Os radiologistas Dr. Lister Cedro e Dra. Manuella Bittencourt

Os radiologistas Dr. Lister Cedro e Dra. Manuella Bittencourt coordenadores do Serviço de Ultrassonografia da AMO Ilhéus abordam, nesta entrevista, os usos, entre outras questões, do exame de ultrassonografia, também conhecida como ultrassom ou ecografia.  

O que é a ultrassonografia?

De acordo com o Dr. Lister, Cedro a ultrassonografia é um método de diagnóstico por imagem, que tem como principal objetivo diagnosticar algumas patologias (doenças), utilizando ondas ultrassônicas de alta frequência, não radioativas, que não trazem nenhum malefício ao paciente. Essas ondas são captadas pelo transdutor do aparelho e transformada em imagem, em uma escala de cinza, através dessa imagem é possível fazer análise de diversos órgãos e sistemas do corpo humano. A Dra.  Manuella Bitencourt reforça que esse exame pode ser utilizado em qualquer parte do corpo, tanto de estruturas superficiais, como as mais profundas e é de fácil utilização.

Quais os riscos da ultrassonografia?

Segundo a Dra. Manuella Bitencourt o exame tem pouca contraindicação, tem menos complicações, principalmente para pacientes mais específicos, que não podem fazer, por algum motivo, a ressonância ou tomografia. O Dr. Lister assegura que o ultrassom é um exame inócuo ao ser humano, que não tem radiação, portanto, sem efeito deletério da radiação.

Quando é indicado fazer o ultrassom?

O Dr. Lister Cedro afirma que a ultrassonografia tem um leque vasto de exames que podem ser feitos, sendo utilizados para análises, estudos e diagnósticos de inúmeras lesões. Além disso, a técnica também entra em diversos procedimentos, atualmente muito difundida em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), em abordagens cirúrgicas minimamente invasivas, em alguns casos livrando o paciente de cirurgias mais extensas e de maior risco, como por exemplo em drenagens de abscessos, biópsias, nefrostomias, entre outras. A ultrassonografia pode aprimorar técnicas utilizadas em outras especialidades.

Quais os usos mais comuns do ultrassom?  

De acordo com o Dr. Lister na prática clínica, a ultrassonografia tem muita utilidade, com grande requisito em estudos do abdômen, por exemplo, em emergências, como apendicite, sendo o primeiro exame a ser realizado na suspeita dessa enfermidade. Em cálculo renal, vesícula biliar, tromboses venosas, entre outros. Dra. Manuella Bittencourt destaca a importância do ultrassom na saúde da mulher, usado para avaliar órgãos pélvicos, ovários e útero, principalmente para mama, sendo um exame junto com a mamografia importantíssimo para a avaliação das mamas.

Quais os pontos positivos da ultrassonografia?  

Dra. Manuela relata que o primeiro ponto positivo é não ter radiação, é um exame com pouquíssimas contraindicações. Além disso, trata-se de um método de imagem, de mais fácil acesso, com um custo menor, às vezes, o paciente consegue diagnosticar uma possível patologia, sem precisar fazer exames mais onerosos, com contraste, como ressonância e tomografia. É um exame mais simples, mais prático, mais acessível de conseguir e realizar. Uma vantagem muito grande do ultrassom é que é um exame dinâmico, de contato direto com o paciente, em tempo real, e isso ajuda muito em sua aplicação.