WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
ponte pontal ilheus ambulancias ilheus secom bahia embasa secom ponte ilheus prefeitura de ilheus secom bahia


setembro 2020
D S T Q Q S S
« ago   out »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  


:: 9/set/2020 . 15:34

PORTO SUL PROMOVERÁ RETOMADA ESTRATÉGICA DO DESENVOLVIMENTO REGIONAL

Porto Sul.

Na manhã desta quarta-feira (9), o Secretário Estadual do Meio Ambiente, João Carlos Silva, esteve reunido com o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre e o ex-deputado federal e suplente de senador Bebeto Galvão, juntamente com técnicos das equipes ambientais para discutir sobre o Porto Sul e os avanços que o empreendimento vai promover para a região.

“O Porto Sul representa a retomada estratégica do desenvolvimento da região Sul da Bahia. Precisamos efetivar este grande passo para o município de Ilhéus e o Sul do Estado”, destacou o Secretário do Meio Ambiente, João Carlos.

A parceria entre a Prefeitura de Ilhéus, o Governo do Estado e o Ministério Público é a base para o desenvolvimento em vários níveis, nas áreas econômica, urbana e sustentável, opinou o Prefeito Mário Alexandre. O investimento possibilitará que a zona norte seja transformada com um desenvolvimento significativo, com a geração de emprego e renda, onde estão previstos, considerados exclusivamente os empregos diretos, 400 colocações no mercado de trabalho.

A chefe de Gabinete da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, Cássia Magalhães, pontuou que “o desenvolvimento que o Porto Sul vai viabilizar, conjuga os três pilares essenciais de uma obra de grande porte como essa, como a preservação do meio ambiente, o desenvolvimento econômico e urbano, além do olhar atento para o desenvolvimento social”.

Porto Sul – Também referido como Complexo Logístico Intermodal Porto Sul ou Complexo Portuário e de Serviços Porto Sul, é um projeto de porto brasileiro a ser construído no distrito de Aritaguá, no município de Ilhéus, Estado da Bahia. O projeto prevê a movimentação de 60 milhões de toneladas de cargas em 10 anos, chegando entre 100 e 120 milhões de toneladas em 25 anos. Com essas previsões, o Porto Sul poderá assumir o status de terceiro maior porto do Brasil.

PREFEITURA DE ILHÉUS INICIA TESTAGEM DOS PROFISSIONAIS DA REDE MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

Testagem dos profissionais da rede municipal de educação.

A Prefeitura Municipal de Ilhéus começou a testagem para detecção da Covid-19 junto aos profissionais não docentes, incluídos os diretores, vices e secretários de unidades escolares da rede municipal de educação. Nesta fase dos exames tipo Swab iniciada hoje (09), equipes da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) estão realizando os testes no posto Covid-19 situado na Escola Municipal Pequeno Príncipe, bairro da Conquista.

A Secretaria de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) distribuiu as unidades escolares em um cronograma de datas, sendo contempladas um total de 363 pessoas a serem examinadas até o dia 15 de setembro, em cumprimento à Instrução Normativa SEDUC 001/2020. Confira: 

Coleta dia no 09/09/20: Profissionais não docentes das seguintes Escolas Municipais: Pinóquio (13 pessoas); Vovô ISAC (01 pessoa); Princesa Isabel (11 pessoas); Banco da Vitória (11 pessoas); Seduc (39 pessoas).

Coleta no dia 10/09/20: Profissionais não docentes das seguintes Escolas Municipais: Couto – 06; Marianne Eckes (07 pessoas); Odete Salman (05 pessoas); Osvaldo Ramos – (05 pessoas); Emta (13 pessoas); Caic (12 pessoas); Sérgio Carneiro (19 pessoas).

Coleta no dia 11/09/20: Nossa Sra. das Neves (10 pessoas); Japu (07 pessoas); Paulo Freire (13 pessoas); Barão De Macaúbas (07 pessoas); Horizontina (03 pessoas); Vila Nazaré (07 pessoas); Barra De Itaipe (07 pessoas); Sambaituba (15 pessoas).

Coleta no dia 14/09/20: Creche Dom Eduardo (11 pessoas); Pimenteira (01 pessoas); Batista Memorial (07 pessoas); Nossa Sra. das Vitória (08 pessoas); Dom Valfredo Tepe (09 pessoas); Pequeno Príncipe (07 pessoas); Areia Branca (06 pessoas); Heitor Dias (11 pessoas); Osvaldo Ramos (02 pessoas); Basílio (06 pessoas); Iguape (10 pessoas).

Coleta no dia 15/09/20: Malaquias Reis (04 pessoas); Emei (04 pessoas); Santo Antônio (01 pessoas); Sá Pereira (05 pessoas); Castelo Novo (03 pessoas); Pequeno Davi (06 pessoas); Dorival Freitas (08 pessoas); Jardelina (07 pessoas); Dom Eduardo (03 pessoas); Nelson de Oliveira (03 pessoas); Emília (05 pessoas); Inema (05 pessoas); Batista Nova Jerusalém (11 pessoas); Cantinho do Recreio (05 pessoas); Dom Bosco (02 pessoas); Juerana (03 pessoas).

PORTO SUL: SEMA DIALOGA SOBRE TCSA EM ILHÉUS

SEMA dialoga sobre TCSA em Ilhéus.

 

O Termo de Compromisso Socioambiental (TCSA) do empreendimento Porto Sul foi construído coletivamente para determinar medidas de prevenção a danos ambientais e mitigação de impactos na região. Mantendo o diálogo e o nivelamento das ações, o secretário estadual do Meio Ambiente (Sema), João Carlos Oliveira e a chefe de gabinete da Sema, Cássia Magalhães estiveram no município de Ilhéus, nesta segunda (8) e terça-feira (9).

Duas reuniões importantes foram realizadas durante a visita ao Sul da Bahia. A primeira foi com a promotora regional de Meio Ambiente Costa do Cacau Leste, Drª Aline Salvador. E a outra com o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre e sua equipe técnica. “A construção coletiva é um grande instrumento de gestão. Com todos os atores envolvidos, conseguiremos assegurar o desenvolvimento sustentável e estratégico da região Sul”, destaca o secretário João Carlos.

“A compensação ambiental do empreendimento Porto Sul já é uma realidade. E esse diálogo entre o Governo e a Prefeitura é de grande importância para o município”, ressalta o prefeito de Ilhéus. Em paralelo, o Comitê Técnico de Execução do TCSA, coordenado por Cássia Magalhães e formado por servidores da Sema e do Inema se reúne semanalmente com o Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio), entidade selecionada para gestão financeira e operacional dos recursos – R$ 45 milhões.

O Comitê irá fazer o acompanhamento, monitoramento, fiscalização, avaliação e prestação de contas acerca da execução dos compromissos assumidos. O TCSA foi firmado pelo Governo da Bahia, por intermédio da Casa Civil e da Sema, Inema, Ministério Público do Estado da Bahia, Ministério Público Federal, Procuradoria Geral do Estado (PGE) e Bahia Mineração S/A (Bamin) – responsável pelo aporte dos recursos.

DELEGADA DA BAHIA É ACUSADA DE LIDERAR ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA

Policia Civil

A delegada Maria Selma Pereira Lima é alvo de uma representação sigilosa enviada ao Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) do Ministério Público da Bahia (MP-BA). De acordo com o jornal Correio, o documento acusa a ex-diretora do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) da Polícia Civil da Bahia de liderar uma organização criminosa envolvendo traficantes e assaltantes.

De acordo com o MP-BA, a investigação está na fase de análise da documentação apresentada pela representante e das diligências iniciais para verificar a procedência das informações. Após essa investigação preliminar, todos os envolvidos serão chamados para depor.

Os advogados da delegada, Sérgio Habib e Thales Habib, em nota enviada ao Metro1, afirmam que Maria Selma refuta “com veemência as acusações que circulam contra ela pelas redes sociais, comprometendo-se a comprovar a sua inocência no curso do Inquérito Policial perante a Corregedoria de Polícia Civil e eventual Ação Penal no âmbito da Justiça Estadual, caso venha a ser instaurado, uma vez que tais acusações são inteiramente inverídicas e não se sustentam em provas, mas em meras suposições dentro desse discurso teórico que as acusações foram formuladas”.

A nota diz que a delegada “confia na justiça” e que ao final do processo “reconhecerá a sua inocência”.

Já a Polícia Civil informou ao site que a Corregedoria da Instituição (Correpol) tomou conhecimento sobre um relatório com denúncias, ontem (4) e iniciou as apurações. E informou que “um procedimento relacionado a diretora do Departamento se encontra em andamento na Correpol” e acrescentou que “a exoneração da diretora e de outros servidores são atos administrativos dentro de um processo natural de aperfeiçoamento do trabalho, que ocorrem periodicamente”.

TSE DEFINE PROTOCOLO DE SAÚDE PARA ELEIÇÕES MUNICIPAIS 2020

Do Bahia Noticias

Eleições 2020

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou nesta terça-feira (8) o Plano de Segurança Sanitária para as eleições municipais de 2020. Em função da pandemia da covid-19, o tribunal estabeleceu um protocolo com medidas preventivas para eleitores e mesários que vão trabalhar no pleito, que será realizado em novembro.

Os eleitores só poderão para entrar nos locais de votação se estiverem usando máscaras faciais e deverão higienizar as mãos com álcool em gel antes e depois de votar. A distância de um metro entre as demais pessoas também deverá ser mantida. O TSE recomenda ainda que o eleitor leve sua própria caneta para assinar o caderno de votação, de acordo com a Agência Brasil. 

Os cerca de 2 milhões de mesários deverão trocar as máscaras de proteção a cada quatro horas, manter distância mínima de um metro entre os eleitores e os demais mesários, limpar as superfícies com álcool 70% e higienizar as mãos com álcool em gel constantemente.

Eleitores e mesários que estiverem com sintomas da covid-19 não devem comparecer ao local de votação. Posteriormente, a ausência poderá ser justificada na Justiça Eleitoral. Cartazes ilustrativos com o passo a passo da votação serão divulgados nas seções eleitorais para orientar os eleitores.

Os equipamentos de proteção que serão usados nas eleições foram doados por 30 empresas privadas. No total, foram arrecadadas 9 milhões de máscaras descartáveis, 100 mil litros de álcool em gel para os mesários, 2,1 milhões de marcadores de distanciamento no chão, 1,8 milhões de viseiras plásticas e 1 milhão de litros de álcool em gel para os eleitores.

Durante a apresentação do protocolo, o presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, disse que não há segurança sanitária absoluta para evitar contaminações nos locais de votação, mas os riscos foram diminuídos com as medidas adotadas pelo TSE.

“Nos estamos tomando todas as precauções possíveis e razoáveis na convicção de que minimizaremos o risco de contaminação de quem quer que seja. Segurança absoluta só se não tiver eleição e ninguém sair na rua”, afirmou.

As regras foram elaboradas em parceria com especialistas dos hospitais Albert Einstein e Sírio Libanês, além de técnicos da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

CASO DAS MARITACAS: PETIÇÃO COM MAIS DE 20 MIL ASSINATURAS É PROTOCOLADA CONTRA PREFEITURA

Do G1

Petição foi protocolada contra prefeitura em caso das retiradas de árvores da Av. Soares Lopes

Uma petição pública com mais de 20 mil assinaturas foi protocolada, nesta terça-feira (8), contra a prefeitura de Ilhéus. O documento repudia a ação do governo municipal por derrubar árvores no centro da cidade, que ocasionou dado ambiental a aves da espécie maritaca, que moravam no local.

Duas organizações integrantes do movimento, o Instituto Nossa Ilhéus e o Instituto Floresta Viva, protocolaram, ainda, uma Ação Civil Pública no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) contra o município de Ilhéus, por danos ambientais. As entidades afirmam que ainda não houve, sequer, o replantio de árvores após a derrubada.

Até o momento, a prefeitura não se manifestou sobre o caso.

Relembre o caso

A polêmica teve início quando várias aves da espécie foram encontradas mortas ou desorientadas em vários pontos da cidade, em julho deste ano. As mortes ocorreram após os cortes de árvores exóticas, na Avenida Soares Lopes, no centro de lhéus, onde as maritacas costumavam se abrigar.

No mesmo mês, a prefeitura de Ilhéus informou que seria elaborado um plano de ação para ajudar na readaptação das aves e maritacas da paisagem urbana.

PREFEITURA DE VITÓRIA DA CONQUISTA LIBERA CINEMAS E AULAS PRÁTICAS

Prefeitura de Vitóri da Conquista.

Um decreto publicado pela prefeitura de Vitória da Conquista determinou o início da quinta fase do processo de flexibilização econômica. A publicação foi disponibilizada na edição desta sexta-feira (4), do Diário Oficial do Município.

Segundo o decreto, está autorizada a realização de eventos e atividades com a presença de público de até cem pessoas, inclusive os cinemas e teatros e realização de batizados e casamentos.

A ampliação do número de pessoas permitidas é respaldada pelo decreto estadual, assinado pelo governador Rui Costa na última quarta-feira (2). A regulamentação condicionou o aumento no número de pessoas permitidas nos evento à determinação de cada prefeitura.

Ainda segundo a regulamentação, o Comitê Gestor de Crise deverá adequar o Protocolo de
Reabertura para criar uma sexta fase, ainda com prazo indeterminado, que inclua a retomada das atividades das casas de show e também das atividades letivas.

A regulamentação determina que deve ser garantido o distanciamento mínimo de dois metros entre os participantes do evento, ou seja, a lotação máxima deverá se de 1 pessoa a cada 4 m².

Além disso, os organizadores não poderão ofertar serviços de alimentação e nem promover música ao vivo. As atividades e eventos que carecem de autorização prévia para sua execução ainda deverão ser individualmente autorizados pelas autoridades competentes, diz o decreto.

Retorno de aulas práticas e comércio aos sábados

No mesmo decreto, a prefeitura de Vitória da Conquista liberou as instituições de ensino para que possam ministrar aulas práticas. As instituições deverão apresentar um protocolo específico à Vigilância Sanitária Municipal.

Também foi autorizada a abertura dos comércios aos sábados, mantendo-se o revezamento de turnos entre os dois grupos de atividades econômicas especificados no Protocolo de Reabertura.

Casos e óbitos

De acordo com o mias recente Boletim epidemiológico, Vitória da Conquista contabiliza 5.731 casos confirmados da doença, sendo que 5.238 desses casos são de pessoas já recuperadas e 387 que permanecem em processo de recuperação – 21 internados e 366 em tratamento domiciliar. Desde o início da pandemia, 106 conquistenses morreram com a Covid-19.

VACINA DE OXFORD TEM ESTUDO SUSPENSO APÓS “EFEITO ADVERSO GRAVE” EM VOLUNTÁRIO

Vacina Covid-19

Os testes da vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford, em conjunto com a empresa farmacêutica Astra Zeneca, foram suspensos temporariamente nesta terça-feira, 8. A universidade é uma das fortes candidatas no combate à pandemia. O anticorpo apresentou um “efeito adverso grave” em um dos voluntários.

A farmacêutica informou que o procedimento padronizado dos ensaios clínicos de revisão foi acionado e, em decorrência disso, houve a pausa voluntária do processo de vacinação, para que os dados de segurança sejam revisados por um comitê independente.

“Esta é uma ação de rotina que tem que acontecer sempre que há a chance de uma doença sem explicação aparecer em um dos testes. Enquanto isso ela é investigada, garantindo a integridade dos testes”, informou a Astra Zeneca.

Ainda na mesma nota, a farmacêutica ressaltou que está revisando o caso do paciente. De acordo com a empresa, em estudos de larga-escala, doenças podem aparecer, mas têm que ser revisadas de forma independente e cuidadosa, para que seja minimizado qualquer impacto no cronograma dos testes.

Por conta do ocorrida, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) afirmou ter sido avisada da suspensão. Agora, ela irá aguardar o envio de mais informações para que seja feito um pronunciamento oficial.

Atualmente, a vacina de Oxford é uma das grandes apostas de Ministério da Saúde, que já investiu, ao todo, cerca de R$ 1,9 bilhões no estudo. Nesta terça, o interino da pasta, Eduardo Pazuello, declarou que planeja a campanha de vacinação contra a Covid-19 para janeiro de 2021. [A Tarde]



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia