WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom ponte ilheus secom bahia solidaria embasa policlinica itabuna secom bahia


junho 2020
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  


:: 26/jun/2020 . 17:10

MAIS DE 10 EMPREENDIMENTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR BAIANA OFERTAM PRODUTOS POR DELIVERY

Do Jornal Bahia Online

Consumidores baianos, de municípios como Salvador, Itabuna, Ilhéus, Irecê, Monte Santo, Juazeiro e Ribeira do Pombal, entre outros, contam com o catálogo Delivery da Agricultura Familiar, atualizado, com os produtos da agricultura familiar disponíveis para o serviço de entrega e o nome das organizações produtivas e seus contatos. São dezenas de produtos de qualidade reconhecida, que chegam à mesa das famílias vindos diretamente de quem produz.

O catálogo Delivery da Agricultura Familiar, iniciativa da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) está disponível no site: www.sdr.ba.gov.br, e é uma das inúmeras ações voltadas para o apoio a esses empreendimentos, especialmente neste período de pandemia do novo coronavírus, quando os empreendimentos da agricultura familiar estão se adaptando às novas tendências do mercado que incluem também o consumo de alimentos.

Azeite de licuri, cafés especiais, castanhas de caju selecionadas, derivados de milho não transgênico, geleias e doces de sabores típicos do Semiárido, cervejas de licuri, umbu e maracujá da Caatinga, cortes especiais de cordeiro, carnes de caprinos e ovinos, morangos, chocolates especiais e sem lactose, além de produtos in natura, produzidos de forma orgânica ou agroecológica, são os produtos já inseridos nesse novo formato de comercialização.

O governo do Estado, por meio da SDR, vem realizando ações voltadas para o apoio às organizações produtivas da agricultura familiar baiana e o incentivo à produção de alimentos saudáveis. Dentre elas, o edital emergencial do Bahia Produtiva, projeto da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), cofinanciado pelo Governo do Estado e o Banco Mundial.

O edital 15, como também é conhecido, busca a Segurança Alimentar e Nutricional e tem o objetivo de apoiar 10 mil famílias de agricultores familiares. São R$15 milhões destinados à produção de alimentos como hortaliças, frutas, raízes, tubérculos e plantas alimentícias não convencionais (PANC). A meta é financiar 300 propostas, cada uma no valor de até R$ 50 mil. O prazo para as inscrições no edital foi prorrogado para o dia 30 de junho.

ILHÉUS: MOVIMENTO COBRA LIBERAÇÃO DA NOVA PONTE, QUE ESTÁ PRONTA HÁ 2 SEMANAS

Do Jornal Bahia Online

Campanhas nas redes sociais pedem ao governador Rui Costa a imediata liberação da nova ponte em Ilhéus. O governador, na semana passada, chegou a anunciar a vinda a Ilhéus para realizar uma visita final e autorizar seu funcionamento. Mas o cancelamento coincidiu com o anúncio de que o prefeito Mário Alexandre teria dado positivo para a Covid-19 e estaria impedido de acompanhar a autoridade estadual durante a visita. O governo, entretanto, afirmou que o cancelamento deve-se à não conclusão de serviços de urbanização do trecho.

Nas redes sociais acaba de surgir a campanha #inauguranazal. José Nazal é o vice-prefeito de Ilhéus e, na condição de ausência do prefeito, poderia acompanhar o governador na empreitada. Vale ressaltar que, com o início da pandemia, o governador Rui Costa anunciou que não iria realizar nenhuma festa para a entrega da obra e que, simplesmente, liberaria o seu funcionamento logo após a conclusão. À época, a medida foi bastante elogiada em Ilhéus. Agora, com o atraso, começaram os protestos pelas redes sociais.

ILHÉUS ATINGE 1.260 CASOS DE COVID-19, 54 ÓBITOS E MAIS DE 90% DOS LEITOS DE UTI OCUPADOS

Do Pimenta

A Secretaria de Saúde de Ilhéus (Sesau) adotou a estratégia de divulgar os números do novo coronavírus (Covid-19) somente ao final da noite. Nesta quinta (25), os números foram conhecidos por volta das 22h20min. No período de 24 horas, houve registro de 32 novos casos da doença e um óbito e 26 casos de cura.

Desde o início da pandemia, são 1.260 pessoas infectadas pela doença e total de 787 curados da covid-19. Ontem, houve registro do 54º óbito no município causado pela covid-19.

Ainda segundo a Sesau, dos 9.606 casos notificados, 7.272 foram descartados. Ontem, caiu o número de pessoas aguardando resultado de exame, de 318 para 240. Dos 55 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 51 estão com pacientes.

 

MAIS 11 CIDADES BAIANAS FICAM SEM TRANSPORTE ATÉ DIA 6; TOTAL CHEGA A 306

Do Pimenta

Mais 11 municípios baianos terão serviços intermunicipais de transporte suspensos devido ao avanço da covid-19 no território baiano. Conforme decreto publicado no Diário Oficial do Estado de hoje (26), Anguera, Caculé, Ibicoara, Ibipitanga, Malhada, Malhada de Pedras, Ourolândia, Rio do Pires, Serra do Ramalho, Sítio do Quinto e Tapiramutá terão serviços suspensos a partir de sábado (27).

Ficam proibidas nesses municípios a circulação, a saída e a chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans. Também continuam suspensas, até o dia 6 de julho, a circulação, a saída e a chegada de ônibus interestaduais no território baiano.

O decreto ainda autoriza a retomada do transporte intermunicipal em Aracatu, Boquira, Canudos, Cipó, Cordeiros, Marcionílio Souza, Mirangaba, Palmas de Monte Alto, Palmeiras e Santa Rita de Cássia, cidades com 14 dias ou mais sem novos casos de Covid-19. Confira a relação completa no “leia mais”, abaixo.

MUNICÍPIOS AFETADOS

No total, Bahia possui 306 municípios com transporte suspenso. São eles: Abaíra, Abaré, Acajutiba, Adustina, Água Fria, Aiquara, Alagoinhas, Alcobaça, Almadina, Amargosa, Amélia Rodrigues, América Dourada, Anagé, Andaraí, Andorinha, Anguera, Antônio Cardoso, Antônio Gonçalves, Aporá, Apuarema, Araci, Aramari, Aurelino Leal, Baianópolis, Baixa Grande, Banzaê, Barra, Barra da Estiva, Barra do Choça, Barreiras, Barro Preto, Barrocas, Belmonte, Biritinga, Boa Nova, Bom Jesus da Lapa, Boninal, Brejões, Brumado, Buerarema, Buritirama, Caatiba, Cabaceiras do Paraguaçu, Cachoeira, Caculé, Caém, Caetité, Cairu, Caldeirão Grande, Camacã, Camaçari, Camamu, Campo Alegre de Lourdes, Campo Formoso, Canarana, Candeal, Candeias, Candiba, Cândido Soares, Cansanção, Capela do Alto Alegre, Capim Grosso, Caravelas, Casa Nova, Castro Alves, Catolândia, Catu, Cícero Dantas, Dom Basílio, Coaraci, Conceição da Feira, Conceição do Almeida, Conceição do Coité, Conceição do Jacuípe, Conde, Condeúba, Coração de Maria, Cravolândia, Crisópolis, Cristópolis, Cruz das Almas, Curaçá, Dário Meira, Dias D’Ávila, Dom Macedo Costa, Encruzilhada, Entre Rios, Esplanada, Euclides da Cunha, Eunápolis, Feira de Santana, Filadélfia, Floresta Azul, Formosa do Rio Preto, Gandu, Gentio do Ouro, Glória e Gongogi.

A restrição também inclui Governador Mangabeira, Guanambi, Guaratinga, Iaçu, Ibicaraí, Ibicoara, Ibicuí, Ibipitanga, Ibirapitanga, Ibirapuã, Ibirataia, Ibitiara, Ibotirama, Igrapiúna, Iguaí, Ilhéus, Inhambupe, Ipecaetá, Ipiaú, Ipirá, Iraquara, Irará, Irecê, Itabela, Itaberaba, Itabuna, Itacaré, Itaetê, Itagibá, Itaju do Colônia, Itajuípe, Itamaraju, Itambé, Itanhém, Itaparica, Itapé, Itapebi, Itapetinga, Itapicuru, Itapitanga, Itarantim, Itatim, Itororó, Ituberá, Jacobina, Jaguaquara, Jaguarari, Jaguaripe, Jandaíra, Jequié, Jeremoabo, Jitaúna, João Dourado, Juazeiro, Jussari, Lafaiete Coutinho, Laje, Lajedão, Lamarão, Lapão, Lauro de Freitas, Licínio de Almeida, Livramento de Nossa Senhora, Luís Eduardo Magalhães, Macajuba, Macarani, Macaúbas, Madre de Deus, Maiquinique, Mairi, Malhada de Pedras, Manoel Vitorino, Mansidão, Maracás, Maragogipe, Maraú, Mascote, Mata de São João, Medeiros Neto, Miguel Calmon, Milagres, Mirante, Monte Santo, Morpará, Morro do Chapéu, Mortugaba, Mucuri, Mulungu do Morro, Mundo Novo, Muniz Ferreira, Muquém de São Francisco, Muritiba, Mutuípe, Nazaré, Nilo Peçanha, Nordestina, Nova Canaã e Nova Ibiá.

Estão com restrição no transporte ainda Nova Redenção, Nova Soure, Nova Viçosa, Novo Triunfo, Olindina, Oliveira dos Brejinhos, Ouriçangas, Ourolândia, Paripiranga, Pau Brasil, Paulo Afonso, Pedro Alexandre, Piatã, Pilão Arcado, Pindaí, Pindobaçu, Pintadas, Piraí do Norte, Piripá, Planalto, Poções, Pojuca, Ponto Novo, Porto Seguro, Potiraguá, Prado, Presidente Dutra, Presidente Tancredo Neves, Queimadas, Quijingue, Quixabeira, Rafael Jambeiro, Retirolândia, Riachão das Neves, Riachão do Jacuípe, Riacho de Santana, Ribeira do Amparo, Ribeira do Pombal, Rio do Pires, Rio Real, Ruy Barbosa, Salinas de Margarida, Salvador, Santa Bárbara, Santa Brígida, Santa Cruz Cabrália, Santa Cruz da Vitória, Santa Inês, Santa Luzia, Santaluz, Santanópolis, Santa Teresinha, Santo Amaro, Santo Antônio de Jesus, Santo Estevão, São Desidério, São Domingos, São Felipe, São Félix, São Francisco do Conde, São Gabriel, São Gonçalo dos Campos, São José da Vitória, São Sebastião do Passé, Sapeaçu, Sátiro Dias, Saubara, Seabra, Senhor do Bonfim, Sento Sé, Serra do Malhado, Serra Preta, Serrinha, Serrolândia, Simões Filho, Sítio do Quinto, Sobradinho, Souto Soares, Tabocas do Brejo Velho, Tanquinho, Taperoá, Tapiramutá, Teixeira de Freitas, Teodoro Sampaio, Teofilândia, Teolândia, Terra Nova, Tremedal, Tucano, Uauá, Ubaíra, Ubaitaba, Ubatã, Uibaí, Umburanas, Una, Urandi, Uruçuca, Utinga, Valença, Valente, Várzea da Roça, Varzedo, Várzea Nova, Vera Cruz, Vereda, Vitória da Conquista, Wenceslau Guimarães e Xique-Xique.

DIABÉTICA E HIPERTENSA, BAIANA DE 95 ANOS VENCE A COVID-19 E RECEBE ALTA

Do Pimenta

Ser idoso é fator de risco para quem é contaminado pelo novo coronavírus (covid-19). Ser diabético ou hipertenso, também. Quando houve o diagnóstico de covid-19 para dona Maria Damasceno, era mais que justificada a preocupação. Com 95 anos, ela também tem diabetes e hipertensão.

A preocupação daquele dia 6 de junho, quando foi internada no Hospital de Campanha Wet´n Wild, deu lugar a alegria de receber alta e ser considerada, do ponto de vista médico, curada da covid-19. Ontem, ela exibia um cartaz de vitória. “Eu venci a covid-19”.

Foram 19 dias internada até receber alta nesta quinta (25) e poder retornar para o lar, no Alto das Pombas, em Salvador. Antes de deixar o hospital de campanha, ela posou para fotos com a equipe que passou os quase 20 dias cuidando da saúde dela.

BOLSONARO DIZ QUE AUXÍLIO DEVE TER NOVAS PARCELAS DE R$ 500, R$ 400 E R$ 300

Do Ilhéus 24h

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (25) que o auxílio emergencial vai pagar um adicional de R$ 1,2 mil, que serão divididos em três parcelas.

“Vamos partir para uma adequação. Deve ser, estamos estudando, R$ 500, R$ 400 e R$ 300”, afirmou o presidente durante sua live semanal nas redes sociais. Ele estava ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, que também confirmou que a terceira parcela do auxílio emergencial, no valor de R$ 600, começa a ser paga no sábado (27).

Ao todo, o programa atende a cerca de 60 milhões de pessoas, e é destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados, como forma de fornecer proteção emergencial no enfrentamento à crise causada pela pandemia do novo coronavírus (covid-19).

“Estávamos em R$ 600, o auxílio, e à medida que a economia começa a se recuperar, e começa a andar novamente, as pessoas vão devagar se habituando [com a redução do valor]”, afirmou Guedes.

Bolsonaro também disse que espera que a economia possa ser retomada e defendeu a reabertura das atividades comerciais. “A gente apela aos governadores e prefeitos, com a responsabilidade que é pertinente de cada um, que comecem a abrir o mercado, abrir para funcionar”, afirmou. Balanço mais recente do Ministério da Saúde registra um total de 1.228.114 de pessoas infectadas e quase 55 mil óbitos provocados pela covid-19.

ILHÉUS: TEATRO POPULAR LANÇA CAMPANHA DE APOIO

Do Tabuleiro

Tenda

O grupo do Teatro Popular de Ilhéus vem sofrendo os efeitos da pandemia ficou do novo Coronavirus desde o fechamento da sua sede, ocorrido em 15 de março. O funcionamento da Tenda TPI, assim como de qualquer espaço cultural, demanda grande investimento em manutenção física e de equipamentos. Como agravante, a estrutura de circo da Tenda é situada à beira-mar, sujeita a sol, chuvas e fortes ventos, e o efeito da maresia nos equipamentos de som, luz e projeção, nos mastros, mastareis e paus-de-roda é devastador. Normalmente o grupo contaria com o recurso de bilheteria para pequenos investimentos.

Este recurso nunca foi suficiente, o que já vinha tornando o espaço bastante deteriorado. Agora, sem a arrecadação da venda de bilhetes, a companhia provavelmente não poderá abrir o espaço quando for possível. Para tentar driblar essas dificuldades, o TPI lançou nesta quinta-feira (18) a campanha “Teatro Popular de Ilhéus + 25 anos”, de financiamento coletivo contínuo através da plataforma “Apoie.se”. Através dela, o apoiador pode escolher um valor mensal a partir de 10 reais com o qual poderá ajudar o grupo.

O recurso arrecadado a partir desta campanha será utilizado no custeio de manutenção, serviços e aquisição de equipamentos, tornando o espaço adequado para seu pleno funcionamento. Para todos os valores de contribuição existem recompensas para os apoiadores, que incluem desde menção do nome na página do TPI, acesso a meias-entradas e entradas gratuitas, acesso aos bastidores, e até mesmo divulgação da marca de apoiadores em pessoa jurídica. A contribuição pode ser feita no link da campanha: apoie.se/teatropopulardeilheus.

MANCHAS DE ÓLEO VOLTAM A APARECER EM PRAIAS DE SALVADOR

Do Tabuleiro

Depois de seis meses sem registros da presença de manchas de óleo nas praias de Salvador, elas voltaram a aparecer. Desta vez, nas praias Piatã e Jaguaribe. De acordo com o grupo Guardiões do Litoral, as manchas foram vistas por uma pessoa que praticava atividade física na região, por volta do meio-dia desta quinta-feira, 25.

Ao menos 100 kg do material foram retirados. Os integrantes do grupo estiveram no local e acionaram a Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb). Por meio de nota, a Limpurb informou que, após a coleta, o material foi armazenado e será transferido para uma empresa que seja habilitada para tratar e dar a destinação final. Será que as manchas são resquícios do misterioso aparecimento de óleo no litoral brasileiro, em novembro de 2019?

Para o fundador do Guardiões do Litoral, Arthur Sehbe, é provável que a substância encontrada seja remanescente do petróleo que apareceu no ano passado. “A gente só vai confirmar depois das análises laboratoriais. A gente já tinha uma suspeita do reaparecimento no inverno, porque existe um movimento de maré entre o verão e inverno”, contou Sehbe. Segundo ele, as manchas de óleo que apareceram em praias de Alagoas e Pernambuco, há alguns dias, têm a mesma origem do material que atingiu o litoral dos nove estados da região Nordeste, além do Espírito Santo e Rio de Janeiro, a partir do mês de setembro.

A investigação sobre a origem deste petróleo cru nas praias está a cargo da Polícia Federal, no Rio Grande do Norte (RN), que ainda não tem novidades em relação ao caso.

CAIXA COMEÇA A PAGAR NESTE SÁBADO A TERCEIRA PARCELA DO AUXÍLIO EMERGENCIAL

A Caixa Econômica Federal começa a depositar neste sábado (27) novas parcelas de R$ 600 (R$ 1.200 para famílias chefiadas por mulheres) na poupança digital, referentes a três lotes de beneficiários do auxílio emergencial que não fazem parte Bolsa Família. Mais de 40 milhões de pessoas receberão os créditos até o próximo sábado (4), de acordo com o mês de nascimento.

O calendário foi publicado ontem (25) em edição extra do Diário Oficial da União e detalhado hoje (26) pelo presidente da Caixa, Pedro Guimarães, em entrevista virtual. Como os pagamentos são digitais, o banco não abrirá as agências.

Beneficiários do lote 1, que receberam a primeira parcela até o dia 30 de abril, receberão neste sábado o crédito da terceira parcela. Serão mais de R$ 19,7 bilhões para 31 milhões de pessoas. Também será feito o pagamento da segunda parcela para 8,7 milhões de beneficiários do lote 2, aqueles que receberam a primeira parcela entre 16 e 29 de maio, que receberão um montante de R$ 5,5 bilhões. A partir de amanhã, a Caixa também creditará a primeira parcela para 1,1 milhão de beneficiários do lote 4, que receberão cerca de R$ 700 milhões.

Todos os beneficiários vão receber o dinheiro em uma conta digital, mesmo aqueles que indicaram conta de outro banco no cadastro. O presidente da Caixa destacou que a prioridade do banco é manter o atendimento digital, de forma a evitar aglomerações de pessoas nos pontos de atendimento, seguindo os protocolos de prevenção do período de pandemia.

Os beneficiários poderão utilizar os recursos por meio do cartão de débito virtual, disponibilizado no aplicativo Caixa Tem, para compras pela internet ou por meio de maquininhas em lojas físicas. Também é possível realizar o pagamento de boletos e de contas de água, luz, gás e telefone. “Há um uso crescente e intenso de um desses quatro meios, 40% das pessoas já estão realizando compras dessa maneira”, disse Guimarães.

Para aqueles que quiserem realizar o saque em dinheiro, o calendário de pagamento vai de 18 de julho a 19 de setembro, também de acordo com o mês de nascimento. Nas respectivas datas, havendo saldo remanescente na poupança digital, o valor será transferido automaticamente para a conta que o beneficiário indicou no cadastro, sendo da Caixa ou conta em outro banco.

O calendário de pagamentos para a segunda parcela/lote 2 e primeira parcela/lote 3 deverá seguir as mesmas datas de depósito e saque.

Lote 3 e Bolsa Família

Sobre o lote 3 de beneficiários, que tem cerca de 4,5 milhões de pessoas, o presidente da Caixa explicou que esse grupo já recebeu a primeira parcela nas contas digitais há cerca de dez dias e o saque em dinheiro poderá ser feito entre 6 e 18 de julho, também de acordo com o mês de nascimento. O pagamento da segunda parcela para esses beneficiários ainda depende de autorização do Ministério da Cidadania e da Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social (Dataprev).

Já os beneficiários do auxílio emergencial que estão no programa Bolsa Família, recebem os recursos de acordo com o calendário do programa, sempre nos últimos dez dias de cada mês. Hoje (26), a Caixa está pagando a terceira parcela do benefício para quem tem o Número de Identificação Social (NIS) final 8.

Na segunda (29) e terça-feira (30), o banco faz o crédito para aqueles com NIS final 9 e 0, respectivamente. Para este público, o recebimento do auxílio emergencial é feito da mesma forma que o benefício regular, utilizando o cartão do Bolsa Família ou por crédito na conta da Caixa.

Pedro Guimarães destacou que 65 milhões de pessoas já receberam parcelas do auxílio emergencial e que ainda há cadastros em análise para o recebimento do benefício. Cerca de 2 milhões de pessoas estão passando pela primeira validação da Dataprev, e 1,3 milhão estão em reanálise.

O auxílio é destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados, como forma de fornecer proteção emergencial no enfrentamento à crise causada pela pandemia do novo coronavírus (covid-19). (Agência Brasil)

GOVERNO ASSINA ACORDO PARA GESTÃO DE RECURSOS SOCIOAMBIENTAIS DO PORTO SUL

Do Ilhéus 24h

Com a finalidade de assegurar o desenvolvimento sustentável, a integridade das funções ecológicas e os serviços ecossistêmicos da região Sul, foi assinado, na quarta-feira (24), o termo de acordo para gestão dos R$ 45 milhões oriundos do Termo de Compromisso Socioambiental (TCSA) do empreendimento Porto Sul.

Após o recebimento e julgamento das propostas do chamamento público, o Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio), associação civil sem fins lucrativos, foi a entidade selecionada para gestão financeira e operacional dos recursos. O termo de acordo tem prazo de vigência de seis anos, podendo ser prorrogado. Determinando medidas para prevenir danos ambientais e mitigar impactos na região do Porto Sul, o TCSA foi firmado pelo Governo da Bahia, por intermédio da Casa Civil e da Secretaria do Meio Ambiente (Sema), Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), Ministério Público do Estado da Bahia, Ministério Público Federal, Procuradoria Geral do Estado (PGE) e Bahia Mineração S/A (Bamin) – responsável pelo aporte dos recursos.

“A entidade selecionada será responsável pelo cumprimento das obrigações e execução das ações constantes do TCSA. Entre estas ações, destaco a aquisição de Unidades de Monitoramento Remoto (UMR’s) para Coleta de Dados da Qualidade da Água; monitoramento da cobertura vegetal; aquisição e doação de bens para estruturação da fiscalização ambiental federal, estadual e municipal; revisão e implementação de Planos de Manejo de Áreas de Preservação no Sul do Estado, a exemplo de Itacaré e Serra Grande. A equipe técnica do Estado se debruçou atentamente para elaboração de um edital que efetivamente contemplasse as necessidades de preservação e desenvolvimento socioambiental do Sul do estado”, afirmou o secretário do Meio Ambiente, João Carlos Oliveira.

O Comitê Técnico de Execução do TCSA, formado por servidores da Sema e do Inema, fará o acompanhamento, monitoramento, fiscalização, avaliação e prestação de contas ao Ministério Público acerca da execução dos compromissos assumidos. O Comitê também acompanhará a seleção e contratação de terceiros pela instituição selecionada, bem como a execução dos serviços e ações realizadas pelos terceiros contratados. É ainda responsabilidade do Comitê, elaborar relatórios semestrais informando o cumprimento das obrigações do TCSA, que deverão ser publicados no website da Sema.

Porto Sul

O Porto Sul tem investimento total previsto de R$ 2,5 bilhões e será construído na localidade de Aritaguá, no litoral norte de Ilhéus. Pelo porto será escoado, principalmente, o minério de ferro extraído pela Bahia Mineração no município de Caetité. A estrutura contará com um terminal, com capacidade de armazenamento e transporte de até 41,5 milhões de toneladas de minério de ferro/ano.

O minério sairá de Caetité e chegará ao porto, em Ilhéus, a partir da Ferrovia Oeste-Leste (Fiol), que terá capacidade para transportar 60 milhões de toneladas por ano. Com projeção para plena operação a partir de 2024, o corredor logístico irá escoar e distribuir minérios e grãos produzidos no estado, podendo gerar aumento de 1,93% no PIB da Bahia.

Funbio

O Fundo Brasileiro para a Biodiversidade é um mecanismo financeiro nacional privado, sem fins lucrativos, que trabalha em parceria com os setores governamental e privado e a sociedade civil para que recursos estratégicos e financeiros sejam destinados a iniciativas efetivas de conservação da biodiversidade.

Desde 1996, o Funbio já apoiou 291 projetos que beneficiaram 248 instituições em todo o país. Entre as principais atividades realizadas estão à gestão financeira de projetos, o desenho de mecanismos financeiros e estudos de novas fontes de recursos para a conservação, além de compras e contratações de bens e serviços.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia