O transporte intermunicipal na Bahia será liberado em 303 cidades e o serviço continuará suspenso em outras 114. O anúncio da flexibilização do decreto estadual, que tem como objetivo conter a disseminação da Covid-19 (novo coronavírus), foi feito pelo governador Rui Costa (PT) durante coletiva virtual à imprensa, por meio do aplicativo Zoom, na manhã desta segunda-feira, 14. De acordo com o governador, a lista com os municípios deve ser divulgada em edição extra do Diário Oficial do Estado (DOE).

Apesar da liberação, as cidades que permanecem com o transporte suspenso estão situadas nas regiões sul, extremo sul e parte do sudoeste baiano. “De todas as regiões, o sul é o que tem registro da doença mais expressivo. Vamos aguardar os próximos números. Se houver queda no número de contaminação e de pessoas internadas, podemos progredir na liberação”, afirmou.

Mesmo com o transporte intermunicipal suspenso, o serviço dentro da mesma região está liberado. Segundo Rui Costa, o motivo é que “o nível de contaminação é similar, com taxa de ocupação de leitos de UTI alta e o número de contaminados”. Com isso, fica liberado o transporte Ilhéus-Itabuna, Eunápolis-Porto Seguro, por exemplo. A medida começa a valer a partir desta terça-feira, 15. A fiscalização ficará a cardo da Polícia Militar (PM) e da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba), que podem recolher o veículo e aplicar multa.

O governador Rui Costa ainda informou que as aulas na rede estadual de ensino continuam suspensas, sem previsão para retorno das atividades, bem como os eventos com mais de 100 pessoas.