WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


novembro 2018
D S T Q Q S S
« out   dez »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  


:: 13/nov/2018 . 17:58

ROMPIDO COM MARÃO, NAZAL ESTÁ DE VOLTA

Evento de Nazal.

O vice-prefeito de Ilhéus, José Nazal, está de volta ao cenário político local.

Aproveitando o momento de fragilidade por que passa o governo do prefeito Mário Alexandre – tanto pela má gestão que faz, quanto pela derrota eleitoral da deputada Angela Sousa (PSD), mãe de Marão, Nazal vai promover uma mesa de conversas na próxima quinta-feira, dia 15, no Hotel Britânia, a partir das 8h.

Rompido politicamente com seu colega de chapa desde maio, Nazal passou todo esse tempo longe dos holofotes e das polêmicas. Em nenhum momento, veio a público criticar as barbeiragens de Marão.

O evento tem como tema “análise de conjuntura e um projeto político para Ilhéus” e é um balão de ensaio que Nazal lança de olho na eleição de 2020.

 

PROGRESSISTAS E PCDOB CAMINHAM JUNTOS NA ELEIÇÃO DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA BAHIA

Reunião

Em visita ao Governador em exercício, João Leão, a bancada do PCdoB, decidiu apoiar a candidatura do deputado estadual Nelson Leal para Presidência da Assembleia Legislativa.

“A eleição da mesa da Assembleia é um importante momento de reafirmação da nossa vitória em 2018, sob a liderança do nosso Governador Rui Costa e contando com a participação dos nossos Senadores, vamos buscar a unidade das forças governistas, levando em consideração a alternância entre elas e o fortalecimento do nosso projeto conjunto”, afirmou o presidente do PCdoB Davidson Magalhães.

O vice-governador e presidente do Progressistas Estadual, João Leão, agradeceu o apoio e destacou a importância do PCdoB no cenário político estadual e reiterou o compromisso de buscar a unidade dentro da base aliada, sob o comando do governador Rui Costa.

O deputado estadual Nelson Leal reafirmou o seu desejo de continuar buscando o apoio dos companheiros, no sentido de presidir a casa Legislativa, aprofundando a democracia, na condução dos trabalhos da Assembleia.

TRAJETO PONTAL-CENTRO TIRA A PACIÊNCIA DO ILHEENSE

Do Blog do Chicó

Foto do Chicó.

Um percurso médio de 3km entre a Avenida Lomanto Júnior, próximo à Praça da Maramata até a Praça Cairú, no Centro de Ilhéus – e inacreditáveis 50 minutos para percorrer esse trajeto de carro.

Nesta terça-feira (13), das 7h30min às 8h20min, o trânsito ao longo desta rota encontrava-se muitas vezes parado, e seguia em média, lentamente, entre 5 e 7 km por hora em cada veículo, indicava o aplicativo Waze.

Para agravar a situação, as “roubadas” que saiam das transversais do Pontal, agravavam, ainda mais, a complicada situação.

Só para comparação, em um dos tráfegos mais intenso do Brasil, a travessia na ponte Rio-Niterói, dura em torno de 40 a 56 minutos, em horário de pico, sendo o percurso de 13,8 Km, conforme matéria publicada no G1.

Será que teremos que enfrentar diariamente, uma espera de 40, 50 minutos, até 1 hora, para atravessar do Pontal para o Centro de Ilhéus? Enquanto a nova ponte que está em construção não ficar pronta, qual seriam as soluções para minimizar os efeitos dessa lentidão?

Espero que o governo municipal tenha algumas ações para mitigar esse problema cotidiano da vida ilheense.

ILHÉUS, PORTO SEGURO E ITACARÉ ESTÃO ENTRE OS MUNICÍPIOS MAIS PROCURADOS PARA O FERIADÃO

Do Tabuleiro

Praia de Ilhéus

Um esquema especial de transporte foi divulgado pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba), para os moradores de Salvador que queiram viajar durante o feriado desta quinta-feira (15), dia em que se celebra a Proclamação da República. O esquema diferenciado terá início na quarta-feira (14) e vai até a terça (20) deste mês.

A rodoviária e o ferry-boat terão as atividades reforçadas, assim como o sistema de rodovias BA-093 e BA-099, para atender o grande fluxo de passageiros e motoristas que a Agerba espera que saiam da cidade neste período.

A expectativa da Agência é de que 40 mil pessoas passem pelo terminal durante o feriado e o final de semana, e que o movimento na rodoviária de Salvador comece a crescer já nesta quarta e permaneça intenso até o sábado (17).  Além dos 540 horários regulares realizados pelas empresas concessionárias, que saem diariamente do terminal, a Agerba disponibiliza 150 horários extras para reforçar o atendimento aos passageiros.

Os destinos apontados pela Agerba como mais procurados no interior do estado são Porto Seguro, Itacaré, Teixeira de Freitas, Ilhéus, Itabuna, Juazeiro, Senhor do Bonfim, Irecê, Xique Xique. Cidades como Vitória da Conquista, Barreiras, Lençóis, além da Região Metropolitana de Salvador e todo o Recôncavo Baiano.

Os passageiros que pretendem utilizar o ferry-boat entre os dias 14 e 20 de novembro contarão com 600 vagas extras do serviço de hora marcada, para atender a demanda estimada em aproximadamente 18 mil veículos. O sistema funciona sem interrupção entre os dias 14 e 15 (sentido Salvador/Itaparica) e entre os dias 18 e 19 (sentido Itaparica/Salvador). Os ferries terão saídas oficias a cada hora, ou a cada 30 minutos nos momentos de maior demanda.

ILHÉUS: EX-FUNCIONÁRIO TEM QUE PAGAR R$ 40 MIL APÓS JULGAMENTO

Do Tabuleiro

Acidente. Montagem: Tabuleiro.

Um ex-funcionário da Solar Ambiental, empresa atualmente responsável pela coleta de lixo no município de Ilhéus, foi condenado pelo juiz da 3ª Vara do Trabalho, José Cairo Júnior, a pagar R$ 40.026,55 em verbas honorárias após o indeferimento de uma reclamação trabalhista julgada no último dia 7.

Em petição inicial, o ex-funcionário, que fez uso de assistência judiciária gratuita, solicitou uma indenização de R$ 800 mil para a empresa, devido ao fato de ter sido vítima de um atropelamento por moto durante o seu expediente na função de coletor de lixo domiciliar.  O acidente, segundo a petição, teria “danificado quase que completamente” uma das pernas do reclamante.

Em sua decisão, o juiz observou que no pedido indenizatório, o ex-funcionário sequer narrou como teria acontecido o acidente, para que se pudesse, dessa forma, averiguar uma possível culpa da empresa no ocorrido, além de não observar “risco acentuado” de atropelamento dos empregados da Solar Ambiental, o que em seu entender, afasta a responsabilidade da empresa neste caso.

José Cairo também salientou que a concessão do benefício previdenciário do auxílio-doença acidentário leva em conta somente o fato da incapacidade se dar por acidente durante o exercício da atividade profissional e até mesmo no seu trajeto, o que não pôde ser identificado no caso. Com isso, o ex-funcionário não terá direito ao auxílio.

Por fim, o ex-funcionário foi condenado a pagar o valor de 5% da causa em honorários de sucumbência, ou seja, os gastos com a defesa contratada pela empresa, conforme previsto no artigo 791-A da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). O juiz, no entanto, dispensou o pagamento de R$ 16 mil relacionados aos custos do próprio pedido.

Contudo, o ex-funcionário poderá ficar isento de pagar os honorários de sucumbência se conseguir sustentar que não possui recursos financeiros para isso, já que também por ausência de recursos, lhe foi concedido o benefício da assistência judiciária gratuita, inicialmente.

Fama nacional

O juiz José Cairo Júnior ficou conhecido nacionalmente no final de 2017 por ser o responsável pela primeira condenação no País após aprovação da reforma trabalhista.

Na ocasião, o magistrado condenou um empregado a pagar R$ 8,5 mil após considerar que este agiu com “má-fé” em um pedido indenizatório contra uma empresa do ramo agropecuário.

O empregado culpava a empresa por ter sido assaltado quando se preparava para ir ao trabalho, além de falsamente alegar que tinha menos de uma hora de intervalo durante o expediente, solicitando horas extras em seu pedido indenizatório.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia