WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom ponte ilheus secom bahia solidaria embasa policlinica itabuna secom bahia


setembro 2020
D S T Q Q S S
« ago    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  


:: ‘Geral’

CAIXA CREDITA HOJE AUXÍLIO EMERGENCIAL PARA MAIS DE 4 MILHÕES DE BENEFICIÁRIOS

dinheiro

A Caixa credita hoje (17) o auxílio emergencial para 4,097 milhões de beneficiários nascidos em setembro. São 4 milhões de pessoas nascidas em setembro que já tinham a programação de receber nesta data. Os demais, 97 mil, são os beneficiários nascidos em setembro que tiveram o pedido liberado no início deste mês. Eles tiveram o cadastro reavaliado pelo governo.

O auxílio, com parcelas de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras), foi criado para reduzir os efeitos da crise econômica causada pela pandemia de covid-19.

A Caixa tem disponibilizado o auxílio em uma poupança digital, acessível pelo aplicativo Caixa Tem. Pelo programa é possível fazer compras online em estabelecimentos autorizados e pagar boletos.

O saque em dinheiro do benefício, em uma agência do banco, é autorizado posteriormente, conforme calendário definido pelo governo, considerando o mês de nascimento do beneficiário. As transferências para outros bancos ou para contas na própria Caixa seguem o mesmo calendário de saque. Nesse caso, os recursos são transferidos automaticamente para as contas indicadas pelo beneficiário.

O crédito para os beneficiários nascidos em setembro faz parte do Ciclo 1 de pagamentos do auxílio emergencial. Os saques e transferências estarão liberados no dia 5 de setembro para os beneficiários que receberam o crédito na poupança social hoje.

No ciclo 1, o crédito na poupança social da Caixa está agendado para o período de 22 de julho a 26 de agosto, conforme o mês de nascimento. Os saques e transferências estão sendo feitos de 25 de julho a 17 de setembro.

BOLSA FAMÍLIA

Amanhã (18), inicia o pagamento do auxílio emergencial para público beneficiário do Bolsa Família com NIS final 1. O pagamento para esse público é feito conforme o calendário usual do programa Bolsa Família. Os primeiros a receber são os beneficiários com NIS final 1. Na quarta-feira, será a vez daqueles com NIS final 2 e assim por diante, com exceção do final de semana quando não há pagamentos, até o dia 31 de agosto, quando será liberado pagamento para os beneficiários com NIS final 0. Serão 1,9 milhão de beneficiários por dia.

 

AGENDAMENTO DE SERVIÇOS DO DETRAN DEVE SER REALIZADO NO SAC DIGITAL

Sac Digital

Por causa da pandemia da Covid-19, as pessoas que precisam de serviços do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) devem agendar previamente o atendimento no portal ou pelo aplicativo SAC Digital. Na plataforma constam a relação dos procedimentos disponíveis e as unidades do Detran-BA e da Rede SAC em que eles estão sendo oferecidos, na capital e no interior. Um serviço não precisa ser agendado: a emissão do documento do veículo, que deve ser baixado direto no SAC Digital, com a opção de imprimir uma cópia.

No momento, os serviços do Detran-BA mais procurados por hora marcada são a emissão da habilitação, segunda via e renovação da carteira, a liberação do certificado de registro do carro, conhecido como DUT, e solicitação de transferência de propriedade do veículo.

As carteiras de habilitação vencidas desde 19 de fevereiro tiveram o prazo de validade prorrogado por tempo indeterminado, o que desobriga o condutor de agendar a renovação do documento. Para as carteiras vencidas antes da data, o condutor pode renovar a habilitação.

O sistema é atualizado diariamente para aumentar a oferta de datas e horários de agendamento. O Detran-BA está em processo de migração de todos os serviços online do órgão para o SAC Digital, com o objetivo de integrar os procedimentos de trânsito à plataforma eletrônica do Estado.

PLANOS DE SAÚDE VÃO COBRIR EXAMES PARA DETECÇÃO DO NOVO CORONAVÍRUS

Plano de saúde

Os planos de saúde estão obrigados, a partir de hoje (14), a cobrir exames para detecção do novo coronavírus (SARS-CoV-2), que provoca a covid-19. A decisão, tomada ontem pela diretoria colegiada da Agência Nacional de Saúde Suplementar, prevê a cobertura para a pesquisa de anticorpos IgC ou anticorpos totais e foi publicada hoje no Diário Oficial da União.

Os exames poderão ser feitos nos pacientes com síndrome gripal ou síndrome respiratória aguda grave (SRAG) a partir do oitavo dia do início dos sintomas e também para crianças ou adolescentes com quadro suspeito de síndrome multissistêmica inflamatória pós-infecção pelo novo coronavírus.

Os planos de saúde, no entanto, não estão obrigados a cobrir os testes nos seguintes casos: RT-PCR prévio positivo para Sars-Cov-2; pacientes que já tenham realizado o teste sorológico, com resultado positivo; pacientes que tenham realizado o teste sorológico, com resultado negativo, há menos de uma semana; para testes rápidos; pacientes cuja prescrição tem finalidade de screening, retorno ao trabalho, pré-operatório, controle de cura ou contato próximo/domiciliar com caso confirmado; e para verificação de imunidade pós vacinal.

CONCURSO PREMIA MELHOR CACAU PRODUZIDO NO BRASIL

Cacau

Mais de 60 produtores de cacau de três estados se inscrevem na segunda edição do Concurso Nacional de Cacau Especial. “Estamos escrevendo uma nova história, reorganizando o setor e mudando o foco da produção de cacau no País. O produtor tem entendido que ele não precisa produzir apenas cacau commodity. O Brasil precisa virar essa página e passar a ser reconhecido também como produtor de cacau especial e fino”, destaca Cristiano Villela, diretor cientifico do Centro de Inovação de Cacau (CIC) e presidente do Comitê Nacional de Qualidade de Cacau Especial.

Neste ano, 63 produtores se inscreveram para concorrer aos prêmios, que serão divididos em três categorias: blend, varietal e experimental. Na categoria blend concorrem lotes de cacau onde não há seleção genética dos materiais durante o beneficiamento das amêndoas. Já na varietal, disputam as amêndoas de uma única variedade genética, normalmente responsáveis por preservar uma identidade marcante nos chocolates, por conta da homogeneidade dos lotes. Novidade nesta segunda edição do concurso é a categoria experimental, que vai premiar o cacau obtido de processos de pós-colheita diferenciados, como por exemplo métodos de fermentação inovadores.

A avaliação se dará em três etapas. A primeira fase da seleção foi através de análises físico-químicas de cada lote inscrito. Deste total, 27 lotes foram selecionados para a segunda etapa, que é realizada através da análise sensorial do cacau processado em líquor para avaliação do comitê técnico formado por especialistas da área. Por fim, na terceira e última etapa, um júri de convidados especiais composto por 15 profissionais de diferentes áreas de atuação, incluindo chefs, jornalistas, chocolate makers e pesquisadores irão avaliar os chocolates elaborados a partir dos líquors. Entre os membros do júri estão o chef confeiteiro Lucas Corazza, a chocolatier Luciana Lobo e o gerente de Marketing de Produtos da Cacau Show Lucas Cirilo.

PREMIAÇÃO

Os vencedores serão anunciados no dia 31 de agosto em uma transmissão ao vivo no canal do Centro de Inovação do Cacau no YouTube. Serão premiados os produtores de cacau que receberem as melhores notas nas etapas classificatórias e alcançarem a média nos critérios de sustentabilidade. Os ganhadores receberão certificado e prêmios em dinheiro.

Depois de levar dois prêmios com lotes na categoria blend da primeira edição do Concurso Nacional de Cacau Especial, o produtor de cacau amazônico Elton Gutzeit foi finalista na seleção de melhor cacau do mundo durante o Salon du Chocolat de Paris 2019. “Até o fim do ano passado, tínhamos demanda de 10 toneladas para a Bonnat chocolates, na França, outras cinco toneladas para a Harper Macaw Chocolate, dos Estados Unidos, e diversas amostras enviadas para chocolatiers do mundo todo”, celebra Gutzeit, cuja propriedade no estado do Pará está prestes a receber investimentos para expansão em 200 hectares e modernização de estrutura.

Diretor da moageira Barry Callebaut, o italiano Corrado Meotti acredita no enorme potencial dos cacauicultores do Brasil. “Um país que tem genética, biodiversidade e tecnologia avançada para cacau. Somos compradores do cacau de qualidade desde sempre e também incentivamos, desde o início, o crescimento da economia sustentável da cacauicultura brasileira”, destaca.

O II Concurso Nacional de Cacau Especial é uma iniciativa conjunta da cadeia de cacau, apoiada pela Barry Callebaut, Cargill, Dengo, FAEB/Senar, Harald, Mondelez, Gencau (Theo) e executado pelo CIC em parceria com a Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac).

AL-BA PROMULGA LEI QUE REDUZ MENSALIDADES ESCOLARES EM ATÉ 30%

AL-BA

O presidente da Assembleia Legislativa Nelson Leal promulgou seis leis que foram aprovadas em plenário virtual, em destaque o projeto do deputado Alan Sanches (DEM) que reduz as mensalidades escolares em até 30% durante a pandemia.

“Nunca o Legislativo atuou com tanta agilidade, oferecendo as respostas ansiadas por todos num momento difícil”, disse o presidente Nelson Leal.

Leis promulgadas:

Também foram convertidos em leis, já publicadas no Diário Oficial desta quinta (13) projetos dos deputados Jacó (PT) sobre agricultura familiar, e Ivana Bastos (PSD) obrigando condomínios a informar casos de violência contra mulheres, crianças e idosos.

O petista Zé Raimundo é autor lei que disciplina as denominações de instituições e bens estaduais, proibindo, por exemplo, o uso de nomes de pessoas vivas.

O deputado Alex da Piatã (PSD) criou o selo “Made In Bahia” para tudo produzido ou fabricado no estado.

O deputado Capitão Alden (PSL) é autor da lei que instituiu o Dia de Conscientização, Combate à Intolerância e à Vitimização Policial no estado da Bahia.

OBESIDADE AUMENTA EM ATÉ 4 VEZES O RISCO DE MORRER POR COVID, ESPECIALMENTE HOMENS E MENORES DE 60 ANOS

Do G1

Obesidade.

A obesidade é um fator importante de agravamento da Covid-19 e pode aumentar em até quatro vezes o risco de morte, principalmente em homens e pessoas com menos de 60 anos, de acordo com pesquisa publicada na quarta-feira (12) na revista “Annals of Internal Medicine”.

Os médicos e cientistas da Califórnia, nos Estados Unidos, analisaram os dados de 5.652 pacientes que tiveram o teste positivo para o novo coronavírus entre fevereiro e maio deste ano. O risco causado pela obesidade foi ajustado no estudo, com uma exclusão de fatores extras como diabetes, hipertensão, problemas cardíacos, entre outros. Dados de mulheres grávidas também foram excluídos da pesquisa.

Os resultados mostraram que os pacientes obesos tinham até quatro vezes mais chance de morrer pela doença, especialmente homens e menores de 60 anos com Índice de Massa Corporal (IMC) elevado. A contagem do desfecho dos casos foi feita 21 dias após o início da infecção.

“Encontramos uma associação impressionante entre o IMC e o risco de morte entre pacientes com diagnóstico da Covid-19 em um sistema integrado de saúde. Essa associação foi independente das comorbidades relacionadas à obesidade e outros fatores potenciais de confusão dos resultados”, escrevem os autores.

“Nossos dados também sugerem que o risco pode não ser uniforme em diferentes populações, com o IMC elevado fortemente associado à mortalidade pela Covid-19 em adultos jovens e pacientes do sexo masculino, mas não em pacientes do sexo feminino e idosos”.

Os cientistas afirmam, ainda, que o estudo é importante para que precauções extras sejam tomadas e evitem ainda mais riscos contra esse grupo. No Brasil, de acordo com dados do Ministério da Saúde desta quarta-feira, mais de 4 mil pessoas obesas morreram com a Covid-19 desde o início da pandemia – quase metade delas com menos de 60 anos, índice mais alto para a faixa etária entre as comorbidades.

Revisão britânica

Em 25 de julho, a Agência de Saúde do Reino Unido já havia publicado uma revisão de estudos sobre a relação entre a Covid-19 e a obesidade. Os pesquisadores britânicos também concluíram que o sobrepeso aumenta os riscos do novo coronavírus.

Segundo os resultados, quem está acima do peso tem 40% mais risco de morrer pela doença. Para obesos, a probabilidade pode ser 90% maior.

INSTITUTOS E UNIVERSIDADES FEDERAIS DA BAHIA TERÃO CORTE DE VERBA DE R$ 72,5 MILHÕES

Universidade Federal

O reitor e pró-reitores da Universidade Federal da Bahia (UFBA) realizaram transmissão na manhã desta quinta-feira (13), detalhando os efeitos que o corte de verba de cerca de R$ 30 milhões, anunciados pelo Ministério da Educação (MEC), podem causa na instituição. Durante a transmissão, a UFBA informou que, somando as reduções previstas para todas as universidades e institutos federais baianos, o corte será de R$ 72.528.098.

A redução de verba da Proposta de Lei Orçamentária Anual (Ploa) para 2021, anunciada pelo MEC, será de cerca de 18% em relação ao orçamento de 2020.
Para a UFBA, isso significa R$ 29,923.536 a menos no orçamento. Nas outras instituições federais baianas, os cortes serão de:

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB): R$ 8,5 milhões
Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB): R$ 3,5 milhões
Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB): R$ 4,9 milhões
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA): R$ 16,1 milhões
Instituto Federal Baiano (IF Baiano): R$ 9,2 milhões.

VACINA RUSSA CONTRA COVID SÓ DEVE CHEGAR À BAHIA APÓS PUBLICAÇÃO DE TESTES

Temperatura Corporal

A vacina anunciada pela Rússia ontem (11) contra a Covid-19 só deve chegar à Bahia após a publicação dos resultados dos testes feitos no país. A informação foi confirmada ao Metro1 pelo secretário de Saúde Fábio Vilas-Boas.

No início de agosto, o governador Rui Costa afirmou que entrou em contato com a embaixada do país europeu no Brasil para pedir acesso ao fármaco.

“Tivemos na semana passada uma reunião pela internet com o embaixador da Rússia demonstrando interesse da Bahia e do Nordeste tanto para ajudar como para participar do processo de vacinação. Não temos certeza das datas, mas formalizamos através de uma correspondência. Fizemos contato com a China para participar também dos testes da China”, afirmou o governador da Bahia, Rui Costa, em entrevista à TV Bahia.

Desconfiança – A OMS tem uma página internet na qual mostra em que estágio de desenvolvimento estão as pesquisas de vacinas ao redor do mundo. A última atualização dessa informação foi feita em 31 de julho. Nela, consta que a vacina russa do Instituto Gamelaya está na fase 1 do processo – seria necessário observar três fases completas para começar a vacinar em massa. Ontem, Jarbas Barbosa da Silva Jr., diretor-assistente da Opas (Organização Pan-Americana da Saúde), afirmou que sem os resultados de ensaios clínicos das fases 1, 2 e 3, a Organização Mundial da Saúde (OMS) não recomendará a vacina russa.

Além de não terem sido publicados os estudos científicos ou testes que evidenciam a eficácia da vacina, também são desconhecidos detalhes sobre as fases do processo, que geralmente devem ser cumpridos antes de uma nova vacina ser aprovada e lançada no mercado.

Paraná com pressa – Se na Bahia o clima de animação com a vacina russa arrefeceu, no Paraná a expectativa segue em alta. O governo do estado, comandado por Ratinho Júnior, assina hoje (12) um acordo com a Rússia para produção e distribuição da vacina contra o novo coronavírus Sputnik V. A cerimônia para a celebração do convênio está prevista para ocorrer às 14h.

POLICIAIS CIVIS SUSPENDEM PARALISAÇÃO APÓS DECISÃO DO TJ-BA;

Policia Civil

O Sindicato dos Policiais Civis da Bahia (Sindpoc) decidiu suspender a paralisação de 24 horas que chegou a começar na manhã desta terça-feira (11). A decisão foi tomada depois que o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) declarou o movimento ilegal e estipulou multa por descumprimento.
A categoria decretou a paralisação alegando descaso por parte do governo em relação aos protocolos de segurança em combate ao coronavírus.

A carreata, saindo do prédio da Polícia Civil da Bahia, na praça da Piedade, em Salvador, em direção ao prédio da Governadoria no Centro Administrativo da Bahia (CAB), está mantida.
O presidente do Sindpoc, Eustácio Lopes, disse que vai protocolar um pedido para a implementação das medidas de segurança para evitar a contaminação do coronavírus.
“Nós vamos manter a carreata até a governadoria e protocolar ofício ao governador pedindo providência na implantação do protocolo de biossegurança, porque hoje nós temos 489 policiais civis infectados e seis óbitos. Por parte da Polícia Civil existe uma omissão em proteger a vida dos policiais civis e dos baianos que visitam as delegacias”, disse Eustácio.
O vice-presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia da Bahia (Adpeb), Élcio Brandão, disse que o motivo da paralisação era uma pauta conjunta dos servidores.
“É uma pauta conjunta que envolve todas as entidades de classe. Nós só estamos pedindo ao governador do estado um protocolo de biossegurança. Não é possível que mais de 100 dias da pandemia, policiais civis mortos, muitas delegacias não têm nem água, nem material de higiene. Não estamos falando de álcool em gel, nem coisas que se encontram em qualquer lugar, até em mercadinho de bairro. Estamos falando de delegacias sem água, delegacias com vazamento, sem nenhuma condição de abrigar os policiais civis e muito menos a população. Ao invés de proteger a população, nós estamos expondo a população, a partir do momento em que ela vai em delegacias insalubres e sem nenhum equipamento de combate e de prevenção à Covid”, falou Élcio.

BRASIL REGISTRA 3 MILHÕES DE CASOS DE COVID-19 E 101 MIL MORTES

Leitos de UTI.

O Ministério da Saúde divulgou hoje (9) novos números sobre a pandemia do novo coronavírus (covid-19) no país. De acordo com levantamento diário feito pela pasta, o Brasil tem 3.035.422 casos confirmados da doença e 101.049 mortes registradas. Os casos recuperados somam 2.118.460.

Nas últimas 24 horas, o ministério registrou 23.010 novos casos e 572 mortes. 

O estado de São Paulo tem o maior número de casos acumulados desde o início da pandemia, com 627.126 casos e 25.114 mortes. Em seguida estão os estados da Bahia (193.029 casos e 3.953 óbitos), Ceará (188.542 casos e 7.954 óbitos) e o Rio de Janeiro (178.850 casos e 14.080 óbitos)

De acordo com o Ministério da Saúde, 3.566 casos estão em investigação.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia