Sonilda insatisfeita.

Indicada pra assumir um cargo que ainda não existe, a enfermeira Sonilda Melo está insatisfeita com sua exoneração da Secretaria de Saúde de Ilhéus, onde era superintendente técnica. A saída do posto se deu oficialmente no início da semana, em decreto assinado pelo prefeito Mário Alexandre, de quem ela é escudeira há muito tempo.

Sonilda foi indicada, como afirmou o Blog Agravo, pra ocupar a chefia do hospital materno-infantil de Ilhéus. O problema é que a unidade hospitalar não existe ainda, apesar de ser certa a instalação onde hoje funciona o Hospital Regional Luiz Viana Filho, que terá as demandas direcionadas ao novo Hospital da Costa do Cacau, em fase final de construção.

A enfermeira, que topou o desafio, tem contado nos bastidores que não está satisfeita com a exoneração prematura do cargo no município. A saída imediata, inclusive, teria o dedo da nova secretária de Saúde, Elizângela Oliveira.