WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom ponte ilheus prefeitura de ilheus secom bahia


outubro 2020
D S T Q Q S S
« set   nov »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


:: 29/out/2020 . 20:02

COM NOVA ALTA, BAHIA ATINGE 7.535 CASOS ATIVOS DE COVID-19

Casos Covid

Nesta quinta (29), subiu para 7.535 o número total de pessoas em isolamento ou internadas para tratamento da covid-19 na Bahia. É o mais alto número de casos ativos da doença desde a última sexta (27), conforme dados da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab). Hoje, o estado confirmou mais 1.566 casos (taxa de crescimento de +0,4%) e 1.411 recuperados (+0,4%) da doença.

Ainda de acordo com a Sesab, dos 351.277 casos confirmados desde o início da pandemia, 336.171 já são considerados recuperados. Nas últimas 24 horas, foram confirmados 25 óbitos, ocorridos no período de 2 de junho a 28 de outubro. A covid-19 provocou total de 7.571 mortes até hoje, conforme o órgão estadual.

Os 351,2 mil casos confirmados de covid-19 ocorreram nos 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (26,19%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes continuam sendo Ibirataia ((8.483,54), Almadina (6.570,28), Itabuna (6.521,34)) Madre de Deus (6.452,38), Apuarema (6.125,51).

boletim epidemiológico contabiliza ainda 717.337 casos descartados e 85.127 em investigação até as 17 horas desta quinta-feira (29). Na Bahia, 28.859 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

PREFEITURA DE ILHÉUS ABANDONA POSTO DE SAÚDE E ESCOLA DE MARIA JAPE

Do Blog do Gusmão

Posto de Saúde de Maria Jape abandonado.

Moradores de Maria Jape reclamam do abandono em que se encontram a escola municipal e o posto de saúde da comunidade.

As unidades estão sem manutenção, fechadas e deterioradas pela ação do tempo.

A comunidade culpa a Prefeitura de Ilhéus pelo total descaso com a população e cobra soluções urgentes.

Escola de Maria Jape abandonada.

PREFEITURA DE ILHÉUS AUTORIZA EVENTOS COM ATÉ 100 PESSOAS

Prefeitura Ilhéus

A partir desta quinta-feira (29) fica autorizada a realização de eventos com até 100 pessoas, assim como o funcionamento de parques de diversão em Ilhéus. Conforme decreto publicado pela Prefeitura, os eventos e as atividades culturais/musicais deverão ser realizados em ambiente aberto e/ou amplo, com ventilação natural e público sentado. Todavia, continua proibida a disponibilização/utilização de pistas de dança.

Segundo o documento, é obrigatório o estrito cumprimento das regras sanitárias e epidemiológicas previamente estabelecidas, com obrigatoriedade do uso de máscaras faciais, utilização de álcool em gel 70% e distanciamento mínimo. Já o funcionamento de parques de diversão deve seguir as regras gerais de prevenção e controle já estabelecidas e regramento específico.

Os estabelecimentos devem reduzir a capacidade de visitantes para garantir o distanciamento social, bem como a obrigatoriedade do uso de máscaras faciais no acesso e interior do parque. Além disso, outros protocolos precisam ser seguidos, como a marcação nas filas das atrações para garantir o distanciamento social, medição de temperatura no acesso ao parque, sanitização das atrações, instalação de dispensers com álcool gel e desinfecção diária de todas as áreas do parque antes do funcionamento.

O texto também libera o funcionamento dos templos de qualquer culto ou religião durante todos os dias da semana. Pessoas maiores de 60 estão autorizadas a participar das atividades religiosas, desde que as instituições delimitem áreas exclusivas para alocação dos idosos. Em caso de descumprimento de quaisquer das medidas determinadas, as instituições e estabelecimentos ficam sujeitos às penalidades impostas pela legislação.

Acesse o decreto, clicando aqui

ILHÉUS: DESLIZAMENTO DE TERRA ATINGE CASAS

Ninguém ficou ferido e lona foi instalada no local.

Um deslizamento de terra atingiu duas casas no bairro do Itaípe, em Ilhéus,  na noite de quarta-feira (28). O incidente aconteceu em uma localidade do Alto do Nerival, após fortes chuvas durante a tarde. Ninguém ficou ferido.

Segundo a Defesa Civil da cidade, Ilhéus tem ao menos 48 áreas de risco, incluindo o local do deslizamento. A previsão do órgão é que, nos próximos sete dias, deve chover ao menos 92 mm no município.

Moradores contaram que a área que registrou o deslizamento está em construção há quatro anos pela prefeitura. Uma obra de contenção de encosta está sendo feita no local. Depois que o barro deslizou e invadiu as casas, uma lona foi instalada no lugar pela Defesa Civil.

RÁDIO BAHIANA DE ILHÉUS ENTREVISTA CANDIDATOS A PREFEITO

Bahiana sai na frente com as entrevistas.

A Rádio Bahiana de Ilhéus 1.310 AM sai na frente e iniciou nesta quarta-feira (28) uma série de entrevistas com os candidatos que disputam a prefeitura de Ilhéus. As sabatinas serão transmitidas pelo Facebook e também pelo próprio Site da emissora (clique aqui). O debate é apresentado pelo radialista e diretor da Super Rádio Bahiana de Ilhéus, Adilson Neves, com a participação do presidente do Sindicato dos Radialistas de Ilhéus, Manoelito Puentes.

O primeiro convidado foi o Professor Reinaldo, candidato pelo PTB. Na oportunidade, o prefeiturável respondeu aos questionamentos dos ouvintes e dos apresentadores, falou de suas propostas, plano de governo e, afirmou que se eleito, irá priorizar nas áreas da saúde, educação, esporte, além do turismo e infraestrutura.

Nesta sexta-feira (30) será a vez do candidato Cacá Colchões (Progressistas). A entrevista terá início às 7h30, com o objetivo de apresentar as ideias de cada concorrente para um eventual mandato em caso de vitória na eleição de 15 de novembro. O ouvinte poderá participar pelo telefone (73) 3231-1605 ou pelo aplicativo WhatsApp (73) 9 9969-0648.

Confira o cronograma das entrevistas:  30/10 – Cacá 03/11 – Marão 04/11 – João Barros 05/11 – Valderico Júnior

PROJETO DO GOVERNO DO ESTADO BENEFICIA COMUNIDADES INDÍGENAS NO SUL DA BAHIA

Indigenas

Um convênio assinado entre o Governo do Estado e a Associação Indígena Hã Hã Hãe Aldeia Bahetá vai garantir melhores condições de segurança alimentar e nutricional, preservação ambiental, maior oferta de produtos e elevação da renda para 22 famílias indígenas em Itaju do Colônia, no Sul da Bahia.

Os recursos, no valor de R$ 302 mil, são do Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), e cofinanciado pelo Banco Mundial.
O projeto de Inclusão Socioprodutiva Agroecológica, já em execução, prevê a construção de galpão para armazenamento de sementes, cisterna para água de chuva, viveiro para produção de mudas, implantação das áreas produtivas e aquisição de insumos, máquinas e equipamentos, além de mutirões de capacitação.
Wagner Txawã, presidente da Associação, destaca que “esse é um projeto amplo, porque a modernização do processo produtivo não apenas garante a nossa subsistência, bem como a conservação ambiental e a geração de emprego renda, com comercialização da produção em cidades do Sul da Bahia”. Para a indígena e agricultora familiar Paula Cristina Rocha Olímpio, “com o apoio do Bahia Produtiva, vamos ampliar a participação em feiras do produtor e no Programa de Aquisição de Alimentos, melhorando as condições de vida da comunidade. A agricultura é o pão que a terra nos concede e a terra para nós tem um significado especial, que não é de posse, mas de integração”.

Com cerca de 40 hectares, a Aldeia Bahetá (que homenageia o líder indígena do mesmo nome, um dos símbolos da luta pela demarcação do território pataxó hã hã hãe) mantém criação de gado leiteiro e de corte e produz hortaliças para consumo dos próprios indígenas e para comercialização.

VALORIZAÇÃO DE COMUNIDADES TRADICIONAIS

O chefe do escritório da CAR no Território Litoral Sul, Gil Nunesmaia Junior, afirma que “esses investimentos têm foco no combate à pobreza na área rural, com melhorias na estrutura de instalações, capacitação técnica, construção de novos equipamentos para qualificar e ampliar a produção, fortalecendo a agricultura familiar, com respostas positivas por parte das comunidades beneficiadas”.

“Estamos trabalhando também na emissão de Declarações de Aptidão ao Pronaf, que garante o acesso ao crédito; são ações articuladas, que permitem a inserção em políticas públicas do Governo do Estado, que valorizam as comunidades tradicionais”, diz Marcos Vinicios Souza, coordenador regional da Bahiater.

No Litoral Sul, estão sendo aplicados pelo Bahia Produtiva recursos de R$3,8 milhões para comunidades indígenas dos municípios de Camacan, Ilhéus, Itaju do Colônia, Pau Brasil e Una, beneficiando 219 famílias. Já em comunidades quilombolas, o investimento é de R$1,7 milhão, em organizações produtivas dos municípios de Maraú e Itacaré, beneficiando 141 famílias.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia