Moradores sofrem com mato alto.

O morador João Evangelista Oliveira, da Vila São José, zona norte de Ilhéus, entrou em contato com nossa redação para reclamar do descaso do órgão que sucedeu o Derba na conservação da rodovia Ilhéus /Uruçuca, onde o mato e o bambú tomaram conta do acostamento.

Segundo Evangelista, no final do ano passado o serviço foi iniciado, mas inexplicavelmente logo paralisado. O “risco é muito grande pois muitos moradores se deslocam a pé ou de bicicleta para o centro e são obrigados a andarem pelo asfalto colocando em risco suas vidas”.

Ele disse que entrou em contato com o Derba em Itabuna e foi informado que o órgão tinha sido extinto e indicaram um número de Salvador para falar com o responsável, de nome Dr Saulo, nada de resposta.

O risco, segundo Evangelista, não é somente para quem anda a pé ou de bicicleta, mas para os ônibus e demais veículos, que tem que desviar dos bambús caídos e vão para a contra mão. “No mês passado houve um grave acidente envolvendo um caminhão baú com uma caçamba, e o motorista do baú foi levado pelo SAMU em estado grave, mas graças a Deus não faleceu”.

Em nome da comunidade de Vila São José, o senhor João Evangelista pede socorro e conclama o prefeito Mário Alexandre e a deputada Angela Souza para colocarem o Dr Saulo a par do assunto.