Do Tabuleiro 

O ano não começou bem para os ilheenses, pelo menos no que se refere ao fornecimento de energia elétrica. Em todos os bairros da cidade, tem queda de energia quase que diariamente. Alguns bairros como o Teotônio Vilela, Nossa Senhora da Vitória e Malhado a energia costuma cair pelo menos 2 vezes por dia. Isso sem falar na oscilação que é constante. Essa irregularidade da Coelba (Companhia de Eletricidade do estado da Bahia) vem provocando graves prejuízos às residências, ao comércio e a indústria.
Só esta semana 6 ouvintes dos bairros Teotônio Vilela, Jardim Atlântico, Centro, Malhado, Nossa Senhora da Vitória e Morada do Porto participaram do programa O Tabuleiro, apresentado pelo comunicador Vila Nova na Rádio Conquista FM, reclamando da queda e da oscilação de energia.
Na manhã de ontem (23) Gustavo Oliveira, morador do Condomínio residencial Morada do Porto, Banco da Vitória, Rod. Ilhéus Itabuna disse que por conta da queda e da oscilação de energia teve seu notebook (equipamento de trabalho) queimado, e isso lhe trouxe um grande prejuízo.
A oscilação de energia pode ser por vários fatores, inclusive a falta de transformadores que estabiliza a energia elétrica quando a demanda é alta. O que requer um investimento maior por parte da empresa responsável pelo fornecimento de energia.
A redação de O Tabuleiro encaminhou e-mail ontem (23) solicitando posicionamento da Coelba sobre a situação mais até o fechamento da matéria não houve resposta.