Uma das ordens

A superintendência de Meio Ambiente de Ilhéus, responsável por controlar o uso do espaço público no município, parece escolher a dedo quem será fiscalizado e punido. 

Só nesta sexta, dia 5, o órgão, comandado pelo comunicólogo Emilio Gusmão, expediu ordens pra dois donos de bares retirarem da rua cadeiras usadas pelos clientes, no bairro Hernani Sá.

A determinação é correta, mas atinge um num universo imenso de bares e restaurantes que usam calçadas e praças como uma extensão do estabelecimento. Pior: atinge sempre o mais fraco.

Agora que iniciou a investida contra o uso irregular do espaço público, espera-se que a superintendência avance sobre os bares da passarela do álcool, no Pontal, o Burger King, no centro, as lanchonetes da praça Castro Alves, assim como a Barrakitika, por exemplo.