WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom ponte ilheus secom bahia solidaria embasa policlinica itabuna secom bahia


agosto 2020
D S T Q Q S S
« jul    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  


:: ‘Região’

TÉCNICA DE ENFERMAGEM DE 35 ANOS MORRE DE COVID-19 NO COSTA DO CACAU

Do Ilhéus 24h

Técnica de Enfermagem morre de covid-19

Uma técnica de enfermagem, de 35 anos, morreu no Hospital Costa do Cacau (HCC), em Ilhéus, após ser diagnosticada com a Covid-19. Ela atuava em um hospital de Camacan, município da mesma região.

A morte de Márcia de Araújo Santos ocorreu no domingo (28). Segundo a Secretaria de Saúde de Camacan, a mulher foi internada no dia 13 de junho na Fundação Hospitalar da Mata Atlântica, onde trabalhava.

Com o agravamento do quadro de saúde, Márcia precisou ser transferida no dia posterior ao internamento, em 14 de junho, para o HCC, onde morreu no domingo.

A secretaria informou ainda que ela não tinha nenhuma comorbidade. Não há informações sobre o enterro dela.

Conforme o boletim divulgado na segunda-feira (29) pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), Camcan já tem mais de 290 casos da doença. (G1)

PENALTY ANUNCIA R$ 43,7 MILHÕES E 235 NOVOS EMPREGOS EM ITABUNA E ITAJUÍPE

Do Pimenta

PENALTY

A Cambuci, detentora da Penaly, anunciou investimentos de R$ 43,7 milhões nas fábricas instaladas em Itajuípe e Itabuna, ambas no sul da Bahia, além da geração de 235 novos empregos. A empresa assinou protocolo de intenções com o governo baiano nesta segunda (29).

Segundo o diretor de Relações com o Mercado da Cambuci, Roberto Estefano, a empresa investirá R$ 31 milhões na unidade de Itabuna para aumentar em 725,6 mil a fabricação anual de bolas, com geração de 127 novos empregos. Hoje, após planos de reestruturação, a unidade emprega 352 funcionários.

Já na unidade de Itajuípe, serão investidos R$ 12,7 milhões para ampliar e modernizar a unidade que produz confecções e meias. Aumentará em 5,5 milhões a capacidade de produção de peças e vai gerar 108 novos empregos.

“Devemos aumentar significativamente nossa produção nas unidades da Bahia. Aumentaremos a contratação de pessoal e iremos incrementar as exportações com a valorização do dólar, principalmente para nossa unidade na Argentina, que é própria para América Latina e países da Europa. A retomada será moderada em função da pandemia, mas com incremento na produção”, afirma Roberto Estefano, diretor de Relações com o Mercado da Cambuci.

RETOMADA DA ECONOMIA

O secretário de Desenvolvimento Econômico da Bahia, o vice-governador João Leão, disse que a ampliação dos investimentos da Penalty no sul do estado sinaliza “retomada de crescimento econômico no Estado” no pós-pandemia. “Além de atrair novas empresas, mantemos o ambiente de negócios saudável para que outros investimentos possam ser ampliados, gerando oportunidade de emprego para o povo baiano”, disse Leão.

FERNANDO CONFIRMA E COMÉRCIO DE ITABUNA REABRE NESTA QUARTA (1º)

Do Pimenta

Prefeito Fernando Gomes.

O prefeito Fernando Gomes disse que o decreto que autorizará a reabertura do comércio de Itabuna a partir desta quarta (1º) será publicado ainda na tarde desta terça-feira (30). Pelo decreto a ser publicado, o comércio funcionará das 9h às 16h. Para atender à demanda, os ônibus voltarão a circular, mas das 8h às 17h30min. O prefeito confirmou a reabertura numa entrevista ao Bahia Meio Dia, da TV Santa Cruz, há pouco.

Na semana passada, Fernando Gomes afirmou que autorizaria a reabertura do comércio mesmo contrariando decisão judicial ou se houvesse ordem de prisão contra ele. O decreto a ser publicado ao final da tarde definirá os protocolos e as medidas que as lojas deverão adotar para reabrir.

PRESSÃO

O prefeito vem sendo pressionado pelo empresariado para que autorize a retomada das atividades econômicas. Desde 21 de março, apenas segmentos do comércio considerados essenciais – a exemplo de supermercados e farmácias – estão funcionando. Os demais tiveram que suspender funcionamento ou operar em sistema delivery ou drive thru.

Segundo dados da Câmara de Dirigentes Lojistas de Itabuna (CDL), as restrições ao funcionamento do comércio provocaram fechamento de 40 lojas e cerca de 1,2 mil demissões. Desde o início da pandemia, Itabuna registra 66 mortes e mais de 2.457 mil infectados, dos quais 1.058 já estão curados.

APENAS 30 MUNICÍPIOS DA BAHIA NÃO POSSUEM CASOS DE CORONAVÍRUS

Do Tabuleiro

Hospital.

Em todo território baiano, apenas 30 cidades ainda não registraram infecções pela Covid-19. Das 417 cidades do estado, as que não apresentaram a doença, possuem população igual ou menor que 20 mil habitantes. O levantamento foi realizado pelo CORREIO em trabalho conjunto com prefeituras municipais e com a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab).

As cidades que ainda não apresentam casos do novo coronavírus estão localizadas nas regiões sanitárias do centro-leste, centro-norte, oeste, sul e sudoeste. No sudeste, 10 municípios não foram contaminados. Das nove regiões sanitárias do estado, as regiões Norte, Nordeste, Leste e Extremo-sul já foram tomadas por casos da doença.

A previsão do professor da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) e pesquisador do portal Geocovid-19, Washington Rocha, é de que em cerca de 60 dias, todos os municípios serão atingidos por infecções da Covid-19.

ITABUNA: 30 TRABALHADORES DO SUPERMERCADO ITÃO TESTAM POSITIVO PARA COVID-19

Do Tabuleiro

Itão.

Dando continuidade ao mutirão de testes de Covid-19 para trabalhadores e trabalhadoras dos serviços essenciais, funcionários da rede de supermercados Itão foram testados nesta segunda-feira, 29.
De um total de 237 testes, 30 foram positivados para Covid-19. O mutirão, realizado pela Vigilância Epidemiológica, com o apoio da Vigilância Sanitária e do Cerest (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador), é fruto de uma solicitação do Sindicato dos Comerciários e Comerciárias de Itabuna.
Apesar de sua sede não estar em funcionamento por conta da pandemia, o Sindicato dos Comerciários e das Comerciárias de Itabuna continua atuante e está à disposição da categoria para receber denúncias, tirar dúvidas e orientar os trabalhadores e trabalhadoras.

SECRETÁRIO DE SAÚDE DA BA EXPLICA ACRÉSCIMO DE 12 MIL CASOS DE COVID NO FIM DE SEMANA

Do Ilhéus 24h

Fábio Vilas Boas

No último fim de semana, o número de casos confirmados de coronavírus na Bahia sofreu um acréscimo de 12.073 infectados. O índice, divulgado no boletim da Secretaria de Saúde (Sesab), representa aproximadamente 20% do que o estado notificou entre o início da pandemia e sexta-feira (26).

Apesar do impacto inicial que os dados causam, o secretário Fábio Vilas-Boas explicou, em participação no Jornal da Manhã desta segunda-feira (29), que não houve um surto da Covid-19 nos últimos dias, mas sim uma atualização de casos que estavam represados, sem uma confirmação do município de origem.

Fábio Vilas-Boas pontuou que dos 8.822 casos que entraram no boletim de sábado (27), 7.938 entraram na relação como parte da decisão da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Divep) de limitar o prazo de validação dos municípios a 24 horas.

O secretário afirmou que prefeituras de várias cidades notificavam o estado sobre um paciente com suspeita da Covid-19, mas, mesmo após semanas, não confirmavam se a pessoa realmente havia sido infectada pela doença. No domingo (28), a Sesab registrou 3.251 casos de coronavírus no estado.

“Muitos municípios notificavam o sistema, mas não fechavam o caso, o que resultava em uma quantidade imensa de casos notificados que nunca eram confirmados. Nós desenvolvemos um sistema que já estávamos trabalhando há um mês que comparava a base de dados do Lacen, dos exames que tinham dado positivo, com a base de dados dos casos notificados. Limpamos grande parte desses casos”, disse.

“Há pouco mais de um mês ocorreu a mesma coisa, houve um aumento súbito de casos confirmados. Agora definimos que passadas 24h dos casos não confirmados, a gente vai começar a confirmar automaticamente, de modo a evitar que eles passem semanas apenas como casos notificados. Isso dá mais transparência. Mas o que mais importa, se formos olhar o número de casos, o número de ativos não mudou, assim como não mudou o número de óbitos”, disse Vilas-Boas.

 

MORRE ALMIR MELO, EX-PREFEITO DE CANAVIEIRAS

Do Pimenta

Almir Melo

O ex-prefeito de Canavieiras Almir Melo (MDB), aos 75 anos, faleceu, na tarde do domingo (28). As primeiras informações são de que o político estava em casa com a família quando sentiu-se mal e foi levado às pressas para o Municipal Hospital Regis Pacheco.

O quadro de saúde agravou-se rapidamente e Almir Melo não resistiu. Informações extraoficiais são de que ele teria sido vítima de infarto. Almir foi prefeito de Canavieiras por quatro mandatos, sendo que o último encerrado em 2016. Não foram divulgados os detalhes sobre o sepultamento do corpo do ex-prefeito. Do Pimenta.

CIENTISTA DESENVOLVE ESTUDO SOBRE COVID-19 NA BAHIA COM FOCO EM ASPECTOS IMUNOLÓGICOS DOS PACIENTES

Do Vermelhinho

Corona Vírus

Foi no Laboratório de Virologia do Instituto de Ciências da Saúde, da Universidade Federal da Bahia (Ufba), que a PhD em virologia, Silvia Sardi, junto ao professor Gúbio Campos, esteve à frente de identificar vírus até então desconhecidos como Norovírus, Bocavírus e Zika vírus. Em busca de oferecer um diagnóstico mais preciso e auxiliar as autoridades sanitárias, ela lidera um projeto para criar um meio de detectar o Coronavírus, junto a outras doenças respiratórias simultaneamente. “Observamos que muitos casos não eram Covid-19 e o Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen) precisa testar outros vírus respiratórios para definir um diagnóstico. No nosso trabalho, além de identificar se o paciente testa positivo ou não para Coronavírus, também diagnosticamos qual doença o atinge”, afirma Silvia.

Ela ressalta que os vírus respiratórios são os que mais afetam a população hoje em dia, mas é preciso saber o tipo de cepa viral, ou seja, a qual linhagem ele pertence – no caso do Coronavírus, o mesmo está enquadrado na SARS-CoV-2 – para saber qual vírus circula no estado. “Um outro objetivo do estudo é contribuir para definir uma possível vacina junto a outros pesquisadores do Brasil e até mesmo avaliar se a vacina proposta tem cobertura para a nossa região”, destaca ao reiterar que desconhece outros grupos de pesquisa na Bahia que estudem o tema de maneira similar. “A colaboração é fundamental na ciência, por isso estamos trabalhando com outros pesquisadores que estudam o assunto. Somos conhecidos no ambiente científico por sermos abertos a colaborações, pois ao fazer uso de recursos públicos, precisamos estar abertos em prol de colaborar com a saúde pública”.

De acordo com Silvia, ao diagnosticar Covid-19 e outros vírus respiratórios em uma única testagem, torna-se mais viável definir o tratamento imediato ao paciente. “Queremos também responder outras perguntas sobre a resposta inflamatória que se desencadeia no indivíduo infectado. Essa abordagem multidisciplinar faz com que nossa pesquisa abranja o tema da maneira mais completa possível, a fim de entender melhor sobre os aspectos imunológicos”, disse. A equipe completa é integrada também pelos professores Rejane Hughes, Luis Pacheco, Eric Aguiar e a Carina Pinheiro.

O trabalho está em fase inicial e recentemente foi aprovado no edital da Fundação de Amparo à Pesquisa da Bahia (Fapesb) com foco em apoiar pesquisas voltadas ao estudo do Coronavírus. “Agradecemos a confiança depositada em nosso trabalho por parte dos órgãos da saúde. Acreditamos que a confiança surge por estes 20 anos de atuação com responsabilidade e dedicação à virologia humana, sempre abertos a colaborar com a comunidade científica e a população em geral”, conclui.
Bahia Faz Ciência

A Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) e a Fundação de Amparo à Pesquisa da Bahia (Fapesb) estrearam, no dia 8 de julho, o Bahia Faz Ciência, uma série de reportagens sobre como pesquisadores e cientistas baianos desenvolvem trabalhos em ciência, tecnologia e inovação de forma a contribuir com a melhoria de vida da população em temas importantes como saúde, educação, segurança, dentre outros. As matérias serão divulgadas semanalmente, sempre às segundas-feiras, para a mídia baiana, e estarão disponíveis no site e redes sociais da Secretaria. Se você conhece algum assunto que poderia virar pauta deste projeto, as recomendações podem ser feitas através do e-mail comunicacao.secti@secti.ba.gov.br

JUNTAS, ITABUNA E ILHÉUS TÊM MAIS DE 3.700 CASOS DE COVID-19 E 121 ÓBITOS

Do Vermelhinho

ItabunaxIlhéus

Os dois municípios mais populosos do sul da Bahia têm mais de 3,7 mil casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19) no acumulado desde o início da pandemia da doença e, juntas, 120 óbitos provocados pelo vírus. Os números foram divulgados na noite deste domingo (28) pelas secretarias municipais de Saúde.

O maior número de casos é registrado em Itabuna, com 2.394 pessoas infectadas. Ilhéus, fechou o domingo com 1.361. Em Itabuna, ocorreram 66 óbitos pela covid-19, com 54 mortes em Ilhéus.

Porém, ontem a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) apontou um óbito ocorrido na última sexta (26) que não foi divulgado pelo município. A vítima foi internada em 20 de junho e faleceu no dia 26, no Hospital Costa do Cacau. Ela era diabética e tinha doenças cardiovascular e do sistema nervoso e estava com 87 anos. Este registro eleva o número de óbitos em Ilhéus para 55.

CURADOS

Ainda segundo as secretarias municipais de Saúde, o número de curados aproxima-se de 2 mil. São  892 em Ilhéus e 1.044 em Itabuna. Ilhéus tem 415 casos ativos da doença, enquanto Itabuna possui 1.284 pessoas ainda em recuperação.

EX-PREFEITO DE ITABUNA FÉLIX MENDONÇA MORRE DE COVID-19

Do Correio 24h

Ex prefeito de Itabuna Félix Mendonça

Morreu nesta sexta-feira (26) o ex-deputado e ex-prefeito de Itabuna Félix Mendonça (PDT), aos 92 anos. Ele estava internado após ter sido diagnosticado com covid-19.

O anúncio do internamento de Mendonça  foi feito no dia 21 de junho pelo filho, o deputado federal Félix Mendonça Júnior (PDT). “Meu pai testou positivo para o coronavírus e está internado aos cuidados de uma equipe muito competente”, disse.

Júnior acrescentou que aos 92 anos, o pai era seu maior maior exemplo de coragem, ética, amor ao próximo e vontade de viver. “É um guerreiro, torçam e rezem por ele, afinal pedir a Deus é o que mais importa”. Félix Jr. também foi diagnosticado com covid-19 e está em quarentena.

Formado em engenharia, Félix Mendonça nasceu em Coração do Almeida, no Recôncavo Baiano, foi prefeito de Itabuna (1963–1966), deputado estadual (1967–1971) e deputado federal (1983–2011).

“Ele foi um político e um empresário muito importante para a Bahia e, durante toda a sua vida, manteve uma relação de amizade com a nossa família. Foi um dos melhores amigos do senador Antonio Carlos Magalhães”, lamentou o senador Antonio Carlos Magalhães Junior.

Félix deixa a esposa, Maria Helena Mendonça, e os filhos Andrea, Cristiana e Félix Júnior.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia