Do Jornal Bahia Online

Faculdade de Ilhéus.

O Ministério da Educação (MEC) autorizou o projeto da Faculdade de Ilhéus para implantação do curso superior de tecnologia em Estética e Cosmética.  A Portaria Nº 224 foi assinada pelo secretário de Regulação e Supervisão da Educação Superior, Ricardo Braga, já publicada no Diário Oficial da União.

A notícia foi comemorada pelos gestores e pelo corpo docente da instituição, que trabalharam conjuntamente na pesquisa e elaboração do projeto. O curso de Estética e Cosmética, com 100 vagas, será o primeiro a ser implantado na Faculdade de Ilhéus em nível tecnológico, com a perspectiva de estimular o setor produtivo de serviços na região.

A Faculdade – que recentemente adotou o vestibular na modalidade online – já oferece oito cursos de graduação, em nível de bacharelado, que são: Administração, Ciências Contábeis, Direito, Enfermagem, Engenharia Civil, Nutrição, Odontologia e Psicologia. Segundo o diretor-geral da instituição, professor Almir Milanesi, o projeto de implantação do novo curso levou em consideração a avaliação sobre o mercado regional e as iniciativas locais na área do empreendedorismo.

O curso superior de tecnologia em Estética e Cosmética será desenvolvido em cinco módulos. O vestibular de acesso será realizado ainda este ano, mas as atividades acadêmicas estão previstas para o primeiro semestre de 2021. O diretor Almir Milanesi informou que a Faculdade vai adotar todas as providências necessárias para a implantação do novo curso, que utilizará laboratórios já existentes na instituição, além de um laboratório especialmente montado para a prática de estética e cosmética facial e corporal.