novos voos com frequência semanal, dos quais 55 serão para o interior baiano.

Segundo o governador, as companhias que já aderiram ao pacote irão ofertar um total de 1,15 milhão de novos assentos: a oferta passará de 3,26 milhões para 4,4 milhões de assentos, o que representa um incremento de 36%. A expectativa do Governo do Estado é que a maior oferta tenderá a baratear os preços das passagens.

A empresa com maior ampliação é a Azul, que implantará 73 novos voos com frequência semanal. A Azul terá quatro novos trechos como consequência do pacote de incentivos: Salvador a Aracaju, Salvador a Maceió, Salvador a Guarulhos (São Paulo) e Vitória da Conquista a Campinas. Além disso, passará a ser oferecido regularmente o trecho de Salvador a Teixeira de Freitas, que só havia sido operado no último verão. Ao todo, a empresa contará com 560 mil novos assentos partindo de aeroportos baianos até o próximo ano, ampliando a oferta em 43%: de 1,3 milhão em 2018 para 1,9 milhão em 2020.

A Gol irá operar 53 voos semanais adicionais, dos quais 14 para o interior. Haverá dois novos trechos: de Vitória da Conquista a Guarulhos (São Paulo) e de Salvador ao Rio de Janeiro (Santos Dumont). Serão 470 mil novos assentos até 2020, um incremento de 27% com relação a 2018. O total de assentos em oferta pela Gol saltará de 1,7 milhão para 2,2 milhões.

Na Passaredo, 35 voos adicionais serão implantados até dezembro. Os novos assentos somarão 120 mil até 2020, com incremento de 58% ante o total do ano passado. A empresa vai implantar uma nova base de voos regionais na Bahia, ampliando os serviços no trecho Salvador-Petrolina, retomando o trecho Barreiras-Brasília e incrementando os trechos entre Ilhéus, Teixeira de Freitas e Aracaju.

Os 11 novos trechos partindo de aeroportos baianos são:

– Salvador – Aracaju (Azul)
– Salvador – Maceió (Azul)
– Salvador – Guarulhos (Azul)
– Vitória da Conquista – Campinas (Azul)
– Salvador – Teixeira de Freitas (Azul)
– Vitória da Conquista – Guarulhos (Gol)
– Salvador – Rio de Janeiro (Gol)
– Barreiras – Brasília (Passaredo)
– Salvador – Ilhéus (Passaredo)
– Salvador – Teixeira de Freitas (Passaredo)
– Salvador – Aracaju (Passaredo)

MOVIMENTAÇÃO NO AEROPORTO JORGE AMADO CRESCE 50% EM DEZEMBRO

Do Ilhéus 24h

Aeroporto Jorge Amado.

O aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus, é considerado um dos mais importantes do sul baiano. O equipamento foi delegado pela Secretaria Nacional de Aviação Civil a Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra), em 2017 e vem passando por serviços de melhorias em sua estrutura. Foram feitas obras de requalificação, pintura e ampliação na frequência para pousos e decolagens.

A movimentação de passageiros no aeroporto aumentou cerca de 50% no mês de dezembro de 2018 em comparação ao mesmo período do ano anterior. No mês passado, aproximadamente 53 mil pessoas embarcaram ou desembarcaram no equipamento no sul baiano. Em dezembro de 2017, o aeroporto havia recebido 35 mil pessoas. 

“O terminal aeroportuário é um vetor de desenvolvimento econômico do sul do estado, principalmente na atração de turistas e negócios. Para dar mais comodidade aos usuários, melhorias estruturais e de operação foram feitas pelo Estado. Além disso, outras providências operacionais serão tomadas para requalificar o local”, destaca o secretário de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti.

O crescimento também foi de 50% em relação ao número de frequência de voos no equipamento no sul do estado, que opera com aviação regular. Em dezembro do ano passado, foram 210 voos que passaram pelo aeroporto Jorge Amado. Enquanto que no mesmo período de 2017, a quantidade foi de 140 aeronaves utilizando o local.

ILHÉUS PODE TER DE VOLTA VOOS NOTURNOS

Da Secom/Ilhéus

Aeroporto.

O prefeito Mário Alexandre vem acompanhando as ações realizadas para melhoria interna e externa no aeroporto Jorge Amado, cuja administração está a cargo da SPE-Concessionária, consórcio criado pela empresa Socicam para administrar o equipamento. Segundo o novo gerente do aeroporto, Marco Antônio, os passageiros já podem desfrutar de espaço ampliado nas salas de embarque e desembarque.

O gestor do aeroporto adianta que chegarão nos próximos dias os equipamentos de refrigeração para adequar serviços de climatização nos banheiros. Também confirma o avanço das negociações com as companhias aéreas para o aumento da oferta dos voos, incluindo os noturnos, a fim de atender a demanda do verão e devolver a Ilhéus as linhas desativadas.

Segundo Marco Antônio, as maiores intervenções no local serão realizadas a partir do quarto mês de administração do aeroporto. Entre elas, estão incluídos o recapeamento de pista e aumento dos pátios de estacionamento para aeronaves e de veículos, expansão do estacionamento, ampliação dos pátios de decolagem e aterrissagem da viação regular e depois o pátio da aviação geral, além da adequação da sinalização horizontal.

Intervenções – No último dia 13, o prefeito reuniu-se com o gerente Marco Antônio e o diretor-presidente da SPE-Concessionária, Claudio Gomes, para conhecer os planos de expansão da empresa. No encontro, os empresários solicitaram à Prefeitura intervenções no tráfego de veículos nas áreas adjacentes ao aeroporto e soluções para o excesso de interferências no entorno da pista de decolagem e aterrissagem, como antenas e prédios construídos em locais inadequados.

Para o prefeito Mário Alexandre, é uma prioridade da administração municipal transformar o aeroporto de Ilhéus em um dos mais bem equipados do país. “Ilhéus é um dos destinos turísticos mais procurados por turistas de todo o mundo, a cidade merece a melhor infraestrutura para atender os visitantes e moradores”, destaca.

De acordo a Secretaria de Infraestrutura do Estado da Bahia, o Aeroporto Jorge Amado recebe, em média, 700 mil passageiros por ano e opera com voos regulares, sendo o principal terminal do interior do estado.  A concessão prevê investimento de R$ 100 milhões ao longo do prazo de 30 anos de contrato para realização de serviços, sendo 30 milhões de reais nos primeiros cinco anos.

AEROPORTO DE ILHÉUS PASSA A “FECHAR” À NOITE

Aeroporto de Ilhéus.

Depois de o Governo do Estado assumir o controle do Aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus, o equipamento passou a não operar mais à noite. A denúncia foi feita pelo vereador Ivo Evangelista, por meio das redes sociais.

Desde o início desse ano, o terminal não contava mais com voos comerciais noturnos. Agora, a operação à noite está fechada também para pousos e decolagens emergenciais.

As mudanças não param por ai. Segundo o blog Agravo, desde o último dia 3, o terminal passou a ser operado, em definitivo, pela empresa Socicam, vencedora da licitação que cedeu o aeroporto para a iniciativa privada.

DEFINIDA EMPRESA QUE VAI GERENCIAR AEROPORTO DE ILHÉUS

Do Tabuleiro

Aeroporto de Ilhéus.

A Socicam Administração Projetos e Representações Ltda é a empresa vencedora da licitação para administrar o Aeroporto Jorge Amado em Ilhéus. A informação foi publicada no diário oficial do estado nesta terça-feira (14). O Site O Tabuleiro apurou que a Socicam já administra aeroportos na Bahia, Ceara, Minas Gerais e Goiás, sendo o maior terminal administrado o de Goiânia com 34 mil m² de área construída e capacidade para movimentação de 6,3 milhões de passageiros por ano.

A Socicam passa a ter a concessão pelo período de 30 anos da área aeroportuária. São estimados investimentos, por parte de R$ 100 milhões ao longo dos 30 anos da concessão. Nos cinco primeiros anos do contrato estão previstos R$ 30 milhões para ampliação do terminal de passageiros, estacionamento de veículos, restauração do pavimento da pista de pouso/decolagem, pátios, taxiways e vias de serviço e a reforma e ampliação da Seção de Combate a Incêndio.

Construído na década de 30, o aeroporto Jorge Amado é um dos mais antigos do estado e o terceiro maior em número de passageiros. Além de ampliar o terminal de passageiros, a Socicam terá que realizar obra de recuperação da pista e tráfego aéreo, estudo de localização, projeto e licenciamento ambiental para o novo aeroporto.

SÓ UMA EMPRESA SE INTERESSOU PELO AEROPORTO DE ILHÉUS

Do Tabuleiro

Aeroporto de Ilhéus.

No último dia 31, o Governo do Estado da Bahia realizou um leilão, em Salvador, para definir a empresa que deverá operar, requalificar e ampliar o Aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus. Esta estapa durou apenas meia hora e teve como interessada na licitação apenas uma empresa, que agora tem a documentação analisada por técnicos da Agerba.

O resultado do leilão deve ser apresentado em breve, no Diário Oficial do Estado. De acordo com o aviso de licitação, a empresa que vencer o processo terá que investir entre R$ 12 e R$ 15 milhões na requalificação do aeroporto.

BEBEDOURO CAUSA ALAGAMENTO NO AEROPORTO DE ILHÉUS

Do Pimenta

Alagou.

Quem passou pelo aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus, nesta semana, se deparou com uma cena vexatória. Um defeito nos dois bebedouros instalados no piso superior provocou alagamento e colocou a segurança de passageiros e de quem trabalha no local em risco. O perigo é grande porque os equipamentos estão instalados ao lado das poltronas e dos fios da estação de energia para recarregar celulares e computadores.

Passageiros que esperavam um dos voos para Belo Horizonte ironizaram o fato de pagarem uma tarifa tão cara enfrentar tamanho descaso. Eles observaram que os riscos são grandes de alguém pisar no chão molhado, cair e sofrer um acidente grave. Atualmente, a Infraero é quem administra o aeroporto de Ilhéus, que deve ser transferido para iniciativa privada nos próximos anos. Antes da conclusão do processo, a estatal deveria aos menos fazer uma simples manutenção nos bebedouros.

GOVERNO FAZ CONSULTA PÚBLICA PARA CONCESSÃO DO AEROPORTO DE ILHÉUS

Do Pimenta

Aeroporto de Ilhéus.

Foi publicada no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (25) a abertura da consulta pública para a concessão do aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus. O Governo do Estado informou que o objetivo é receber críticas e sugestões que irão contribuir para a elaboração do edital de licitação para a concessão do terminal à iniciativa privada.

O período servirá para os interessados encaminharem as suas contribuições para o processo de concessão do terminal de Ilhéus, além do prazo para a inscrição de expositores para a Audiência Pública. O encontro será realizado em 30 de maio, às 10h, no auditório da Agerba, no Centro Administrativo, em Salvador.As sugestões podem ser encaminhadas até 25 de maio pelo e-mail: consultapublica@agerba.ba.gov.br ou protocoladas na Agerba, no Centro Administrativo.

700 MIL PASSAGEIROS POR ANO

O aeroporto de Ilhéus é considerado um dos mais importantes do estado. É o principal terminal da região cacaueira, com destaque para a atração de turistas e negócios no território baiano. Atualmente, recebe uma média de 700 mil passageiros por ano e opera com voos regulares.

O secretário de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, ressalta a importância das obras para Ilhéus. “Atendendo a uma demanda da região, a Seinfra fará a concessão do aeroporto para a ampliação e melhoria do aeroporto em pontos como a pista e o terminal de passageiros”, destaca.

Segundo o Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, nos cinco primeiros anos do contrato estão previstos R$ 30 milhões para ampliação do terminal de passageiros, estacionamento de veículos, restauração do pavimento da pista de pouso/decolagem, pátios, taxiways e vias de serviço e a reforma e ampliação da Seção de Combate a Incêndio.

ENFIM, MARÃO SE MOBILIZA PARA REVERTER FIM DE VOOS DA AZUL EM ILHÉUS

Depois de um puxão de orelha dado por este blog – lembre aqui, o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, se mobilizou pra tentar reverter a perda de voos da Azul entre os aeroportos de Ilhéus e Salvador. Veja abaixo, a nota da prefeitura enviada aos veículos de comunicação nesta terça, dia 6:

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre Sousa, e o governador Rui Costa, voltam a dialogar hoje (6), em Salvador, sobre a importância da manutenção dos voos da Companhia Azul que fazem a rota Ilhéus – Salvador e que estão previstos para ser suspensos a partir do próximo dia 19, por opção da companhia. De acordo com a Azul, a extinção dos horários é devido a um ajuste de malha e os voos atingidos pela medida são os que saem de Ilhéus, no sul da Bahia, de segunda a sexta, às 13h40, e os que saem aos sábados e domingos, às 10h05.

“A manutenção destes voos é importante para a região e o governador tem atuado fortemente ao lado do secretário estadual de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, e dos deputados Ângela Sousa (estadual), Paulo Magalhães e Bebeto Galvão (federal) no sentido de garantir a sua permanência na malha”, disse o prefeito.

Hoje, além de mais um encontro com o governador para debater a situação, Mário Alexandre também garantiu que o deputado federal Bebeto Galvão vai estar reunido, em Brasília, com a direção da companhia. “Estamos todos somando esforços para preservar esta conquista da população de Ilhéus e de toda a região”, afirmou. Também participará deste encontro, o secretário estadual de Turismo, José Alves. “O estado está aberto à negociação positiva, com a disposição de novos investimentosem marketing e negociação de impostos, a depender da contrapartida da empresa. A proposta é de ampliar a oferta ao invés decancelar”, assegura o secretário

MARÃO QUER AEROPORTO DE ILHÉUS FUNCIONANDO COM INSTRUMENTOS

Do Blog do Gusmão

Aeroporto Jorge Amado.

O prefeito Mário Alexandre (PSD) foi a Brasília debater com o ministro de Defesa, Raul Jungmann, sobre a reativação dos procedimentos de aproximação por instrumentos do Aeroporto Jorge Amado. A comitiva contou com vários secretários de Ilhéus e um piloto experiente em voos no município.

O prefeito falou ao ministro sobre os custos elevados que o aeroporto tem, principalmente, em épocas de chuva. “Essa questão faz com que as companhias aéreas cobrem mais caro para operar em Ilhéus devido ao risco financeiro”, disse.

Segundo Mário, toda a região sul da Bahia vai ser beneficiada com esta mudança. “Estou convicto de que haverá empenho do ministro para atender as nossas demandas”, assegurou.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia