Do Pimenta

Voluntários.

Ilhéus já retirou, desde a última sexta, mais de 10 toneladas de praias do Centro e dos litorais norte e sul, conforme balanço feito pelo comitê que reúne voluntários, Prefeitura, Marinha e Corpo de Bombeiros. A maior quantidade foi removida hoje (29), quando a lama tóxica atingiu as praias da Soares Lopes (Avenida), no centro da cidade, de Ponta da Tulha, Ponta do Ramo e São Domingos, no litoral norte (reveja aqui).

As manchas de petróleo atingem 19 municípios baianos, de acordo com levantamento feito pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema). No sul e baixo-sul do estado, praias de Morro de São Paulo e Ilha de Boipeba, no município de Cairu, Maraú, Ituberá, Una e Canavieiras, além de Ilhéus, foram manchas pelo petróleo.

Maior município do interior do Estado atingido pelas manchas de petróleo, Ilhéus tem cerca de 700 pessoas envolvidas na retirada do óleo das praias, sendo 490 delas voluntárias, segundo afirmou ao PIMENTA o secretário de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Urbanismo, Jerbson Moraes.

ZONA SUL

Nesta manhã, a maior parte dos voluntários atuou na limpeza de praias do litoral norte. A primeira região afetada pelo óleo foi a Praia do Norte, na última sexta (25), a menos de 2 quilômetros de Juerana, tradicional vila de pescadores no litoral norte ilheense. Após este registro, praias do sul também foram afetadas no sábado e no domingo (26 e 27), porém em menor quantidade.