Do Pimenta

Ônibus queimado.

A Polícia Civil de Ilhéus tenta identificar as pessoas que incendiaram dois ônibus que faziam a linha do centro da cidade para a zona rural. Os veículos teriam sido retidos e queimados na noite desta segunda-feira (7), na comunidade de Itariri. Ainda não se sabe se foram bandidos em ação para desafiar a polícia ou moradores da localidade revoltados com o serviço prestado pelas empresas.

O coordenador Regional da Polícia Civil em Ilhéus, delegado Evi Paternostro, afirmou ao Plantão Itabuna que um cobrador do transporte coletivo revelou que os moradores da comunidade estavam revoltados por causa dos contantes atrasos dos ônibus. Com a destruição dos veículos, quem precisou se deslocar para casa agora à noite teve que fazer uma longa caminhada.

Os moradores devem continuar sem transporte público nesta terça-feira (8). Em nota enviada à imprensa, a Associação Profissional das Empresas de Transporte de Passageiros de Ilhéus repudiou o crime.

Segundo a associação patronal, “O episódio causa indignação e prejudica toda a população que necessita do serviço de transporte coletivo. A ocorrência de problema mecânico com o veículo, na tarde de hoje – cujas providências foram tomadas, não constitui motivo para a depredação e incêndio dos ônibus que prestam serviço à própria comunidade”.