WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


novembro 2018
D S T Q Q S S
« out    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  


:: 7/nov/2018 . 17:44

DEPRESSÃO PÓS-PARTO PODE EXPLICAR CASO ENVOLVENDO MORTE DE BEBÊ EM ILHÉUS

Delegada Andréa Oliveira.

Lidiane Bruna Sales, de 22 anos, foi colocada em liberdade na última segunda-feira, dia 5, depois de realizada uma audiência de custódia no Fórum de Ilhéus. A moça é suspeita de ter assassinado o próprio filho recém nascido. De acordo com o Blog do Gusmão, Lidiane pode ter desenvolvido depressão pós-parto.

O fato teria ocorrido no último fim de semana, em Ilhéus. Durante a audiência de hoje, a moça sequer articulava palavras.

Até o momento, afirmou a delegada Andréa Oliveira ao Blog do Gusmão, não há confirmação de que a morte do recém-nascido tenha sido causada por perfurações à faca, como noticiado anteriormente.

Há a possibilidade de o bebê ter deixado a barriga da mãe já sem vida.

Ainda de acordo com o blog, o prazo para ser divulgado o resultado da perícia é de 30 dias.

 

ILHÉUS: BAHIA PESCA DISTRIBUI 100 MIL ALEVINOS

Entrega de alevinos.

Aquicultores do município de Ilhéus e região, assistidos pela Bahia Pesca, receberam 100 mil alevinos de tilápia na manhã desta quarta-feira, 07. A atividade teve o apoio da Secretária da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura do Estado da Bahia.

Foram atendidas cerca de 73 famílias cadastradas na unidade local da Bahia Pesca. Durante a entrega, os aquicultores receberam orientação técnica sobre densidade da água, tipos de ração e manejo pelos técnicos da Bahia Pesca. Os criadores receberão, ainda, visitas técnicas para monitorar o crescimento e desenvolvimento dos peixes.

Para o chefe da unidade local da Bahia Pesca de Ilhéus, John Ribeiro, “ a intenção de realizar a doação desses alevinos é oferecer ao aquicultor mais uma fonte de renda”.

DEMOLIÇÕES ACELERAM REURBANIZAÇÃO NA ZONA SUL DE ILHÉUS

Da Secom/Ilhéus

Demolições.

O processo de demolição de imóveis desapropriados pelo Governo do Estado, em virtude da obra de construção da nova ponte de Ilhéus acelera o projeto de reurbanização daquela importante área da zona sul da cidade. A construção da primeira ponte estaiada da Bahia, com extensão de 533 metros, vai impactar diretamente na melhoria da mobilidade urbana na cidade.

O conjunto da obra inclui 2,2 quilômetros de rodovia, que se encerrarão ao lado da Catedral de São Sebastião, ao norte, e ao lado da cabeceira da pista do Aeroporto Jorge Amado, ao sul, onde estão sendo feitas as demolições dos imóveis. A nova pista no lado sul promoverá a reurbanização da Avenida Litorânea Mãe Amada, o que inclui uma ciclovia.

O Governo do Estado já efetuou o pagamento de quase todas as desapropriações negociadas com os moradores da localidade. Os casos que ainda não foram acordados são devido a pendência de documentos ou desavenças familiares quanto aos valores que o Estado aplicou. Os moradores tiveram prazo de 30 dias para a desocupação dos imóveis.

Além de uma ponte nova, que terá passeio, canteiro central, pistas duplas nos dois sentidos e uma ciclovia, Ilhéus ganhará uma moderna urbanização nas áreas Norte Centro e Sul, além de uma nova orla entre o Pontal e a pista do aeroporto. A urbanização da área demolida será feita conjuntamente com a Prefeitura de Ilhéus, que adequará o uso dos espaços públicos.

Fiscalização – Nesse sentido, a Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável (Seplandes) realizará uma fiscalização em todas as áreas que passarão à gestão da Prefeitura para fins de urbanização. O gerente de gestão ambiental da Seplandes, Bruno Miranda, informa que o Município agirá contra o uso ilegal do espaço público naquele “novo local”, vedando ocupações.

Felisberto Santiago, 62 anos, que há 18 anos reside na localidade, considera a iniciativa excelente. “É uma das melhores coisas que o governo está trazendo para a cidade e para o desenvolvimento da região, temos que aplaudir. Moro e tenho meu bar aqui, e por conta da ponte vou sair, mas deu tudo certo, vou morar na rua de trás, e continuarei com meu comércio, e é isso que importa”.

Gilson da Hora, de 64 anos, e mora há 40 anos naquela rua, afirma que achou o projeto muito bom. “Muita gente não queria sair do local, pois reside aqui há muitos anos. Eu fui indenizado e já comprei minha casa no Nossa Senhora da Vitória; já vou me mudar e estou satisfeito graças a Deus”, declara.

IGREJA BATISTA PROMOVE FEIRA DE MISSÕES EM ILHÉUS

Ação.

ILHÉUS: PREFEITURA EMITE NOTA SOBRE OPERAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL NO MUNICÍPIO

Da Secom/Ilhéus

Centro Administrativo de Ilhéus.

A Prefeitura de Ilhéus, levando em conta a deflagração, na manhã desta terça-feira (6), de duas operações simultâneas da Polícia Federal, com o objetivo de desarticular organizações criminosas especializadas em fraudar licitações e desviar recursos públicos que atuavam em diversos municípios da região sul da Bahia, esclarece que, no âmbito municipal, houve apenas busca e apreensão de documentos relacionados aos processos de licitações, nos quais, a polícia entendeu que poderia ter havido atuação das empresas investigadas. Além disso, durante o procedimento, servidores municipais cooperaram, prestando esclarecimentos e se colocando à disposição para demais informações.

Para obter mais informações, a Secretaria Municipal de Comunicação, ouviu a Procuradoria Geral do Município, que na oportunidade, destacou que esse tipo de operação é importante para o combate à prática de “cartel” ou “concertação” entre licitantes que, não raras as vezes, se ajustam entre si, com o objetivo de arrancar alguma vantagem das licitações, e que essa operação específica tinha como alvo empresas e seus dirigentes, não tendo sido expedido nenhum mandado de busca e apreensão contra ocupantes de cargos públicos da atual gestão.

Ilhéus. 06.11.18

MEC APROVA MAIS UM DOUTORADO NA UESC; EDITAL PARA PRIMEIRA TURMA EM DEZEMBRO

Do Pimenta

Uesc

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), do Ministério da Educação (MEC), aprovou o Programa de Pós-Graduação em Letras Linguagens e Representações (PPGLLR) do Departamento de Letras Artes da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc). O Edital para a turma 2019/2023, com 12 vagas, deve sair em dezembro do próximo ano, respeitados os prazos protocolares.

De acordo com os professores André Luís Mitidieri e Inara de Oliveira Rodrigues, coordenadores do PPGLLR), a implantação de doutorado no Programa de Pós-Graduação em Letras da Uesc “reafirma a relevância da configuração interdisciplinar que lhe é basilar, advinda de experiência positivamente desenvolvida com o mestrado em Letras, Linguagens e Representações da mesma instituição”.

André Luís e Inara de Oliveira afirmam que “esse reconhecimento foi confirmado já na segunda Avaliação Trienal CAPES (2013), quando o Programa passou da nota 3 para nota 4, conceito mantido na Avaliação Quadrienal CAPES (2016)demonstrando sua organicidade e boa estruturação, com um corpo docente comprometido com a pesquisa. De igual modo, os discentes apresentam-se motivados para as atividades de investigação, extensão e estágio de docência, com desdobramento nas produções científicas desenvolvidas”, afirmam.

Os professores destacam que o Mestrado em Letras Linguagens e Representações da Uesc vem aprimorando sua vocação interacionista, mantendo produtivo diálogo com outras áreas do conhecimento. A marca interdisciplinar da proposta está fundamentada nas três linhas de pesquisa que a compõem: Literatura e Interfaces (Linha A), Linguística Aplicada (Linha B), Linguagem e Estudos de Gênero (Linha C).

Eles observam que, além de atender à comunidade regional, o programa contribuirá para fortalecer o desenvolvimento educacional no sul da Bahia e no Nordeste, minimizando a assimetria entre regiões brasileiras, tema tão caro ao PNPG 2010-2020. Nesse sentido, a implantação do Doutorado em Letras na Uesc contribui para o descentramento dos Programas de Pós-Graduação em Letras no país. A maioria dos cursos de doutorado ainda se concentra na região Sudeste.

CONTAINER DA ESTRADA DO CHOCOLATE DEVE FICAR PRÓXIMO DA CATEDRAL, DIZ PRESIDENTE DA ATIL

Do Tabuleiro

A peça.

De acordo com Átila Eiras, presidente da Associação de Turismo de Ilhéus (ATIL), o container da Estrada do Chocolate deve ser deslocado para as proximidades da Catedral de Sâo Sebastião. A informação foi passada por Átila em participação, por telefone, na edição de hoje (06) do programa O Tabuleiro.

O deslocamento estaria dependendo de uma autorização da Prefeitura Municipal de Ilhéus. Segundo Átila, o equipamento também deverá receber uma nova plotagem. O abandono do container foi anunciado pelo O Tabuleiro recentemente (veja aqui). Ainda durante a sua participação, o presidente da Atil aproveitou a ocasião para também reclamar de problemas como sujeira e ocupações irregulares no percusso da Estrada do Chocolate. Segundo ele, a situação já foi denunciada para a Prefeitura.

CONDENADO POR CRIMES SEXUAIS, FÁBIO BARRETO É PRESO EM SALVADOR

Do Tabuleiro

Fábio Barreto.

Figura conhecida no município de Ilhéus, Fábio Barreto foi preso novamente nesta terça-feira (6). Fábio estava foragido da justiça após ser condenado a 11 anos e 8 meses de prisão por crimes sexuais. A condenção partiu da 1ª Vara Crime de Ilhéus. Após uma monitoração do foragido, policiais civis da capital baiana deram voz de prisão para Fábio quando ele, portando documento de identidade falso, adentrou a sede do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (Sindpoc).

Até aquele momento, Fábio se identificava como Marcos Souza dos Santos. Supreso, ele optou por ficar em silêncio durante a abordagem.  Em seu histórico criminal, Fábio também possui uma tentativa de homicídio contra um integrante do coletivo Reúne Ilhéus, durante manifestação contra o aumento da passagem de ônibus em Ilhéus. Em 2016, Fábio atuava como segurança particular e foi flagrado carregando nos braços o atual prefeito de Salvador, ACM Neto, na campanha eleitoral daquele ano (imagem na galeria abaixo).



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia