WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom saude></a>
<a href=embasa secom ponte ilheus prefeitura de ilheus secom bahia


janeiro 2021
D S T Q Q S S
« dez    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


:: ‘Cultura’

FESTIVAL DE ITACARÉ OFERECE CACHÊ DE R$ 3 MIL PARA ARTISTAS DA BAHIA

Festival de Dança Itacaré

O ano de 2021 começa com uma proposta inovadora e adequada às exigências de medidas sanitárias impostas pela pandemia da COVID-19. Artistas da Bahia podem se inscrever, somente até a próxima segunda (18), na convocatória do Online Festival de Dança Itacaré.

O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia, por meio da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia, via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal.

As cinco inscrições selecionadas vão integrar a equipe criativa para a produção de filmes de dança que serão exibidos em março, dentro da programação do festival. Podem participar artistas solo, grupos, coletivos ou companhias que desenvolvem investigação em dança, com atuação na Bahia.

“Acreditamos e incentivamos a diversidade e a pluralidade. Desejamos encontrar também músicos dançantes, capoeiristas, sambistas e maculelês, enfim, artistas de várias linguagens que têm a dança pulsando em suas vidas”, reforça Verusya Correia, fundadora do festival.

A filmagem das danças será realizada entre 15 e 28 de fevereiro, em locações na Praia de Jeribucaçu, Cachoeira do Cleandro, fazenda de cacau em Taboquinhas, Bairro Porto de Trás, Praça São Miguel e Rua Pituba. Cada participante permanecerá por no máximo três dias em Itacaré.

Os interessados devem preencher o formulário pelo site www.festivaldedancaitacare. com.br até 18 de janeiro de 2021. Cada proposta selecionada receberá um cachê de R$ 3 mil. E o festival cobrirá despesas de deslocamento, hospedagem e alimentação. O resultado final será divulgado em 31 de janeiro.

DISTANCIAMENTO E REAPROXIMAÇÃO

Entre 20 e 28 de março, o Online Festival de Dança Itacaré realizará atividades em salas virtuais, como oficinas, palestras, lançamento de livro e a estreia dos filmes de dança.

“Como festival de Artes Cênicas, uma arte viva diretamente influenciada pelo ambiente, idealizamos essa proposta de danças filmadas e exclusivas, que serão exibidos pela primeira vez ao público em plataformas digitais”, enfatiza Verusya.

As filmagens das danças serão realizadas com um número restrito de equipe, seguindo protocolos de segurança sanitária e sem a presença do público. Todo acesso à mostra de filmes de dança, palestras e oficinas será à distância e online.

 

Veja como se inscrever e participar: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScFs_yC8MIoDk1dnO9cTnQYyu8NKasZMuoOIKTssnXHIrHo0A/viewform

TRABALHADORES DO SEGMENTO CULTURAL DENUNCIAM A PREFEITURA DE ILHÉUS

Casa de Cultura Jorge Amado.

Artistas e trabalhadores do segmento cultural de Ilhéus apresentaram uma representação nos Ministérios Públicos Federal e Estadual onde denunciam prováveis ilegalidades cometidas pela Prefeitura de Ilhéus por meio da Secretaria de Cultura e Turismo na aplicação dos recursos federais destinados para atender ao setor durante a pandemia.

Os trabalhadores reclamam da administração pública quanto à subjetividade dos critérios de análise e habilitação das propostas contempladas tanto no edital ‘arte-livre’ quanto nos subsídios de apoio a grupos e espaços culturais em atendimento a Lei Aldir Blanc (LAB).

Segundo o documento, o edital ‘arte-livre’ não publicou os critérios de análise do edital que destinará 540 mil reais à sociedade local; a comissão de análise não contou com a participação de especialistas com conhecimento na área; não houve participação do Conselho Municipal de Cultura ou da sociedade civil; não aconteceu a publicação das pontuações, classificações, justificativas ou pareceres de análise das propostas, entre outros.

Os trabalhadores do segmento cultural afirmam também que muitas propostas selecionadas estão em nome de figuras direta ou indiretamente ligadas à comissão de implementação da LAB ou ao funcionalismo público municipal, estadual, ou seus parentes. De acordo com eles isso pressupõe ‘favoritismo’. Eles afirmam ainda que os grupos representados já foram premiados por outro ente federativo, o que, de acordo com eles, configura ‘cumulatividade’ de recursos emergenciais.

:: LEIA MAIS »

ILHÉUS É O DESTINO DO PROGRAMA “NA CARONA ESPECIAL” DA TV BAHIA NESTE SÁBADO, 9

Ilhéus é o destino do programa Na Carona Especial deste sábado.

A TV Bahia, no programa Na Carona Especial deste próximo sábado (09), vai exibir os encantos da Princesinha do Sul, trazendo Ilhéus como destino apresentado pelo repórter Pablo Vasconcelos. As fazendas de cacau, a produção do chocolate, o vasto litoral ilheense, a exuberância da Lagoa Encantada e a gastronomia regional serão ilustradas com imagens exclusivas, num cenário de belezas naturais e uma narrativa especial sobre os atrativos da amada terra dos sem fim, após o Mosaico Baiano.

“Valorizamos a importância do turismo responsável e seguro no verão 2021 mostrando o que nossa terra tem de melhor, com belezas naturais, história, belas praias na cidade que é berço mãe do Brasil rumo aos 500 anos. Reforçamos que medidas preventivas contra o coronavírus pela população local e visitantes devem ser adotadas com o uso de máscara de proteção, álcool 70% e distanciamento social”, disse o prefeito Mário Alexandre.

Não perca a exibição do programa, neste sábado às 14:35 horas.

LEI ALDIR BLANC: SECRETÁRIO FÁBIO JR ÍNTIMA PAWLO CIDADE E MAIS QUATRO PESSOAS

Casa de Cultura Jorge Amado.

A Comissão Especial Análise de Projetos do Edital Arte livre Lei Aldir Blanc, através do presidente, o Secretário de Cultura e Turismo, Fábio Júnior, intima os proponentes do Edital Arte Livre, que foram denunciados pelo produtor cultural Weliton Perelo Correa Júnior.

Por meio da Portaria nº 004 de 06 de janeiro de 2021 publicado no Diário Oficial da prefeitura, ficam intimados a Associação Comunitária Tia Marita, representada por Viviane Souza Siqueira Couto; ex-secretário Pawlo Cidade; Romualdo Lisboa dos Santos, proponente do projeto “Sonho de Uma noite de verão; Maria Aldelita Santos Rodrigues; proponente do projeto I Festival de Arte E Cultura Dilazenze e Associação Comunitária Ilhéus Bahia, representada por Jhonnis Correia Melgaço.

Fica concedido o prazo de 24hs para que os citados apresentem defesa escrito na sede da Secretaria da Cultura e Turismo de Ilhéus.

Confira a Portaria. 

Informações do Fábio Roberto Notícias.

ILHÉUS: JUSTIÇA NEGA LIMINAR E PREFEITURA MANTÉM PROIBIÇÃO DE MÚSICA AO VIVO

Seis e meia.

A juíza Raquel Ramires François, da 1ª Vara dos Juizados Especiais de Ilhéus, indeferiu o mandado de segurança coletivo com pedido de liminar contra o decreto publicado pela Prefeitura, que proíbe a disponibilização de música ao vivo em estabelecimentos comerciais, bares, restaurantes, clubes, hotéis e similares do município.

Na decisão, a magistrada destaca que a realização de apresentações musicais ao vivo é um vetor a mais para atrair público, gerando, assim, aglomeração de pessoas.

Ao analisar a situação, a juíza reiterou a importância do isolamento social, que segundo ela, é uma das formas eficazes de evitar o contágio pelo novo coronavírus (Covid-19).

PUXADA DO MASTRO DE SÃO SEBASTIÃO SERÁ SIMBÓLICA ESTE ANO, DEVIDO A PANDEMIA

Puxada do mastro.

A celebração de homenagem à São Sebastião, por conta da pandemia do coronavírus, será simbólica neste ano de 2021, em Ilhéus. Em virtude da relevância, da importância sociocultural e tradição, a Associação dos Machadeiros de Olivença (AMAO), em parceria com a Prefeitura, vão homenagear o padroeiro de Ilhéus simbolicamente, com limitação do número de pessoas, exigência e rigor em respeito às medidas preventivas contra a Covid-19.

A programação inclui as missas do tríduo ao padroeiro de Ilhéus, às 19hs, na Paróquia Nossa Senhora da Escada, em Olivença, com distanciamento social, limite de ocupação, uso de máscaras de proteção e álcool em gel. O tríduo começa nesta quarta-feira (06) e vai até sexta-feira (08), dia da caminhada dos mascarados em lamentação e respeito às vítimas da Covid-19.

No sábado, uma exposição fotográfica da Puxada do Mastro será realizada na Praça Cláudio Magalhães, às 17h, com hasteamento das bandeiras às 17h30 e missa na Paróquia Nossa Senhora da Escada, às 19h. O acendimento do fogo simbólico, esse ano, homenageará os profissionais de saúde e de outras áreas, que atuam na linha de frente no combate ao coronavírus, e aos pacientes que lutam contra a Covid-19.

A programação do domingo (10) começa cedo, às 5 hs, com a alvorada e fogos; às 9h, benção aos Machadeiros e, às 10h, acontece a escolha do Mastro de São Sebastião de forma simbólica para 2022.

A Prefeitura de Ilhéus apoia a celebração simbólica por meio da Secretaria de Cultura e Turismo (Secult), com disponibilização de toldos e estrutura para a exposição fotográfica. Toda e qualquer atividade, de cunho privado, fora da programação apresentada, não está autorizada pelo município.

PRORROGADO PRAZO PARA PAGAMENTO DE AUXILIO AO SETOR CULTURAL

Auxilio Emergencial da Cultura

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) editou hoje medida provisória (MP) que prorroga o prazo da utilização do auxílio emergencial da Lei Aldir Blanc para 2021. A MP autoriza o pagamento do benefício com os recursos já aprovados em 2020 e destinados ao cumprimento da lei, mas que ainda não tenham sido utilizados.

“[…] a MP, além de não representar aumento dos gastos públicos, busca conferir maior segurança ao trabalhador e à trabalhadora da cultura e maior efetividade à Lei Aldir Blanc, assegurando a continuidade das ações emergenciais, a manutenção do apoio aos beneficiários e a efetividade do socorro ao setor cultural”, afirmou a Presidência da República, em nota.

A Lei Aldir Blanc, originada da MP 986/2020 e promulgada pelo Congresso em agosto, prevê o repasse de R$ 3 bilhões de recursos federais para ações emergenciais do setor cultural em estados e municípios.

A aplicação dos recursos está limitada aos valores liberados pelo governo federal. Caso prefeitos e governadores queiram aumentar o valor dos benefícios repassados, deverão fazer a complementação com recursos próprios.

A Lei nº 14.017/2020, que instituiu o auxílio financeiro, foi chamada de Lei Aldir Blanc em homenagem ao escritor e compositor de 73 anos que morreu após contrair covid-19, em maio, no Rio de Janeiro. O texto da lei prevê o pagamento de três parcelas de um auxílio e emergencial de R$ 600 mensais para os trabalhadores da área cultural.

Está previsto ainda o pagamento de subsídio para manutenção de espaços artísticos e culturais, microempresas e pequenas empresas culturais, cooperativas e organizações comunitárias. Esse subsídio mensal terá valor entre R$ 3 mil e R$ 10 mil, de acordo com critérios estabelecidos pelos gestores locais.

DISTRIBUIÇÃO DE RECURSOS DA LEI ALDIR BLANC GERA DESCONTENTAMENTO EM ILHÉUS “ESCULHAMBAÇÃO TOTAL” ACUSA PROFESSOR

Do Blog do Gusmão.

Lei Aldir Blanc

O BG recebeu e-mail do professor Edson Ramos, que é integrante dos coletivos “Prumo” e “Guela”, grupos ligados ao fomento de manifestações culturais.

Ramos externou insatisfação com o resultado preliminar do edital Arte Livre, que divulgou os grupos e espaços culturais abrangidos pela Lei Aldir Blanc. Na opinião dele, membros do comitê gestor ou da comissão de implementação julgaram em causa própria ou a favor de parentes.

Edson Ramos também questiona a contemplação de grupos artísticos conhecidos que já recebem financiamento de outros projetos culturais. No e-mail ele cita a Associação Comunitária Tia Marita (na figura de Pawlo Cidade), o Teatro Popular de Ilhéus (representado por Romualdo Lisboa e o Grupo Cultural Dilazenze (representado Mestre Nei). Os grupos citados, segundo o professor, foram selecionados para receber R$ 30 mil.

:: LEIA MAIS »

SALVADOR GANHA NOVAS CORES COM GRAFITE NA BARRA

TourGrafite

O grafite, a arte que pode ser vista em ambientes externos, é bem popular em muitos países em diversos continentes do mundo. No Brasil, esta arte começou a dar seus primeiros passos a partir da década de 1970, especialmente, na região Sudeste. Na Bahia, atualmente, quem passa pela região da Barra pode identificar os rostos de alguns dos principais artistas de sucesso no estado em muros e paredes no bairro.

Detalhe, que a obra ainda encontra-se em construção, então mais belezas vêm por aí e muitos outros artistas serão homenageados.

O realismo aos detalhes de cada grafite é um dos principais destaques das obras de arte ao ar livre. Os entusiastas deste segmento artístico consideram um grande marco para a arte na capital baiana, mesmo em plena pandemia. Os desafios ainda são muitos, pois o grafite ainda não caiu na “graça” de instituições públicas para alavancar a arte, ou seja, em geral não existem incentivos governamentais para os artistas que desenvolvem a arte.

TourGrafite

Mesmo com todos os obstáculos, a arte se faz presente em cada trecho e espaço que é permitido dar uma nova cor e cara de arte de rua com status de grande obra de arte ao ar livre. Para os interessados em saber um pouco mais sobre os grafites exemplificados nesta matéria é possível acessar o perfil desses grandes artistas, e conhecer todos os trabalhos que a turma vem desenvolvendo.

Redes sociais: @mirandagrafitte, @andersongrafiteoficial, @fogestreetart, @maestro_grafite e @eduardobaiaartes.

Vale ressaltar que parte dos grafites já foram concluídos, o que deixa a cidade com aquela linda cara de carnaval de Salvador e outra parte segue em desenvolvimento próximo a um dos grandes cartões postais da Bahia, o Cristo da Barra. Então quem tiver curiosidade pode se presentear com belíssimos desenhos destes artistas citados anteriormente. Não esqueça de tirar uma selfie e compartilhar em suas mídias sociais, com certeza isso ajuda a fortalecer o trabalho dos grafiteiros.

História – O grafite é uma manifestação artística em espaços públicos. O conceito mais preciso destaca a arte como um tipo de inscrição feita em paredes. Seu aparecimento na contemporaneidade se deu na década de 1970, nos Estados Unidos. Alguns jovens começaram a deixar suas marcas nas paredes da cidade e, algum tempo depois, essas marcas evoluíram com técnicas e desenhos.

O grafite está ligado, diretamente, ao Hip-Hop. Para esse movimento, o grafite é a forma de expressar toda a opressão que a humanidade vive, principalmente os menos favorecidos, ou seja, o grafite reflete a realidade das ruas. Os brasileiros não se contentaram com o grafite norte-americano, então começaram a incrementar a arte com um toque brasileiro.

Fonte: Política Bahia/ Tat Macedo

SECULT LANÇA EDITAL LIVRE; INSCRIÇÕES SEGUEM ATÉ SEXTA-FEIRA, 4

Casa de Cultura Jorge Amado.

A Prefeitura de Ilhéus, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo (Secult), abriu nesta segunda-feira (30) as inscrições para o Edital Arte Livre, cujas propostas devem estimular o desenvolvimento das artes nos diversos bairros e distritos do município. O chamamento público é referente à aplicação dos recursos provenientes da Lei Aldir Blanc, responsável por regulamentar as ações emergenciais destinadas ao setor cultural durante a pandemia do novo coronavírus.

Os interessados devem realizar a inscrição por meio de formulário disponibilizado pela Secult, enviado através do e-mail: secultcadastro@gmail.com ou entregue presencialmente na sede da secretaria, situada à Rua Jorge Amado – Centro, das 8h às 12h e das 14h às 18h, até a sexta-feira (4).

Para ter acesso ao recurso, os proponentes precisam comprovar domicílio em Ilhéus e atuar na área cultural, podendo concorrer à premiação pessoas físicas, pessoas jurídicas, grupos, coletivos e espaços culturais estabelecidos na cidade que desenvolvam ações artístico-culturais, conforme seu estatuto e/ou contrato social.

A Secult informa que serão aceitas apenas as propostas cujo cronograma tenha execução concluída até 30 de junho de 2021. Não serão aceitas propostas cujo cronograma inicie antes do dia 1º de fevereiro de 2021 ou após 30 de junho de 2021. Serão contemplados, pelo menos, 33 projetos. Os prêmios variam de R$ 10 mil a R$ 30 mil, de acordo com a categoria indicada.

Os candidatos poderão inscrever propostas nos segmentos de artes visuais; artesanato; audiovisual; capoeira; circo; cultura afro; cultura indígena; culturas populares; dança; hip-hop; literatura; música; patrimônio cultural; povos e comunidades tradicionais e teatro. Para mais informações, acesse o edital a partir da página 28.

Edital Arte Livre

Formulário de apresentação de projetos



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia