Do Ilhéus24h.

Kurumim Gwarïnï Kaluã da Aldeia Tukum Território Indígena Tupinambá de Olivença. Em defesa da vida! (Foto:Divulgação)

Sessão está prevista para iniciar às 14h, com a sustentações orais das partes envolvidas no processo; indígenas se mobilizam em Brasília e nos territórios para acompanhar o julgamento.

O julgamento foi suspenso na última quinta-feira (26) após a leitura do relatório inicial do ministro Edson Fachin. Ainda na quinta, o presidente da Corte, Luiz Fux, confirmou que o caso seria retomado como primeiro item da pauta por se tratar de um assunto “muito importante” com decisão nesta semana ou nos “dias subsequentes”.

Também está confirmado para amanhã, um protesto em Olivença a partir das 12:30. Alinhado com as outras regiões. Em Brasília, um grupo de indígenas da aldeia Tupinambá está acampado na Esplanada juntamente com etnias de todo país desde a semana passada.

O Cacique Ramon Tupinambá que é uma das lideranças presentes no acampamento, postou em suas redes sociais um apelo: “Amanhã dia 01 caminharemos mais uma vez e com a força do Grande Espírito sensibilizar para o julgamento seja decidido em favor dos direitos originários!!!! Contamos com a força de todas(os)”.

Por Graci Sá.