WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom saude></a>
<a href=embasa secom ponte ilheus prefeitura de ilheus secom bahia


agosto 2018
D S T Q Q S S
« jul   set »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  


:: ago/2018

PROFESSORA TEM CARRO ROUBADO NO CENTRO DE ILHÉUS

Do FRN

Carro roubado.

Uma família viveu momentos de terror na noite desta quinta-feira (09), por volta das 20h30 quando chegava em casa, no centro de Ilhéus. Bandidos armados anunciaram assalto e roubaram o carro, modelo Gol, cor branca, 04 portas, placa policial OZK-9293, além de levarem dinheiro e outros pertences. O crime aconteceu na Avenida Bahia, próximo da antiga sede da secretaria municipal de saúde, na Cidade Nova.

Um dos criminosos colocou a arma da cabeça da mulher obrigando a família a descer do carro. Os homens fugiram com o veículo em direção desconhecida e não foram encontrados pela polícia. De acordo com informações chegadas a redação do FR Notícias, a bolsa da professora foi encontrada na rodovia que dá acesso a Olivença.

O caso foi registrado na sede da 7ª Coorpin e será investigado pela equipe da delegacia de repressão a furtos e roubos de Ilhéus.

REIVINDICAÇÕES DO SETOR DE TRANSPORTE ESCOLAR SÃO ATENDIDAS PELO GOVERNO ILHEENSE

Da Secom/Ilhéus

Reunião.

Depois de se reunirem com o prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, no último dia 2, os representantes do setor de transporte escolar voltaram ao Centro Administrativo Municipal, na quarta-feira (8), para organizar a situação desse serviço na cidade. A reunião, realizada no gabinete do secretário de Governo, Gil Gomes, contou com a presença do diretor municipal de Transporte e Trânsito, Gilson Nascimento, Procurador Geral do Município, Jefferson Domingues e do vereador Nerival Reis.

A categoria, representada pelos presidentes do Sindicato dos Condutores de Transporte Escolar e Turismo (Sindestur), Marcos Matos; Cooperativa dos Proprietários de Vans de Ilhéus (Cooprovi), Carlos Mendonça e da Associação de Transporte Escolar (Ateti), Josenildo da Silva, receberam a garantia da regulamentação da Lei Orgânica Municipal, a fim de aprimorar alguns pontos positivos e revisar outros que necessitam de mudança, como a valorização e capacitação destes profissionais e uma fiscalização mais severa relacionada aos transportes clandestinos.

Para Gilson Nascimento, é preciso o esforço de todos para dar mais qualidade de serviço a essa categoria. “E assim, garantir a segurança dos pais que confiam seus filhos a estes profissionais”, reforçou. Durante a reunião, foi decidida a realização de uma nova reunião no próximo dia 14, com a participação de representante do Ministério Público. O vereador Nerival Reis se comprometeu a desenvolver e apresentar um projeto de lei para ajustar a Legislação Municipal, incluindo as reinvindicações apontadas pelos profissionais do setor.

ILHÉUS: HOMEM PERDE PARTE DA PERNA EM ACIDENTE COM MÁQUINA INDUSTRIAL

Do Ilhéus 24h

Barry

Um colaborador da empresa Barry Callebaut, fábrica de chocolate localizada no Distrito Industrial de Ilhéus, sofreu acidente de trabalho na tarde desta quinta-feira, (8) e levou um corte profundo na perna.

Segundo informações, Cássio Marques estava numa sala de operações de maquinários, no momento em que uma “máquina de valorização” quebrou e partiu em várias partes e, infelizmente um pedaço do metal foi arremessado na perna do colaborador, provocando um corte profundo.

O trabalhador foi socorrido pela brigada de emergência e levado para o Hospital Costa do Cacau, onde passou por cirurgia, mas não conseguiu recuperar a perna, tendo que amputar abaixo do joelho. Seu caso é estável e ele não sofre risco de morte.

Posicionamento da empresa

Em nota, a Barry Callebaut informou que a falha “rara e imprevisível” ocorreu num equipamento chamado soprador e que vem prestando assistência ao funcionário e família. De acordo com a multinacional, a unidade de Ilhéus operava há mais de 1000 dias sem acidentes que causassem afastamento de trabalhadores e que vem investindo milhões de reais para melhorar a segurança de seus colaboradores e terceiros.

 

JOSÉ VICTOR É O NOVO VEREADOR DE ILHÉUS

José Victor Pessoa.

Na tarde desta quarta-feira (08), tomou posse na Câmara de Vereadores de Ilhéus, José Victor Pessoa (PV). O vereador ocupa a vaga deixada por Gil Gomes, que assumiu A Secretaria de Governo do município.

José Victor é advogado e possui experiência no Legislativo, sendo eleito em 1988 com 952 votos, exercendo o mandato de janeiro de 1989 a dezembro de 1992. Exerceu mandato de vereador suplente em três períodos, de fevereiro de 1993 a janeiro de 1996.

Em 2012 retornou à vida pública quando foi nomeado Gerente de Ações Regionais na Prefeitura de Ilhéus. Na última eleição, em 2016 obteve 709 votos é o primeiro suplente da coligação PV/PSDB.

PARCERIA ENTRE PREFEITURA E DETRAN VIABILIZA CAPACITAÇÃO PARA MOTOTAXISTAS EM ILHÉUS

Da Secom/Ilhéus

Moto

O prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre, reuniu-se com o diretor da 13ª Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran), José Rodrigues Nascimento Filho, na terça-feira (7), para tratar do curso de capacitação destinado a 350 mototaxistas no município. A ação é resultado de uma parceria entre a administração municipal e o Detran, que será responsável pelas aulas gratuitas para os pilotos. O diretor de Transporte e Trânsito do Município, Gilson Nascimento, também participou do encontro.

Para o prefeito Mário Alexandre, o curso proporcionará qualificação dos pilotos e usuários desse transporte, aumentando a segurança de todos. “Com a qualificação, melhora o serviço, o trânsito, a acessibilidade e o atendimento à população”, enfatiza. Gilson Nascimento explica que o treinamento é pré-requisito para a regulamentação da atividade de mototaxista, cujo processo tramita na Câmara de Vereadores.

Segundo Gilson Nascimento, o projeto de regulamentação dos mototaxistas já foi aprovado no Conselho Municipal de Trânsito e Transporte de Ilhéus. “O curso, que será obrigatório para os profissionais do setor, é disponibilizado pelo Senac e custa entre R$ 300 e R$ 400. Mas será oferecido gratuitamente, graças a essa parceria com o Detran”, enfatiza.

O diretor da 13ª Ciretran, José Rodrigues, destacou também a prioridade do projeto da Primeira Habilitação para o Transporte (CNH Social), pela Escola Pública de Trânsito do Detran (EPTRAN). “Hoje, o custo da primeira CNH fica em torno de R$ 3 mil reais, entre exames, documentação e autoescola, por isso o Detran criou esse projeto, a fim de atender as pessoas que não possuem condições de tirar a carteira”, explica. A CNH Social é destinada, prioritariamente, aos beneficiários do Bolsa Família e demais programas acompanhados pela Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS).

FACULDADE DE ILHÉUS FORMA 2ª TURMA DE ODONTOLOGIA

Turma formada.

A Faculdade de Ilhéus realizou a cerimônia de colação de grau da segunda turma de formandos do curso de Odontologia, pioneiro na região Sul e Extremo Sul da Bahia, no sábado, 4 de agosto, no auditório Jorge Amado do Centro de Convenções Luís Eduardo Magalhães. O diretor-geral, Almir Milanesi, presidiu a solenidade de graduação da turma denominada “Dr. Yuri Muniz”, com a participação do coordenador do curso, Fábio Silveira, e da presidente do Conselho Regional de Odontologia (CRO) da Bahia, Viviane Coelho Dourado.

A cerimônia contou com a presença de 38 formandos, cuja turma teve como paraninfo o professor Antônio Henrique Braitt, e como patrono, o empresário Valderico Reis Júnior. Também integraram a mesa oficial da solenidade, a diretora acadêmica, Sandra Milanesi, a representante do Cesupi (entidade mantenedora), Fátima Frisso, e o secretário acadêmico, Paulo Castro. O professor Murilo Matos participou como “Amigo da Turma”.

A formanda Lívia da Silva Santos foi a oradora e Felipe Mateus Bispo conduziu o juramento dos profissionais de Odontologia. Já Bruna Pereira Santos e Leonardo Antônio Raposo Ramos atuaram como mestres de cerimônias na etapa da chamada para a atribuição de grau pelo presidente da sessão solene, Almir Milanesi. O auditório do Centro de Convenções ficou superlotado durante a formatura.

O pioneiro curso de Odontologia da Faculdade de Ilhéus simboliza um fato histórico no cenário da profissão no Sul da Bahia. A primeira turma de bacharéis em Odontologia foi graduada em janeiro deste ano. Com a inserção de novos profissionais no mercado de trabalho, surgem novas oportunidades de atendimento à população.

O coordenador do curso, Fábio Silveira, declarou que é importante solidificar o compromisso da Faculdade de Ilhéus junto à sociedade regional de qualificar profissionais com uma visão holística e empreendedora para o mercado de trabalho. Silveira ainda destacou o trabalho de atendimento odontológico gratuito prestado à população de baixa renda, através das clínicas-escola instaladas na Faculdade, localizadas à Avenida Nossa Senhora Aparecida, no Bairro São Francisco, na zona sul.

O diretor Almir Milanesi salientou o fato de os bacharéis concluírem a graduação com o curso de Odontologia já reconhecido pelo Ministério da Educação, avaliado com o conceito 4, numa escala de um a cinco. Milanesi também evidenciou a colaboração que o curso presta à comunidade mais necessitada de Ilhéus e outros municípios, por meio das atividades de extensão. Segundo informou, as clínicas\laboratórios do curso realizam, aproximadamente, 700 atendimentos odontológicos, entre adultos e crianças, por semana, totalmente gratuitos.

Todos os níveis de complexidade são atendidos pelos discentes, com a supervisão direta dos professores, como restaurações, tratamentos de canal, extrações, cirurgia oral menor, próteses, tratamentos preventivos e odontopediátricos. Também disponibilizam tratamento especializado a pacientes com necessidades especiais e prévio atendimento odontológico a pacientes em quimioterapia e crianças com diagnóstico de câncer.

ESTUDO DE VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA DA FIOL NO TRECHO ILHÉUS-CAETITÉ É APROVADO

Do Agravo

Fiol

O Diário Oficial da União publicou ontem a aprovação do EVTE, Estudos de Viabilidade Técnica e Econômica referentes ao processo de concessão da Ferrovia de Integração Oeste-Leste, do trecho de Ilhéus até Caetité. Os estudos foram contratados através de uma licitação pública, pelo Governo do Estado da Bahia.

Ainda de acordo com a Secom, com o relatório de aprovação emitido pela Secretaria Nacional de Transportes Terrestre e Aquaviário, vinculada ao Ministério dos Transportes, fica estabelecido que a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) já está autorizada a abrir o processo de licitação de concessão da Ferrovia.

O equipamento é uma obra do governo federal e está inserido no Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) da União, com licitação prevista ainda para 2018.

O trecho de Ilhéus até Caetité já está mais de 70% concluído. Ao todo, já foram investidos mais de R$ 3,3 bilhões em toda a extensão da Ferrovia, no território da Bahia.

MORADORES CONVIVEM COM ESGOTO EM RUA DO IGUAPE

Olha a dificuldade.

A construção de uma rede de esgoto gera transtornos a moradores do Iguape. A obra, que deveria trazer benefícios aos moradores da Rua São Miguel, custa a ser concluída. Com o serviço pela metade, a água da chuva se mistura com esgoto e toma parte da via, além de invadir casas.

A comunidade procurou o Ministério Público, que acionou a Embasa, responsável pela obra, e a Prefeitura de Ilhéus. A notificação foi feita em fevereiro desse ano. Sete meses depois, o problema persiste.

O odor e o risco de transmissão de doenças é grande, sem contar a quantidade de mosquitos e ratos na região.

VEREADORES DE ILHÉUS SÃO SUSPEITOS DE PAGAR PARA RECEBER HONRARIA

Do Pimenta

Câmara

Políticos de Buerarema, Canavieiras, Ilhéus e Gandu estão entre os investigados por suspeita de pagamento por honrarias concedidas pelo Instituto Tiradentes, de Minas Gerais, e pela União Brasileira de Divulgação (UBD), de Pernambuco. A lista de investigados tem representantes de 27 prefeituras e 30 Câmaras de Vereadores de diferentes regiões da Bahia.

A Câmara de Vereadores de Canavieiras, segundo dados do TCM, ocupa 8ª colocação na lista de quem mais gastou com empresas que concedem honrarias. A premiação aos  representantes do legislativo do município sul baiano teria custado R$ 2.890. A campeã de gastos foi a Câmara de Vereadores de Bom Jesus da Lapa, com desembolso de R$ 6.594.

No sul da Bahia, além de Canavieiras, dinheiro público para pagar por honrarias teria sido usado por representantes das Câmaras de Vereadores de Buerarema (R$ 578,00) e Ilhéus (R$ 1.911,00). No baixo sul do estado, o dinheiro contribuinte teria sido foi utilizado para bancar “reconhecimento” a representantes do Poder Executivo. A Prefeitura teria desembolsado R$ 637,00 para o Instituto Tiradentes, que também foi o escolhido pelos vereadores dos três municípios do sul da Bahia.

A lista de suspeitos de usar dinheiro público para bancar “reconhecimento pessoal” inclui também políticos de municípios como Alagoinhas, Barreiras, Brumado, Lauro de Freitas, Luís Eduardo Magalhães, Paulo Afonso, Poções, Prado e Vitória da Conquista. O Instituto Tiradentes, segundo  o TCM, recebeu a maior parte dos pagamentos.

Comentário do Blog

Em junho deste ano, a assessoria de comunicação da Câmara de Vereadores noticiou que três parlamentares de Ilhéus foram “agraciados” com a medalha de Tiradentes: Lukas Paiva, presidente da casa, Makrisi Angeli e Juarez.

 

DELEGADA OUVE POLICIAL SOBRE ACIDENTE QUE MATOU JOVEM NA ILHÉUS-ITABUNA

Do Pimenta

Elba

Foi ouvido na atarde desta terça-feira (7), na Delegacia de Proteção ao Turista em Ilhéus (Deltur), o policial militar da reserva Robson de Cácio Borges da Silva.O depoimento foi sobre o acidente ocorrido no dia 19 de julho, na Rodovia Ilhéus-Itabuna (BR-415), que matou Elba Oliveira, de 19 anos. A jovem retornava para casa, em Itabuna, na companhia do policial, que dirigia um HB-20 sedan.

De acordo com a titular da Deltur, delegada Adriana Paternostro, Robson de Cácio confirmou que retornava de Ilhéus para Itabuna quando, nas proximidades da Ceplac, o veículo derrapou, rodou na pista e colidiu com uma árvore. O impacto foi no lado onde viaja Alba Oliveira, que morreu na hora. O depoimento durou pouco mais de uma hora.Os familiares da jovem também estiveram na delegacia.

A delegada informou que Robson de Cácio alegou que não prestou socorro à vítima porque ficou atordoado com impacto. Afirmou ainda, conforme a Adriana Paternostro, que foi socorrido por populares e levado para um hospital. O policial teria dito também que mantinha um relacionamento com a jovem. Ele responderá por homicídio culposo (sem intenção de matar), com agravante da omissão do socorro, informou a delegada.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia