WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia


outubro 2017
D S T Q Q S S
« set   nov »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  


:: 3/out/2017 . 23:28

ILHÉUS E UNA REGISTRAM AUMENTO DE MORTES DE PESSOAS COM AIDS

Do Pimenta 

Ilhéus já notificou, neste ano, cinco mortes de pessoas que estavam com Aids. O número é bem superior ao registrado em 2016, quando houve um óbito em 12 meses, conforme dados da Superintendência de Vigilância de Proteção da Saúde. Outro município com aumento no número de mortes de portadores da doença é Una, com três ocorrências, conforme apurou o PIMENTA.
De acordo com dados do órgão da Secretaria Estadual de Saúde, no ano a doença já matou 113 pessoas na Bahia, sendo que 49 eram moradores de Salvador. No interior, além de Itabuna e Una, os municípios com quantidade significativa de óbitos são Teixeira de Freitas (9), Santo Antônio de Jesus (7), Jequié (6), Serrinha (6), Juazeiro (5) e Irecê (3).
Os números indicam que Itabuna fechará o ano com redução na quantidade de mortes causadas pela doença. O município notificou uma ocorrência em nove meses. No ano passado, Itabuna registrou uma média de dois óbitos por mês.
MAIS MORTES
Os dados mostram ainda que, nos últimos anos, a doença causou dezenas de mortes em localidades como Camacan, Una, Jequié, Porto Seguro, Eunápolis, Teixeira de Freitas e Santo Antônio de Jesus. No ano passado, por exemplo, esses municípios somaram 43 mortes das 208 registradas no estado.
Em 2015, foram 56 mortes de pessoas que lutavam contra a Aids nesses municípios, excluindo da lista Camacan, que não teve notificação. Naquele ano a doença causou 11 óbitos em Ilhéus e outros 10 em Itabuna. No estado foram 218 mortes de pessoas adultas

SERVIDORES ESTADUAIS DO HOSPITAL REGIONAL DEVEM ESCOLHER UNIDADES DE SAÚDE PARA SEREM REALOCADOS

Regional

Do Agravo

Uma circular assinada pelo Diretor Geral do Hospital Regional Luiz Viana Filho, Dr. Cláudio Moura Costa, vem preocupando os servidores estatutários estaduais alocados na unidade. Segundo a circular interna de Nº 042/2017, os servidores que quiserem optar para unidades de saúde fora de Ilhéus devem procurar o RH do órgão. Para os servidores, a circular insinua que não haverá transferência dos servidores para o novo Hospital Regional (Costa do Cacau).

Vale lembrar que o Hospital Regional será repassado ao município de Ilhéus, que passará a ser um Hospital Materno-Infantil.
Segundo o ofício encaminhado pelo Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia, ao legislativo ilheense e lido no plenário, o secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas Boas, garantiu que os servidores seriam transferidos e mantidos no novo Hospital, e pede a intervenção da casa para que a promessa seja cobrada.
Os servidores lotados no Hospital Regional tem relevantes serviços à população de Ilhéus, município onde constituíram famílias, e toda a sua vida e terão que fazer uma mudança drástica, sem necessidade, já que o Novo Hospital do Cacau possui essas vagas.

ESTUDANTES DO IME SÃO FLAGRADOS COM ARMA 


Do FRN

03 Estudantes do Colégio IME (Instituto Municipal de Ensino Eusinio Lavigne) de Ilhéus, foram detidos por policiais militares por estarem portando uma arma calibre.32 com 04 cartuchos, sendo que 02 deflagrados e dois intactos, nas imediações do estádio Mário Pessoa, bem próximo da unidade de ensino, por volta das 13h30 desta terça-feira (03).
A Polícia Militar acredita que os adolescentes possam estar usando a arma para ameaçar outros jovens e até cometerem roubos na região. Eles serão ouvidos pelo delegado plantonista e devem ser liberados com a presença dos pais. As identidades dos estudantes não foram reveladas. 

MARÃO SANCIONA PROJETOS APROVADOS PELA CÂMARA

Da Ascom/Câmara

Plenário

Na última segunda-feira, a publicação do Diário Oficial do município trouxe algumas leis que foram criadas pela Câmara de Vereadores e passam a vigorar após a sanção do prefeito de Ilhéus, Mário Alexandre Sousa. Uma delas é a Lei 3.870, de 21 de agosto de 2017, que obriga todos os materiais impressos distribuídos pela Secretaria de Educação a conter a seguinte informação: “Disque 100 – Denúncia de abuso e exploração contra a criança e adolescente”. A lei informa que a mensagem deverá ser igualmente apresentada nos livros e cadernos escolares distribuídos aos alunos da rede pública de ensino do Município de Ilhéus em condições de possibilitar sua fácil visualização e leitura.

Outra lei, que também versa sobre a criança e o adolescente passa a vigorar como Lei Nº 3.876, de 21 de agosto de 2017 e instituí em Ilhéus a “Semana Municipal de Proteção à Criança e ao Adolescente e de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual Infantojuvenil”, que será realizada anualmente, no período compreendido entre os dias 11 e 18 de maio, tendo em vista ser o 18 de maio o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual da Criança e Adolescente”, e já incluído no calendário oficial brasileiro por meio da Lei Federal nº 9.970, de 17 de maio de 2000.

A Prefeitura também passa a realizar semestralmente a coleta de amostras para análise das águas dos reservatórios das escolas, creches e unidades de saúde do município através da Lei nº 3.874, de 21 de agosto de 2017. A medida visa oferecer ao cidadão e servidores públicos água nos espaços municipais em condições apropriadas para o consumo humano e também foi produzida pela Câmara de Ilhéus. De acordo com a lei sancionada, a realização da análise das amostras deverá ser efetuada por empresas especializadas, devidamente credenciadas pelo órgão municipal competente. As empresas credenciadas deverão comprovar condições técnicas com profissionais responsáveis para a execução do serviço. O resultado da análise das amostras deverá ser publicado e tomadas as providencias necessárias nos casos em que for constatado que a água não obedece ao padrão de potabilidade e que oferece risco à saúde.

Já a Lei nº 3.877, de 21 de agosto de 2017, cria o COMSEA – Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, com caráter consultivo, deliberativo e fiscalizador, constituindo-se em espaço de articulação entre o governo municipal e a sociedade civil para a formação de diretrizes para políticas e ações da área de segurança alimentar e nutricional. Cabe ao COMSEA estabelecer diálogo permanente entre o Governo Municipal e as organizações sociais nele representadas, com o objetivo de assessorar o Município de Ilhéus na formação de políticas públicas e na definição de diretrizes e prioridades que visem a garantia do direito humano à alimentação.

As informações relativas à disponibilidade, quantidade, tipo e indicação de medicamentos de distribuição obrigatória gratuita pelo Executivo do Município de Ilhéus serão disponibilizadas na rede internacional de computadores – internet, com a atualização em tempo real, através da Lei nº 3.875, de 21 de agosto de 2017. As informações serão disponibilizadas de forma a permitir que o usuário busque por tipo de medicamento, composição, indicação de uso, quantidade em estoque e o centro de distribuição onde se encontram disponíveis. Parágrafo único. O resultado de pesquisa deverá apontar igualmente se o medicamento buscado encontra-se na validade para consumo.

ÔNIBUS PERDE FORÇA NA LADEIRA E ASSUSTA PASSAGEIROS EM ILHÉUS

Do Tabuleiro

Onibus sem força

No início da tarde desta terça-feira (03) um ônibus da empresa viametro que faz a linha Santo Antônio não teve forças para subir a ladeira que dá acesso a Ponte Lomanto Júnior. O motorista tentou por duas vezes a subida mas o ônibus retornou de ré pela Princesa Isabel. O cobrador desceu do ônibus e ajudou na organização do tráfego para que o motorista retornasse ao terminal urbano.

Os usuários do transporte coletivo ficaram indignados com a situação. No terminal o ônibus permaneceu por cerca de  20 minutos parado, depois seguiu  sentido Praça Cairu pela ladeira da Rua Maria Quitéria, no Centro de Ilhéus.

UESC PROMOVE CALOURADA ESPORTIVA

Do Blog do Gusmão

Uesc

Nesse fim de semana (7 e 8 de outubro), a Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) vai promover a Calourada Esportiva 2017.2. O evento visa a integração entre estudantes, funcionários e docentes da universidade por meio de atividades físicas e esportivas.

A proposta dessa edição é garantir que as pessoas pratiquem as modalidades de maneira informal e recreativa. Os interessados podem participar individual ou coletivamente, basta preencher o formulário de inscrição.

Para ver a programação completa, acesse aqui.

POSTO DE SAÚDE DO NOSSA SENHORA DA VITÓRIA É REFORMADO

Do Ilhéus 24h

Posto entregue

A entrega da nova unidade do Programa Saúde da Família (PSF) do bairro Nossa Senhora das Vitórias, zona sul de Ilhéus, ontem (02) à noite, passa a garantir o atendimento a uma população estimada em 16 mil habitantes. Dona Gildete Araújo dos Santos aguardava ansiosa por este momento. A reforma que foi paralisada na gestão anterior, foi retomada pela atual administração, através das secretarias municipais de Saúde (Sesau) e Infraestrutura (Seintra) e adequa o espaço às normas estabelecidas pelo Ministério da Saúde para este perfil de unidade. Há 15 anos residindo na rua da Vitória, dona Gildete é diabética e hipertensa. “Esperei e acreditei. Amanhã (hoje) mesmo estarei aqui para ser atendida pelo médico e retirar meus medicamentos”, comemorou.

De acordo com a secretária de Saúde, Elizângela Oliveira, a unidade terá os atendimentos clássicos do Programa de Saúde da Família, contando com médico, enfermeiro, odontólogo e agente comunitário de saúde. Não será disponibilizado atendimento de especialidades médicas. O funcionamento será de segunda à sexta-feira, das 7 ao meio-dia e das 13 às 16 horas. A USF oferece consultórios odontológicos, nutricional, salas de acompanhamento do crescimento e desenvolvimento da criança, sala de vacinação, de procedimentos e reuniões comunitárias. Durante a reforma foram executados serviços de recuperação de todas as salas, telhado, forro e pinturas interna e externa, além de recuperação das instalações elétrica e hidráulica.

Avanço – “A reconstrução da saúde passa por medidas como esta, onde o respeito ao cidadão é prioritário. Sei dos problemas da saúde. Como também sei que não dá para resolver todos em tão pouco tempo de gestão. Estamos avançando. Chegaremos ao nível desejado onde poderemos ter uma rede integrada atendendo com dignidade a quem mais precisa”, destacou Mário Alexandre. O vice-prefeito José Nazal lembrou que há exato um ano, eles estiveram no local e ouviram da população a importância que o posto tinha para o bairro. “Hoje, um ano depois, estamos aqui, para entregar o que é, de fato, de direito de todos vocês”, destacou.

A secretária de Saúde, Elizângela Oliveira, reforçou a tese do trabalho planejado que começa a apresentar resultados. “Outras unidades, em breve, estarão sendo entregues. Especificamente aqui na zona sul temos a do Nelson Costa. As obras estão avançando e a unidade já se encontra em fase de acabamento”, informou.

Além do presidente da Câmara, Lukas Paiva, e da deputada estadual Ângela Sousa, o ato contou com a presença do vereador Paulo Santos da Anunciação, o Paulo “Meio Quilo”, liderança da comunidade. “Valeu o empenho do prefeito, da sua equipe. Cuidem deste espaço que é de vocês”, disse aos moradores. Para a deputada Ângela Sousa, muito em breve a saúde de Ilhéus estará em um patamar que será referência entre os municípios da Bahia. “Conquistaremos aos poucos estes nossos anseios. Podem acreditar”, destacou.

JUSTIÇA MANDA SOLTAR KÁCIO BRANDÃO

Do Tabuleiro

Kacio solto

O ex-secretário de Desenvolvimento Social de Ilhéus, Kácio Clay Brandão, preso durante a Operação Citrus, teve o pedido de liberdade atendido, em parte, pela justiça, na tarde desta terça-feira, dia 3. Kácio deverá cumprir penas alternativas, mas deixará o presídio Ariston Cardoso, onde se encontra desde o dia 21 de março deste ano.

PACIENTES COM ANEMIA FALCIFORME SOFREM EM ILHÉUS

O drama dos pacientes.

A TV Santa Cruz levou ao ar nesta segunda, dia 2, reportagem que fala sobre os pacientes com anemia falciforme em Ilhéus. O município, há meses, não fornece um medicamento vital para quem enfrenta a doença.

Confira AQUI a reportagem.

ILHÉUS: INAUGURAÇÃO DE NOVO CONDOMÍNIO MINHA CASA, MINHA VIDA DEPENDE DE TEMER

Da Secom/Ilhéus

Residencial Vilela do Programa Minha Casa Minha Vida – Secom.

“Não depende da Prefeitura de Ilhéus, nem do Setor de Habitação da Secretaria municipal de Desenvolvimento Social o procedimento da entrega das chaves aos contemplados do Residencial Vilela, do Programa Minha Casa, Minha Vida. Todo o procedimento de responsabilidade da secretaria já foi concluído. O Setor de Habitação aguarda, neste momento, a informação da Caixa Econômica Federal que recebe do Ministério das Cidades e encaminha pra gente”, informa o coordenador do setor, Welder Santos. 

O coordenador ressalta ainda que, nesta segunda-feira (02) cobrou mais uma vez da Superintendência da Caixa Econômica Regional de Itabuna a data de entrega das chaves e foi informado que o Ministério das Cidades não quer autorizar a entrega das chaves devido a uma pavimentação que dá acesso ao conjunto residencial que está em fase de finalização. “Eles informaram que a construtora ainda está terminando a pavimentação que dá acesso ao condomínio, assim que terminar a Caixa informa para o Ministério das Cidades que está tudo concluído e aguardará a posição deles”, ressalta.

Ele destaca ainda que a gestão quer entregar as chaves o quanto antes, pois conhece as dificuldades e necessidades dos contemplados. Os beneficiários que assinaram o contrato do Residencial Vilela e não tiveram condições de pagar a primeira parcela do contrato devem entrar em contato com a Caixa Econômica pelo telefone (0800 7257474) para mudar a data de pagamento.

Inadimplências Sol e Mar I e II – Na última sexta-feira (29) Welder Santos também concedeu entrevista para o Programa Tropa de Elite, da Rádio Baiana, e esclareceu diversas situações e dúvidas da população a respeito do Conjunto Habitacional Sol e Mar I e II. “Estamos fazendo um trabalho sério, mas pegamos muitas situações difíceis da gestão anterior, pessoas contempladas duas vezes no condomínio, gente que não tem necessidade e foi contemplado, existem apartamentos vazios até hoje”.  

Ele disse ainda que a equipe do Setor de Habitação já fez esse levantamento e encaminhou o relatório das visitas para a Caixa Econômica.  Todo o trabalho do setor é feito em conjunto com a Caixa e demais órgãos federais e existe um perfil exigido pelo programa dos beneficiários que deve ser cumprido, os apartamentos também não podem ser vendidos ou alugados.

“Está existindo até corretagem dos apartamentos, isso não pode acontecer, os apartamentos são de cunho social, para quem não tem um imóvel para morar. Vamos recuperar esses apartamentos e substituir para as famílias carentes que realmente precisam, temos diversas pessoas em situação de vulnerabilidade social, como usuários do Centro de Referência da Assistência Social (Cras) que se enquadram no perfil e não tem uma casa”, finaliza.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia