Novo hospital

O Hospital Regional Costa do Cacau é uma das unidades da rede pública do Estado incluída pela Secretaria da Saúde para a implantação do sistema de automação do processo de triagem dos seus usuários. O secretário Fábio Vilas-Boas, em reunião com os gestores das unidades selecionadas, apresentou o sistema desenvolvido em conformidade com as normas do Ministério da Saúde, que faz a classificação dos atendimentos a partir do grau de risco clínico dos usuários.

“O novo sistema vai tornar ainda mais eficiente o processo de triagem, reduzindo substancialmente o tempo dos procedimentos iniciais dos usuários nas unidades de saúde. Vai também estabelecer com mais rigor a ordem de atendimento, em função do potencial de gravidade dos sintomas apresentados”, avalia o diretor-geral do HRCC, Hernani Vaz Kruger, que participou da reunião realizada em Salvador, na sede da Sesab.

O Acolhimento com Classificação de Risco (ACCR) é uma ferramenta tecnológica (software) desenvolvida para identificar a gravidade do estado clínico do usuário através das normas estabelecidas pelo Ministério da Saúde: urgente (atendimento rápido, o paciente pode aguardar), muito urgente (atendimento o mais rápido possível), emergência (atendimento imediato), que são os casos próprios para atendimento no HRCC, além de casos não urgentes e pouco urgentes, que são direcionados para unidades da rede básica (postos de saúde).

Na reunião foi também definido que nove profissionais de enfermagem do HRCC vão ser treinados pela Sesab, para utilização da plataforma digital, que possibilitará a implantação da automação do processo de triagem, auxiliandonos serviços de urgência e emergência da unidade.