WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
bahiagas policlinica itabuna secom bahia teatro itabuna


março 2017
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  


:: 14/mar/2017 . 17:36

GOVERNO MARÃO AUMENTA GASTOS COM SERVIDORES EM 700 MIL REAIS EM UM MÊS, ACUSAM CONCURSADOS

Do Tabuleiro 

Marão tem prática divergente do discurso

“Prefeitura alega que não tem verba para convocar os concursados mas em um mês já aumentou a folha de pagamento em quase R$ 700.000,00 (Setescentos mil reais)”, afirmou na manhã desta terça-feira (14) Indira Menezes Costa, representante da comissão de concursados de Ilhéus ao comunicador Vila Nova, na Rádio Conquista FM. De acordo com Indira levantamento com todos os dados se encontra no Ministério Público nas mãos do promotor Frank Ferrari. Ao todo, cerca de 198 aprovados aguardam convocação.
A representante questionou a seleção simplificada para preenchimento de vagas para professores, sendo que esse cargo já havia sido previsto no edital, acrescentando que existem professores concursados que até hoje não foram convocados. Indira também questiona o desvio de finalidade de inúmeros servidores, na gestão Marão e a precária situação que passa o SAMU de Ilhéus. Segundo ela existe um déficit de pelo menos 10 socorristas no SAMU (Serviço de atendimento móvel e de urgência).

PACIENTES ESPERAM MESES POR CIRURGIAS ORTOPÉDICAS EM ILHÉUS 

Da TV Santa Cruz

Hospital Regional

Pacientes com traumas ortopédicos internados no Hospital Geral Luiz Viana Filho, em Ilhéus, aguardam há meses transferências para outras unidades de saúde para realizar cirurgias. Como a maioria dos casos envolve fraturas de ossos, familiares dos pacientes ficam angustiados e dizem que, quanto mais o tempo passa, maiores as chances de sequelas.
A família do jovem Ezequiel Santana dos Santos, de 16 anos, que sofreu um acidente de moto em janeiro desse ano e quebrou um osso da perna, está desesperada. Ele está internado há mais de um mês e meio na unidade médica no corredor do hospital e ainda não conseguiu passar por uma cirurgia.
Os parentes do rapaz contam que receberam um documento da Procuradoria Geral do Estado (PGE) que atesta que ao menos 99 pacientes em toda a Bahia precisam de transferência pelo mesmo motivo e que quatro têm até liminar da Justiça, mas ainda assim não conseguem uma vaga.
“Logo quando ele deu entrada, o médico falou que teria que ser uma cirurgia com urgência”, afirma a tia do jovem, Vandilma Santos. Segundo ela, o hospital afirma que não tem leito para o jovem e que, por isso, ele continua no corredor.
A família diz que, em documentos, o hospital afirma que tem buscado vagas em outras unidades médicas desde janeiro, inclusive destacando que o caso é urgente, mas ainda assim nenhuma vaga surgiu. A família está aflita. “Estamos preocupados com uma infecção, uma pneumonia, porque ele está exposto”, diz a tia.
O filho da dona de casa Alice Santana, Gerson Francisco Santana, de 44 anos, também está na mesma situação. Ele está internado no hospital desde que caiu em uma calçada e fraturou o cóccix. Ele também precisa ser transferido para outro hospital para ter uma avaliação melhor do quadro de saúde, mas não consegue vaga. “Chora ele e chora eu, porque a gente vê um filho assim no desespero. E até hoje nada. Dizem que não tem vaga em Salvador”, diz Alice.
A avó de Jailton Silva, Adalgisa Rodrigues dos Santos, de 90 anos, também está internada há uma semana no mesmo hospital. Ela quebrou um osso da perna e precisa ser transferida. “Não tem previsão de transferência. Até agora eles não deram uma solução a gente” diz.
A direção do hospital informou que tem ortopedista na unidade e que cirurgias dessa especialidade são realizadas todos os dias no hospital. A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) afirmou, por sua vez, que aguarda laudos de exames do paciente Ezequiel para avaliar para onde ele precisa ser levado. Com relação ao paciente Gerson, a Sesab disse que está em busca de vaga. Já sobre o caso de Adalgisa, o órgão informou que não foi localizado no sistema o pedido de transferência.

GOVERNO MARÃO VAI GASTAR MAIS DE $ 5 MILHÕES COM TRANSPORTE ESCOLAR

Do Agravo

Entra e sai governo, e o transporte escolar municipal continua sendo grande parte terceirizado, com contratos milionários, mesmo Ilhéus possuindo uma frota de 22 ônibus próprios.
Na última sexta-feira (10), a prefeitura municipal de Ilhéus publicou no diário oficial, o extrato do contrato para o transporte escolar com a empresa Dzset Transporte e Logística Ltda-Me, no valor de R$ 5.523.000,00 ( Cinco Milhões e quinhetos e vinte três mil reais).
A empresa Dzset tem sua sede no município de Una, e terá o contrato vigente de 03/02/2017 a 03/02/2018, com recebimento mensal de R$ 465.250,00 ( quatrocentos e sessenta e cinco mil e duzentos e cinquenta reais).
O Blog Agravo fez um levantamento onde mostra que o valor dobrou comparado ao ano de 2016, quando o ex- governo Jabista gastou R$ 677.000,00 no período de três meses de contrato no transporte escolar, que dá uma média de R$ 225.666,00 mensais.
É importante lembrar que o transporte escolar do governo Jabista é alvo de investigações por parte de órgãos federais.
Vale relembrar que a pauta Transporte escolar foi alvo de várias matérias investigativas do Blog Agravo, que mostrou ônibus novos, de propriedade do município, totalmente abandonados, enquanto a prefeitura gastava milhões com a terceirização de ônibus, na maioria das vezes sem condições de uso. ( Clique aqui para ler )

PROFESSORES TEMPORÁRIOS DE ILHÉUS SÃO PROIBIDOS DE PARTICIPAR DE PARALISAÇÃO 

Do FRN

Censura

Os professores contratados da rede municipal de ensino de Ilhéus não poderão aderir a paralisação nacional contra a reforma da Previdência, que terá início a partir desta quarta-feira, 15. A informação foi passada pela diretora da APPI, Enilda Mendonça, no início da tarde de hoje, 14, durante entrevista concedida a uma rádio AM de Ilhéus. 
A determinação partiu da secretaria de educação (SEDUC) e pegou todos os profissionais de surpresa, já que a Medida Provisória sendo aprovada em Brasília, trará prejuízos incalculáveis e dificultará as próximas aposentadorias dos brasileiros. A APPI por sua vez, está dialogando com o governo Mário Alexandre, para que os contratados da educação também participem das atividades contra a reforma da Previdência Social. 

EMBASA ABRE CONCURSO COM SALÁRIOS DE ATÉ 6 MIL REAIS 

Do Pimenta

A Embasa publicou no Diário Oficial do Estado, edição desta terça (14), o edital do concurso público para preencher 600 vagas, várias delas para o eixo Ilhéus-Itabuna. Os salários variam de R$ 1.551,76 (nível médio) a R$ 6.793,31 (superior). Para o nível médio técnico, o salário é R$ 2.564,52.
De acordo com o edital, são 492 vagas para o nível médio, 55 para nível médio técnico e 53 para cargos de nível superior. As provas serão aplicadas pelo Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).
As inscrições começam nesta quinta (15), a partir da 0h, e serão encerradas às 23h59min de 5 de abril (horário de Brasília). Deverão ser feitas somente pela internet, no endereço www.ibfc.org.br.
O candidato terá até 6 de abril para quitar a taxa de inscrição, fixada em R$ 60,00 para cargos de nível médio, R$ 80,00 para os de nível técnico e R$ 120,00 para aqueles que exigem nível superior.
VAGAS
Conforme o edital publicado hoje, serão oferecidas 492 vagas para nível médio (agente administrativo, agente operacional, assistente de laboratório (Itabuna) e operador de processos de água e esgoto.
Para o nível médio técnico, as 55 vagas são distribuídas entre técnico operacional (edificações) e técnico em eletromecânica.
As vagas que exigem nível superior são as de analista de saneamento, sendo 7 para analista de tecnologia da informação (Desenvolvimento), 3 para contador ou analista de gestão (Ciências Contábeis), 31 para engenheiro civil/produção civil, 9 para engenharia sanitária/sanitária ambiental e 3 para engenheiro eletricista.
PROVAS 
As provas objetivas e discursivas serão aplicadas em 7 de maio em Salvador, Barreiras, Feira de Santana e Vitória da Conquista. Os candidatos terão 4h30min para fazer o exame.
CONFIRA EDITAL

MORADORES DO INTERIOR RECLAMAM DO TRANSPORTE COLETIVO EM ILHÉUS 

Do FRN

A População dos distritos de Couto e Santo Antônio, na zona sul de Ilhéus, escreveram para a redação do site Fábio Roberto Notícias demonstrando revolta com o péssimo atendimento da empresa de transporte coletivo Viametro. Apesar das duas localidades terem contribuído com a maioria dos votos elegendo o vereador Paulo meio quilo, este tem se mostrado inerte diante do descaso.   
Eles alegam que a empresa retirou o ônibus das 6:30hs, saindo da Central de Abastecimento do Malhado com destino à região de Couto, Santo Antônio, Santa Maria, areia branca, sem nenhum comunicado, prejudicando toda a comunidade. Os moradores afirmam também que a decisão da Viametro está provocando constantes atrasos dos estudantes nas escolas e sem falar da demora para passar nos pontos. 
Por conta desta situação, a Associação do Santo Antônio vai ingressar com uma ação no Ministério Público, a fim de que a Viametro, de propriedade do deputado federal Ronaldo Carletto (PP), regularize o problema e que a comunidade volte a ter acesso à educação, saúde e o amplo direito de ir e vir nos seus devidos horários.  

CARRO INVADE CASA NA AVENIDA PRINCESA ISABEL, EM ILHÉUS

Carro desgovernado.

Um veículo desgovernado invadiu uma casa na Avenida Princesa Isabel, uma das mais perigosas de Ilhéus, na noite desta segunda, dia 13. A via, que não possui acostamento e é bastante utilizada por quem quer ter acesso à zona sul sem precisar passar pelo centro, comumente registra acidentes.

Apesar do susto, nenhuma vítima foi registrada no acidente. o carro, claro, deu perda total.

FERNANDO GOMES PEITOU AMBULANTES. MARÃO ENROLA

Marão não se posiciona sobre muitas coisas.

Na semana passada, o prefeito de Itabuna, Fernando Gomes (Dem), que é adepto de medidas populistas, embora pouco eficazes, decidiu comprar a briga contra ambulantes que ocupavam e tumultuavam a avenida Cinquentenário, a mais famosa do comércio da cidade. Com a medida, os comerciantes irregulares foram removidos e reposicionados em ruelas menos movimentadas. Ainda não é o jeito mais eficaz, mas algo foi feito.

Do lado de cá da rodovia Jorge Amado, o prefeito Mário Alexandre assiste à bagunça instalada principalmente na rua Marquês de Paranaguá e nada faz. Quase não dá pra andar pela via devido à grande quantidade de vendedores que a ocupam.

Ambulantes abusam da falta de fiscalização. Foto da Secom Ilhéus.

A bagunça, que praticamente está institucionalizada, já que fiscais de postura transitam pelo local o dia todo e pouco fazem, fica a menos de 500 metros do shopping popular, que deveria abrigar esses ambulantes.

Marão não gosta de dizer não. Já de olho na eleição de 2020, evita comprar desgastes e vai deixar o problema se arrastar até o próximo pleito, como pretende fazer também com o problema das lotações.

PROJETO VETA INAUGURAÇÃO DE OBRAS PÚBLICAS INACABADAS EM ILHÉUS

Juarez.

O vereador Juarez Barbosa (PMDB) apresentou à Câmara Municipal de Ilhéus Projeto de Lei nº 003/2017 que proíbe a inauguração de obras públicas consideradas inacabadas. O PL  veta qualquer tipo de solenidade, cerimônia ou inauguração de construções que não estejam prontas pra funcionar.

De acordo com o vereador Juarez, “inaugurar obras inacabadas é uma conduta totalmente desrespeitosa ao cidadão, pois o mesmo acredita que o equipamento inaugurado seja ele uma creche, escola ou posto de saúde estará disponível para uma plena utilização, o que de fato, não ocorre”.

O projeto foi aprovado no plenário e será analisado pela Comissão de Justiça, tendo de passar por nova votação. Se aprovado,  será encaminhado para sanção do poder Executivo.

SEM INTERNET, POSTO DE SAÚDE DEIXA DE MARCAR EXAMES EM ILHÉUS

A gestão Marão à frente da prefeitura de Ilhéus segue deixando a desejar em várias áreas, como na saúde. Denúncias sobre mal funcionamento das unidades básicas, principalmente devido à falta de insumo, são recorrentes.

Agora, o caso envolve a falta de conexão de internet na Unidade Básica do Vilela II. Sem sinal, exames e outros serviços estão sendo negados à população, como relatado por um morador que entrou em contato por email.

O caso revela que a medida extrema tomada pelo prefeito, de declarar situação de emergência na saúde em janeiro, em nada surtiu efeito prático.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia