WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


setembro 2018
D S T Q Q S S
« ago   out »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  


:: 1/set/2018 . 9:29

SECRETARIA DA CULTURA DE ILHÉUS LANÇA EDITAL MANOEL BARRETO PARA FORTALECER SEGMENTO DA CAPOEIRA

Da Secom/Ilhéus

Edital aberto.

Mestres, contramestres ou grupos de capoeira de Ilhéus já podem inscrever projetos para o edital Manoel Barreto, a partir desta quinta-feira (30). O chamamento público é um concurso promovido pela Secretaria Municipal da Cultura (Secult), com o objetivo de selecionar propostas para o desenvolvimento da capoeira em diversos bairros e distritos de Ilhéus, organizar as solicitações e a distribuição de recursos financeiros. A inscrição fica aberta até 15 de outubro e os projetos podem ser executados entre janeiro e fevereiro de 2019. Serão contemplados 10 grupos, com prêmios de R$ 2,5 mil.

Segundo o secretário municipal da Cultura, Pawlo Cidade, o edital baseia-se em princípios para garantir a simplificação, ampliação e descentralização da distribuição de recursos para a capoeira de Ilhéus. “Contempla atividades como batizados e troca de cordões, aquisição de materiais, realização de ações de formação (seminários, oficinas, cursos) e outras formas de criação e apresentação que propiciem o acesso à capoeira”, enfatiza.

Pawlo Cidade destaca a capoeira como uma representação cultural que mistura esporte, luta, dança, cultura popular, música e brincadeiras. Está presente em inúmeros bairros e distritos de Ilhéus. “O Plano de Ações Estratégicas da Cultura, da Secult, também chamado de Cultura 500, aponta questões e proposições sobre a importância simbólica, cidadã, econômica e estratégica da cultura. Sua capacidade de otimizar as engrenagens da economia de Ilhéus, seja pela sua transversalidade, sua multiplicidade, e pelo seu poder criativo”, disse.

Quem é – Manoel Barreto de Oliveira (Mané Barreto) nasceu em Malhador (Sergipe), em 26 de janeiro de 1930. Foi portuário desde os 18 anos de idade, e se tornou um dos precursores da capoeira na beira do cais, organizando rodas, sobretudo nos terreiros de candomblé. Mané foi de um tempo em que a capoeira tomava conta das ruas de Ilhéus. Casou-se com Maria Soledade Cardoso (dona Maricota), com quem teve nove filhos. Dois seguiram a trajetória do pai e se tornaram mestres de capoeira: Dui Barreto e Santos Barreto e um contramestre Chico Barreto. Morreu em 8 de dezembro de 1988, dia da padroeira dos capoeiristas, Nossa Senhora da Conceição. O edital Manoel Barreto homenageia o mestre Mané Barreto por sua história e tradição na capoeira de rua de Ilhéus.

COMÉDIA QUEM CASA,QUER CASA, SE APRESENTA NO TEATRO MUNICIPAL DE ILHÉUS

Da Secom/Ilhéus

Comédia.

O espetáculo “Quem Casa Quer Casa”É um clássico do teatro Brasileiro,   a montagem é uma viagem do Brasil Império ao século 21.

“Essa viagem começa no Brasil Imperial da metade do século 19 com unidades familiares sólidas e religiosas, comportamentos e costumes rígidos e passa pela divertida e irreverente década de 80 com suas cores, roupas e acessórios espalhafatosos, com personagens ícones das novelas, recaindo na atualidade, amparada por um mundo tecnológico e globalizado”.

Um dos pontos principais da peça são as músicas escolhidas na provocação das mudanças de tempo, junto com divertidas coreografias estilizadas que foram inspiradas nos mais famosos sons e clipes das épocas.

A peça, traz uma caracterização fiel das épocas retratadas. “Tudo isso acontece sem que o conflito central da disputa de espaço, poder dentro de um ambiente onde vários núcleos familiares convivem por falta de condições de moradia, seja minimizado ou esquecido, muito pelo contrário, a plateia se reconhece ou reconhece o outro, dentro de uma problemática que atravessa os séculos, pois quem não conhece o ditado ‘Quem casa quer casa?”.

Dia 08 de Setembro ( única apresentação)

Hora: 21h

Teatro Municipal de Ilhéus

Ingressos R$ 30,00 Inteira e R$15,00 Meia

Promocional : Doe um brinquedo e ganhe 50% de desconto no valor de inteira.

Vendas:; Ilhéus Eventos / Loja Nutrios

Classificação: Livre.

VEREADOR TARCÍSIO PAIXÃO SE PRONUNCIA SOBRE OPERAÇÃO DA POLÍCIA

Nota  Pública 

Tarcísio

O vereador Tarcísio Paixão vem em respeito a posição pública que exerce se pronunciar sobre a Medida de execução proposta pelo Ministério Público Estadual que teve como objetivo a busca e apreensão de documentos e equipamentos nesta data de 31/08/2018.

Importante salientar que o vereador foi ouvido por quatro promotores públicos no dia 27/08/2018 no âmbito do mesmo Inquérito Civil que fundamenta o pedido de busca e apreensão, fornecendo todas as informações para colaborar com as investigações, uma vez que sempre honrou os mandatos que exerceu, principalmente o mais importante, no momento em que foi Chefe do Legislativo Municipal nos autos de 2015 e 2016.

Em que pese o máximo de respeito às instituições públicas, inclusive colaborando como todas as requisições ministeriais, a medida imposta pela Justiça fere os mais comezinhos direitos do cidadão. Tal fato é comprovado diante da inexistência de qualquer indício de ilegalidade na frente do Poder Legislativo  Municipal pelo Vereador Tarcísio Paixão. Não há nos autos da medida imposta qualquer elemento de convicção ou fundamento jurídico que indique que preços em processos licitatórios foram sobrelevados, fato que será provado pelo Vereador no exercício do direito de defesa que será assegurado pela justiça local.

Importante salientar que o Ministério Público não apontou qualquer crime praticado pelo Vereador Tarcísio Paixão, apenas  na busca de elementos inexistentes, procura verificar documentos que estão à disposição no Tribunal de Contas dos Municípios.

Por fim, o Vereador Tarcísio Paixão está convicto de que, no decorrer das investigações, todos os procedimentos sejam esclarecidos e continua imbuído a colaborar com a Justiça para comprovar que todos os atos praticados na qualidade de gestor obedeceram todos os procedimentos legais.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia