WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia secom bahia camara ilheus camara ilheus bahiagas secom bahia sdr bahia secom bahia secom bahia secom embasa secom bahia


janeiro 2022
D S T Q Q S S
« dez    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  


:: ‘Geral’

PETROBRAS AUMENTA PREÇOS DA GASOLINA E DO DIESEL NESTA TERÇA-FEIRA

gasolina

A Petrobras anunciou ontem (25) que vai reajustar os preços da gasolina e do diesel em suas refinarias a partir de hoje (26). O litro da gasolina vendido pela empresa às distribuidoras passará de R$ 2,98 para R$ 3,19, o que representa um aumento de R$ 0,21 ou de cerca de 7%.

Com o novo reajuste, o preço da gasolina acumula alta de 73% em 2021.

Já o litro do diesel passará a ser vendido por R$ 3,34 nas refinarias da Petrobras, o que representa um aumento de cerca de 9% sobre o preço médio atual, de R$ 3,06.

BAHIA REGISTRA 184 NOVOS CASOS E DOIS ÓBITOS POR COVID 19 EM 24 HORAS

UTI

A Bahia registrou, nas últimas 24 horas, 184 novos casos de Covid-19 (crescimento de 0,01%) e mais duas mortes provocadas pela doença. Os dados foram divulgados neste domingo (24) pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesab).

No total, o estado acumula 1.243.005 infecções confirmadas desde o início da pandemia, com 27.019 óbitos pela doença e há 2.630 casos ativos.

A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes adultos com coronavírus segue em 36%.

ILHÉUS CHEGA A 7 CASOS DA VARIANTE DELTA, BAHIA CHEGA A 190

Variante Delta.

Análises da Fundação Oswaldo Cruz apontaram mais 55 amostras da variante Delta da Covid-19, no estado. Com estes novos registros, a Bahia tem ao todo 190 casos da variante sequenciadas, com três óbitos.

Os casos positivos para a variante delta foram identificados em 47 municípios, com maior número de casos em Salvador (39), Pé de Serra (19), Lauro de Freitas (12), Bonito (11), Feira de Santana (9), Baixa Grande (7), Riachão do Jacuípe (7) Ilhéus (7), Camaçari (6) e Nova Fátima (6).

A secretária da Saúde do Estado, Tereza Paim, relata que a variante Delta atualmente é a predominante nas amostras sequenciadas. “É um fato que nos preocupa, por isso continuamos a afirmar que as pessoas não devem achar que não temos mais o vírus da Covid-19 circulando. Ainda temos que continuar a usar máscaras e devemos nos vacinar, tanto com a primeira quanto com a segunda dose”, afirma Tereza Paim.

O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA) também tem feito sequenciamento no estado. De acordo com a diretora geral do Lacen-BA, Arabela Leal, “Estamos concentrando atenção nas amostras provenientes de municípios com aumento do percentual de casos.

Reconhecido como a 3ª maior unidade de vigilância laboratorial do país e classificado na categoria máxima de qualidade pelo Ministério da Saúde, o Lacen-BA analisou amostras de mais de 200 municípios dos nove Núcleos Regionais de Saúde.

Tabela.

GOVERNO DA BAHIA TRANSFERE FERIADO DO SERVIDOR PÚBLICO PARA VÉSPERA DE FINADOS

Feriado

O governo da Bahia publicou um decreto, nesta sexta-feira (22), transferindo o feriado do Dia do Servidor Público, comemorado no dia 28 de outubro, próxima quinta-feira, para a véspera do Dia de Finados.
Com a mudança, ao invés de um feriado prolongado com dois dias de ponto facultativo (29 de outubro e 1º de novembro), os servidores terão apenas um. Assim, os feriados serão nos dias 1º de novembro (do Dia do Servidor transferido) e o dia 2, quando é marcado o Dia de Finados.
Assim, o expediente nas repartições públicas será mantido normalmente de segunda-feira (25) a sexta (29). Já na primeira semana de novembro, o expediente será entre os dias 3 e 5 de novembro, de quarta a sexta-feira.

VÍDEO: VEREADOR AUGUSTÃO PEDE ABERTURA DE CPI PARA APURAR ACORDO DA PREFEITURA COM EMPRESAS DE ÔNIBUS

Vereador Augustão

Depois de revelado através de denúncia feita na Câmara de Vereadores do município de Ilhéus sobre um acordo de R$ 15 milhões entre a Prefeitura e as empresas que operam o transporte público, na sessão desta quarta-feira, 20, vereadores se mobilizaram para investigar o ocorrido por meio de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o acordo.

Citando como exemplo a CPI da Covid no Senado, o presidente da Câmara de Vereadores de Ilhéus, Jerbson Moraes (PSD) defende que os donos das empresas Viametro e São Miguel devem ser responsabilizados criminalmente.

O presidente assegurou que se os vereadores derem entrada bem argumentada em um pedido de abertura de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) e tiverem o número mínimo necessário para aprová-la, ele vai constituir os seus membros e iniciar imediatamente o processo de investigação do contrato das empresas com a Prefeitura de Ilhéus.

“O que mais chama atenção é a velocidade que aconteceu esse acordo, e de forma camuflada, tudo sobre o domínio das empresas. Isso é um crime contra a população. O cheiro de corrupção é muito forte”, disse Augustão. Confira o vídeo abaixo.

AO PAGAR R$ 15 MILHÕES A VIAMETRO E SÃO MIGUEL, MARÃO COLOCA ILHÉUS DE JOELHOS PARA BENEFICIAR AMIGOS

Marão, ao lado de Junior Reis, herdeiro do ex-prefeito e dono de empresas de ônibus, Valderico Reis (à esquerda), e do deputado federal e dono do grupo Brasileiro (a que pertence a Viametro), Ronaldo Carletto. A foto é de 2017.

Documentos revelados pelo vereador Tandick Resende (PTB), na sessão desta quarta-feira, dia 20, da Câmara de Vereadores, mostram que a prefeitura de Ilhéus, com a anuência do Ministério Público, assinou um acordo para beneficiar as empresas de transporte coletivo do município, enquanto a população sofre, dia após dia, com o péssimo serviço prestado. O acordo prevê o pagamento de R$ 15 milhões para as empresas Viametro e São Miguel, isenção de impostos e um aumento anual automático da tarifa, com diferenciação de preços para linhas urbanas e rurais. 

O mesmo acordo não obriga as concessionárias a praticamente nada, a não ser manter, pelo menos, 75% da frota na rua. Caso retorne o ano letivo presencial, a cota será de 85%. 100% da frota só será alcançada quando não houver mais nenhuma restrição relacionada à pandemia.

A denúncia do parlamentar é baseada num acordo judicial que vinha sendo mantido às escondidas. Segundo o vereador, as empresas de transporte coletivo buscavam, desde dezembro de 2020, um suposto reequilíbrio de suas finanças depois de meses sem operar regularmente devido às medidas de restrição impostas pelo poder público em decorrência da pandemia da covid-19. Em paralelo, corria outro processo judicial, movido pelo Ministério Público, com o objetivo de obrigar as operadoras a colocar 100% da frota nas ruas.

Como forma de resolver o impasse, as duas ações foram unidas e resultaram no acordo que, até ontem, estava escondido do público. Em seu discurso no plenário da câmara, o vereador Tandick elencou alguns pontos nebulosos do acordo, que é inédito no Brasil.

Viametro e São Miguel propuseram e o Ministério Público e o Governo de Mário Alexandre aceitaram que o município deve deixar de fiscalizar eventuais descumprimentos do contrato de concessão do serviço e, ao mesmo tempo, devem apertar o cerco contra o transporte alternativo. 

O acordo, além de criar despesas sem anuência do legislativo, não indica de onde virá o dinheiro para pagar as 25 parcelas mensais de 600 mil reais que o município destinará às empresas. Desse total, já foram pagos 800 mil reais às concessionárias. 

Da mesma forma, não indica quanto a Viametro e São Miguel vão lucrar ao deixar de pagar o Imposto Sobre Serviços pelos próximos 28 meses. É um cheque em branco, baseado numa planilha de custos apresentada pelas empresas onde, sequer, constam notas fiscais dos custos listados, pontuou o vereador.

Além de determinar aumento praticamente automático para suprir variações de custos, o acordo determina, sem qualquer análise, que a tarifa a ser cobrada para linhas rurais seja mais cara que a praticada nas linhas da zona urbana. Em outras palavras, o pequeno produtor rural e os moradores da zona rural vão ajudar a pagar a conta.

Cabe ressaltar que as medidas restritivas para frear a pandemia afetaram muitos setores da economia e não só o de transportes. O acordo pode abrir um precedente perigoso no sentido de apontar às demais empresas que as perdas provocadas pela pandemia podem ser repostas retirando dinheiro do orçamento público.

QUASE DOIS MILHÕES DE BAIANOS ESTÃO COM A SEGUNDA DOSE DA VACINA CONTRA A COVID-19 ATRASADA

Lote de vacinas.

Quase dois milhões de baianos não foram aos postos de saúde completar o esquema vacinal contra a Covid-19. São pessoas que já poderiam ter tomado a segunda dose de acordo com o aprazamento de cada imunizante, no entanto não buscaram os serviços de saúde. Do total do público em atraso, 332.091 tomaram a vacina Coronavac; 539.830 Oxford/AstraZeneca; e 1.127.959 Pfizer/BioNTech.

A Secretária da Saúde do Estado, Tereza Paim, alerta que a imunização completa é que garante uma maior proteção contra a doença. “É importante que as pessoas busquem as unidades de saúde para se vacinarem contra a doença, incluindo também a dose de reforço. O esquema completo de vacinação dá uma maior garantia de defesa contra a Covid-19”, ressalta. Ela ainda destaca que que a principal medida para conter o avanço da Covid-19 é a imunização.

Além de não garantir a efetividade completa das vacinas, os atrasos podem acarretar a perda de doses, como alerta a coordenadora de imunização do Estado, Vânia Rebouças. Ela destaca que as doses enviadas da Pfizer precisam ser aplicadas no prazo de até 31 dias, por conta das especificidades no armazenamento. Antes da distribuição, os imunizantes são armazenados em ultracongeladores que chegam a temperaturas de até -86°C. :: LEIA MAIS »

GOVERNO DO ESTADO MANTÉM OBRIGATORIEDADE DA MÁSCARA

Jovem de máscara.

Após o prefeito da cidade de Brumado, no Sertão Produtivo, suspender o uso obrigatório de  máscaras de proteção contra a Covid-19 , a Secretaria de Saúde do estado da Bahia reiterou que não há orientação do estado para a suspensão do uso do equipamento de segurança. Especialistas em virologia e infectologia defendem que este não é o momento para a suspensão do uso.

O prefeito Eduardo Vasconcelos se valeu da determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), que estabelece que estados e municípios são autônomos na tomada de decisões no enfrentamento à pandemia, para justificar a retirada da obrigatoriedade.

A determinação levou em consideração o fato dos boletins epidemiológicos divulgados diariamente pela Secretaria Municipal de Saúde apontar para uma constante diminuição no número de casos ativos da infecção na cidade.

O decreto de nº 5.584, também leva em conta que a cidade tem 58.777 pessoas elegíveis para a vacina contra a covid-19, sendo que, desse total, 88,61% já recebeu a primeira dose e 58,79% a segunda dose.

Ao Bahia Notícias, Vasconcelos reforçou que na cidade não há mais necessidade do uso das máscaras. “Diante do quadro que temos hoje, fechamos as UTIs Covid e também fechamos a UPA Covid. Além disso, também não há registro de novos casos. Por isso consideramos que o efeito psicológico que prevalece do uso da máscara no pós pandemia é danoso. Até pelo baixo grau de entendimento das pessoas. Você vê casais que dormem juntos e, dentro do carro, estão sozinhos e de máscara, isso mexe com o parafuso da cabeça da gente”, disse.

No entanto, o entendimento de especialistas diverge do gestor. Ao Bahia Notícias a Sesab informou que especificamente para o uso das máscaras, ainda não há orientação do estado para a suspensão do uso do equipamento em qualquer ambiente.

Para a epidemiologista do Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde (Cidacs), Andrêa Ferreira, a decisão do gestor é precipitada. “Considero que seja uma decisão precipitada, e não alinhada com as evidências disponibilizadas pela ciência até o momento, mesmo diante dos avanços nos números da vacinação neste município”, disse. :: LEIA MAIS »

IBGE CANCELA SELEÇÃO PÚBLICA PARA O CENSO 2021; SÓ NA BAHIA 21 MIL INSCREVERAM-SE

IBGE

Martelo batido! O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) decidiu que não mais prorrogará o contrato com a empresa Cebraspe, organizadora do processo seletivo para o Censo Demográfico 2021. Sendo assim, diz o órgão federal, as seleções para as funções de recenseador, agente censitário municipal (ACM) e agente censitário supervisor (ACS), que estavam suspensas, foram canceladas. O contrato foi finalizado ontem segunda (18).

O IBGE informa que publicará nos seus canais oficiais os procedimentos para a devolução das taxas de inscrição já efetuadas. E ainda afirma que já está adotando as providências para nova seleção de empresa organizadora do processo seletivo para o Censo 2022.

De acordo com o Instituto, na Bahia, ao menos 22 mil inscrições foram pagas. A previsão era de 14.028 vagas para o estado, incluindo agentes censitários e recenseadores. Ainda segundo o órgão, os processos seletivos serão reabertos e haverá vagas em todos os 417 municípios do estado, no caso dos recenseadores.

AGRICULTORA DO SUL DA BAHIA CRIA BARRACA PARA CLIENTE COMPRAR E PAGAR NA CONFIANÇA

“barraca da confiança”

A agricultura Iraildes Oliveira criou a “barraca da confiança” na BR-101, entre as cidades de Itabuna e Buerarema, no sul da Bahia. Ela mora em um imóvel que fica próximo ao local, às margens da rodovia, e cultiva todas as frutas e plantas que disponibiliza para a venda.

A barraca funciona no esquema “pegue e pague”, onde o próprio cliente realiza todo o processo de compra. Não há funcionário para mediar as vendas, nem conferir o valor deixado pelo comprador. O pagamento deve ser depositado em uma caixa que fica no local.

“Planto de tudo um pouco. Tudo o que nós temos vai ali para aquele cantinho [a barraca]. Foi meu filho que me deu força para criar a barraca. Ele disse que se não desse certo, a gente tirava, mas está dando certo, graças a Deus. Deus tem mandado pessoas boas para nos ajudar comprando”, afirmou.

REPOSIÇÃO DOS PRODUTOS E CAIXA

Depois de regar as plantas e colher as frutas, a agricultora faz a reposição dos produtos e confere a caixa de pagamentos.

“Todo mundo que passa nessa estrada, que seja uma luz brilhante que Jesus deixou na terra. Que sejam honestos e que continuem comprando e ajudando, não só a mim, mas a qualquer pessoa que venda nessa estrada. Deixando muito exemplo de honestidade, porque o nosso mundo precisa”, disse.

Imagens da barraca viralizaram nas redes sociais após o policial rodoviário e vereador de Ilhéus, Vinicius Alcântara, gravar um vídeo no local e postar na internet. “A gente estava fazendo uma ronda de rotina, quando vimos um veículo nas proximidades [da barraca] que talvez precisasse de ajuda. Foi quando abordamos e descobrimos que aquela família estava comprando mercadorias nesse espaço”, disse o policial.

A aposentada Marilene Boletini foi uma das clientes que passou pelo local e festejou a iniciativa. Ela seguia com a família para Porto Seguro, cidade no extremo-sul da Bahia, e decidiu parar para comprar plantas.

“Vimos a placa aqui e paramos para ver. Está escrito que é para a gente pegar a planta e que tem uma caixa de dinheiro. Fomos lá e pegamos o troco. Não tem ninguém para ver aqui se estamos pegando ou não. Eu achei muito interessante”, comentou. Informações da TV Santa Cruz.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia